Diplomacia sem valores nem resultados Diplomacia sem valores nem resultados
O Antagonista

Diplomacia sem valores nem resultados

avatar
Carlos Graieb
3 minutos de leitura 24.05.2024 16:04 comentários
Análise

Diplomacia sem valores nem resultados

Morte de refém brasileiro dos terroristas do Hamas mostra mais uma vez a insensatez da política externa do governo brasileiro

avatar
Carlos Graieb
3 minutos de leitura 24.05.2024 16:04 comentários 0
Diplomacia sem valores nem resultados
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Nesta sexta-feira, 24, o chanceler das sombras Celso Amorim – o chanceler oficial é Mauro Vieira – deu uma declaração patética à jornalista Raquel Landim. Digo “patética” aproveitando todo o campo de sentidos da palavra, que vai de “ridículo” a “causador de tristeza”

Diante da confirmação da morte de Michel Nisenbaum, refém brasileiro dos terroristas do Hamas, Amorim disse que o  Brasil “fez todo o possível” para libertar os cativos. Lamentou, em seguida, a notícia. 

A fala poderia passar em branco não fosse o Brasil um país cuja diplomacia, sob a influência de Lula e do próprio Amorim, tem a pretensão de influir nos atos dos piores atores internacionais. Como? Tratando-os como pares de gente civilizada. 

O método lulista

Uma diplomacia baseada em valores levaria o Brasil a condenar com veemência terroristas (como o Hamas) e predadores (como Nicolás Maduro e Vladimir Putin). 

Uma diplomacia de resultados se valeria de instrumentos de pressão, em áreas onde o Brasil tem algum peso, para satisfazer interesses do país e dos seus cidadãos. 

O método de Lula e Amorim, contudo, é proporcionar apoio e legitimação aos atos de carniceiros, na expectativa de que seus corações se enterneçam e a paz floresça no mundo. 

Tolos do país do futebol

Dá sempre errado, é claro. Depois que o Brasil age em favor deles, como um dos idiotas da vila global, terroristas e ditadores fazem exatamente o que querem. 

O Hamas mata reféns. Maduro continua avançando sobre o território da Guiana. Putin abre um novo campo de batalha no norte da Ucrânia. 

Fico imaginando se não dão risada, conversando com os seus capangas, daqueles tolos do país do futebol. 

Peão dos mais viciosos

É claro que existe uma miríade de assuntos, sobretudo no comércio internacional, em que o preparo técnico da diplomacia brasileira se faz valer. 

Mas neste texto escrito a traços largos e com a pena da galhofa, refiro-me àquela política externa em que um país projeta a sua visão de mundo. 

Nesse plano, dia após dia, reitera-se a insensatez lulista.

Deseja-se um mundo multipolar onde o Brasil possa ser grande. Atua-se num mundo multipolar onde o Brasil é peão dos sistemas menos democráticos e mais viciosos. 

O resultado, na prática, é uma diplomacia sem valores nem resultados. 

Leia também: Após ignorar família por 5 meses, Lula lamenta morte de refém brasileiro

Brasil

Brasil em estado de emergência habitacional

23.06.2024 14:15 3 minutos de leitura
Visualizar

Rodrygo assume peso da camisa 10 pela Seleção Brasileira

Visualizar

São Paulo passa por onda extrema de seca

Visualizar

PF desmantela quadrilha de tráfico de animais silvestres online

Visualizar

MDB é o principal adversário do governo, diz ministro de Lula

Visualizar

DETRAN do Rio Grande do Sul teme abandono de veículos

Visualizar

Tags relacionadas

Brasil Celso Amorim diplomacia Hamas Itamaraty Mauro Vieira Nicolás Maduro política externa Vladimir Putin
< Notícia Anterior

Giroud anuncia aposentadoria da Seleção Francesa após Euro 2024

24.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Leilão da mansão de Elvis Presley é barrado pela justiça

24.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Carlos Graieb

Carlos Graieb é jornalista formado em Direito, editor sênior do portal O Antagonista e da revista Crusoé. Atuou em veículos como Estadão e Veja. Foi secretário de comunicação do Estado de São Paulo (2017-2018). Cursa a pós-graduação em Filosofia do Direito, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Quem acredita no Lula evangélico?

Quem acredita no Lula evangélico?

Rodolfo Borges
23.06.2024 12:17 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lula enjoa

Lula enjoa

Carlos Graieb
21.06.2024 18:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A visão aquém do alcance de Gleisi

A visão aquém do alcance de Gleisi

Rodrigo Oliveira
21.06.2024 16:40 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ato 2 do ilusionismo matemágico terá pente-fino nos gastos

Ato 2 do ilusionismo matemágico terá pente-fino nos gastos

Rodrigo Oliveira
21.06.2024 08:58 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.