O Antagonista

ChatGPT da OpenAI investigado por violação de regras de proteção de dados na Itália

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 29.01.2024 17:26 comentários
Mundo

ChatGPT da OpenAI investigado por violação de regras de proteção de dados na Itália

Descubra como a Autoridade Italiana de Proteção de Dados questiona a conformidade do ChatGPT da OpenAI com a legislação de proteção de dados

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 29.01.2024 17:26 comentários 0
ChatGPT da OpenAI investigado por violação de regras de proteção de dados na Itália
Fonte: Reprodução / Exame

ChatGPT, o chatbot alimentado por inteligência artificial, está supostamente a violar as regras de proteção de dados, segundo uma instituição supervisora italiana. Uma investigação realizada pela Autoridade Italiana de Proteção de Dados (DPA) descobriu violações à privacidade dos dados. Estas estão supostamente relacionadas com a coleta de dados pessoais e com as proteções de idade.

O chatbot depende do fornecimento de grandes quantidades de dados provenientes da Internet. A OpenAI, criadora do ChatGPT, tem um prazo de 30 dias para responder com a sua defesa. A BBC entrou em contato com a OpenAI para obter um comentário.

A Itália adotou uma posição firme sobre a proteção de dados quando se trata do ChatGPT. Foi o primeiro país ocidental a bloquear o produto em março de 2023, devido a preocupações com a privacidade. O ChatGPT foi reinstalado cerca de quatro semanas depois, após declarar que havia resolvido ou esclarecido com sucesso os problemas levantados pela DPA.

Violações de privacidadade

A DPA italiana lançou uma “atividade de averiguações de factos” na altura, que agora alega ter descoberto violações à privacidade dos dados. A autoridade afirmou numa declaração que: “concluiu que as provas disponíveis apontavam para a existência de violações das disposições contidas no Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) da UE“.

Estas estão relacionadas com a coleta em massa de dados dos usuários, usados depois para treinar o algoritmo. O regulador também está preocupado com a possibilidade de usuários mais jovens serem expostos a conteúdos inadequados gerados pelo chatbot.

Ao abrigo da lei RGPD da UE, as empresas que violarem as regras podem ser multadas em até 4% do faturamento global da companhia.

Proteçao de Dados na UE

O DPA da Itália trabalha em parceria com a Comissão Europeia de Proteção de Dados da União Europeia, que criou uma força-tarefa especial para monitorar o ChatGPT em abril de 2023.

Na ocasião da reativação do ChatGPT na Itália, também em abril de 2023, o regulador italiano informou à BBC que “acolheu as medidas implementadas pela OpenAI” mas solicitou um maior cumprimento.

Em particular, o porta-voz pretendia mais ação em torno da “implementação de um sistema de verificação de idade e do planeamento e realização de uma campanha informativa para informar os italianos sobre o ocorrido, bem como sobre o direito de optar por não ter os seus dados pessoais usados para treinar algoritmos“.

Parceria OpenAI e Microsoft

Um porta-voz da OpenAI disse na altura que continuaria as conversações com o regulador. Vale lembrar que a OpenAI tem uma estreita relação com a gigante da tecnologia Microsoft, que investiu milhares de milhões de dólares na empresa. Além disso, a Microsoft integrou a IA no seu motor de busca Bing, bem como nas suas aplicações Office 365, como Word, Teams e Outlook.

Esportes

Craque Neto detona responsável pela eliminação do Corinthians: "maior culpado"

04.03.2024 23:00 2 minutos de leitura
Visualizar

Vasco acerta contratação do atacante Clayton Silva, de Portugal

Visualizar

Cuca concede primeira entrevista oficial como técnico do Athletico

Visualizar

Rafael Cardoso pede desculpas em caso de agressão contra idoso

Visualizar

Os brasileiros sabem da roubalheira

Visualizar

Amigo de Robinho é multado por tumultuar andamento do processo

Visualizar

Tags relacionadas

Chatgpt ChatGPT. OpenAI. Inteligência Artificial
< Notícia Anterior

“Ilegal, imoral”, diz Eduardo sobre operação que mira Carluxo

29.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Carnaval deve gerar R$ 9 bilhões e impulsionar o setor de turismo

29.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Diplomata brasileiro morre em missão na Ruanda

Diplomata brasileiro morre em missão na Ruanda

04.03.2024 20:46 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Kate Middleton é vista em público novamente depois de 6 semanas

Kate Middleton é vista em público novamente depois de 6 semanas

04.03.2024 20:25 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Nevasca nos EUA causa estragos e perigo de avalanches

Nevasca nos EUA causa estragos e perigo de avalanches

04.03.2024 20:05 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
ONU diz que China violou direitos humanos

ONU diz que China violou direitos humanos

04.03.2024 19:05 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.