O Antagonista

Comissão aprova MP que pode render R$ 35 bi para Haddad

avatar
Otávio Augusto
2 minutos de leitura 14.12.2023 16:27 comentários
Economia

Comissão aprova MP que pode render R$ 35 bi para Haddad

A Comissão Mista aprovou aumento da tributação de grandes empresas que possuem benefícios fiscais de ICMS. O texto ainda precisa ser aprovado nos plenários da Câmara e do Senado...

avatar
Otávio Augusto
2 minutos de leitura 14.12.2023 16:27 comentários 0
Comissão aprova MP que pode render R$ 35 bi para Haddad
Foto: Diogo Zacarias/Ministério da Fazenda

A Comissão Mista aprovou aumento da tributação de grandes empresas que possuem benefícios fiscais de ICMS. O texto ainda precisa ser aprovado nos plenários da Câmara e do Senado.

A votação ocorreu na tarde desta quinta-feira (14) e o texto foi aprovado com 17 votos favoráveis e 8 contrários.

O projeto pode render R$35 bilhões aos cofres do governo e é um dos prioritários para o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

A proposta prevê o fim de isenções fiscais em impostos federais para atividades de custeio em empresas que possuem incentivos estaduais de ICMS.

O relator da proposta, deputado Luiz Fernando Faria (PSD-MG), acrescentou empresas de comércio de bens e serviços, como supermercados, entre aquelas que podem pedir devolução de impostos federais.

“Mesmo crédito tributário que valia para os outros nós incluímos comércio. Uma rede de supermercados, por exemplo, faz um investimento ou expansão. Ela pode se beneficiar dos créditos, assim como a indústria”, comentou o relator.

A partir da aprovação da proposta, as empresas poderão continuar abatendo apenas 25% do IRPJ sobre custos com investimentos, como compra de maquinário, terrenos, itens que se depreciam com o tempo.

Passará a ser necessário o pagamento de CSLL e PIS/Cofins para investimentos e a quitação dos três tributos sobre custeio, como compra de matéria-prima e contratação de pessoal.

A medida também traz o desconto de 80% sobre as dívidas tributárias acumuladas pelas empresas. O texto inicial do governo previa o pagamento total.

O texto também incluiu mudanças no Juros sobre Capital Próprio (JCP), modalidade de distribuição de lucros de acionistas em grandes empresas, que tem dedução de impostos. Inicialmente, a expectativa era de R$10 bilhões de ganho com o fim da JCP.

A medida provisória (MP) é a principal medida de arrecadação do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, neste fim de ano e ajuda a compor o planejamento do Orçamento de 2024.

 

Mais Lidas

1

Atentado a Trump: autoridade confirma 2 mortos, incluindo atirador

Visualizar notícia
2

Atentado a Trump, o que dizem autoridades do mundo inteiro

Visualizar notícia
3

Crusoé: Como o atentado a Trump impacta a campanha nos EUA

Visualizar notícia
4

"Nos vemos na posse", diz Bolsonaro em mensagem sobre Trump

Visualizar notícia
5

Elon Musk manifesta apoio a Trump após disparos

Visualizar notícia
6

"Senti a bala rasgando a pele", diz Trump sobre atentado

Visualizar notícia
7

Atentado a Trump é investigado como tentativa de assassinato

Visualizar notícia
8

“O que vimos hoje é inaceitável”, diz Lula, sobre atentado a Trump

Visualizar notícia
9

Biden sobre atentado a Trump: "Esse tipo de violência é doentia"

Visualizar notícia
10

Serviço secreto dos EUA: “Trump está seguro”

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Fernando Haddad ICMS
< Notícia Anterior

Crusoé: “As armas da ala política do Hamas”

14.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

STF dá 18 meses para Congresso tratar de licença-paternidade

14.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Otávio Augusto

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

AGU busca saída para mega-acordo bilionário que beneficia André Esteves

AGU busca saída para mega-acordo bilionário que beneficia André Esteves

Wilson Lima
12.07.2024 17:34 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Quem faz o certo perde o cargo na Caixa?

Quem faz o certo perde o cargo na Caixa?

12.07.2024 17:26 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ibovespa engata maior sequência de sessões positivas desde 2016

Ibovespa engata maior sequência de sessões positivas desde 2016

Rodrigo Oliveira
12.07.2024 17:19 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Entenda os impactos da introdução do Nanoempreendedor na reforma tributária

Entenda os impactos da introdução do Nanoempreendedor na reforma tributária

12.07.2024 12:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.