O Antagonista

Mais de 900 muçulmanos mortos de calor em peregrinação a Meca

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 19.06.2024 14:45 comentários
Mundo

Mais de 900 muçulmanos mortos de calor em peregrinação a Meca

A peregrinação começou em Meca na noite de sexta-feira, 15, sob um calor escaldante e termina nessa quarta-feira, 19. Em Meca e em outros locais sagrados da região, a temperatura estava em torno de 50 graus Celsius

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 19.06.2024 14:45 comentários 0
Mais de 900 muçulmanos mortos de calor em peregrinação a Meca
Reprodução/Instagram

Mais de 900 pessoas morreram devido ao calor extremo durante a peregrinação muçulmana do Hajj na Arábia Saudita.

Pelo menos 600 peregrinos do Egito morreram devido às altas temperaturas de até 51,8 graus, disse um diplomata árabe à agência de notícias AFP na quarta-feira, 18 de junho.
Todas as mortes (recém-confirmadas) também se devem ao calor”, disse o diplomata árabe.


Jordânia, Irã, Iraque, Tunísia, Indonésia e Senegal também relataram mortes durante o Hajj nos últimos dias. Um diplomata asiático também falou de “cerca de 68” peregrinos indianos que morreram.

Conforme calculou a AFP com base em informações de vários países, 922 pessoas já morreram durante o Hajj deste ano. No ano passado, mais de 200 mortes foram relatadas durante a peregrinação, a maioria delas na Indonésia.

Mabrouka bint Salem Shoushana, uma tunisiana de 70 anos, está desaparecida desde que os peregrinos escalaram o Monte Arafat no sábado, disse seu marido Mohammed. Por não ter permissão oficial para a peregrinação, ela não teve acesso às salas com ar-condicionado onde os peregrinos podem relaxar do sol escaldante após horas de oração.


Huriah Sharif, de 70 anos, do Egito, também foi dado como desaparecido depois de orar no Monte Arafat. “Batemos em todas as portas, mas ainda não a encontramos”, explicou um amigo do peregrino.

Outros parentes de peregrinos também procuram desesperadamente informações. Numerosas fotos de participantes desaparecidos do Hajj foram publicadas em redes online como o Facebook.

A busca de pessoas desaparecidas é dificultada pelo fato de muitos fiéis participarem no Hajj sem a licença oficial de peregrinação por razões financeiras e, portanto, não terem sido registados pelas autoridades da Arábia Saudita.

A peregrinação começou em Meca na noite de sexta-feira, 15, sob um calor escaldante e termina nessa quarta-feira, 19. Em Meca e em outros locais sagrados da região, a temperatura estava em torno de 50 graus Celsius.

As autoridades pediram aos fiéis que usassem guarda-sóis, evitassem sair de casa durante os horários de almoço particularmente quentes e bebessem bastante água.

Hajj é um dos cinco pilares do Islã. Deve ser realizado pelo menos uma vez na vida por todos os muçulmanos saudáveis que possam pagar. Muitos dos rituais são realizados ao ar livre e a pé, o que é particularmente desafiador para os idosos, especialmente devido ao calor.

No ano passado, cerca de dois milhões de peregrinos participaram da peregrinação na Arábia Saudita. Segundo as autoridades, 10 mil pessoas foram tratadas durante a peregrinação em 2023, dez por cento das quais sofreram insolação.

Mais Lidas

1

Washington Post pede desistência de Biden: “Ele precisa enfrentar a realidade”

Visualizar notícia
2

Trump desafia Biden a fazer exame cognitivo

Visualizar notícia
3

Economista alemão critica ajuda financeira de Lula e Bolsonaro a Putin

Visualizar notícia
4

Prefeito de Curitiba critica Bolsonaro em cerimônia de homenagem a Doria

Visualizar notícia
5

Bolsonaro mantém agenda com Ramagem no Rio

Visualizar notícia

Tags relacionadas

calor extremo islamismo
< Notícia Anterior

Setor de infraestrutura apresenta demandas para regulamentação da tributária

19.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Homem é preso por ejacular em trem na Estação Madureira

19.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Cromossomos são encontrados em fósseis de mamute

Cromossomos são encontrados em fósseis de mamute

13.07.2024 19:16 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Indianos são resgatados na Itália em situação análoga à escravidão

Indianos são resgatados na Itália em situação análoga à escravidão

13.07.2024 18:29 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Economista alemão critica ajuda financeira de Lula e Bolsonaro a Putin

Economista alemão critica ajuda financeira de Lula e Bolsonaro a Putin

Felipe Moura Brasil
13.07.2024 17:55 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Alec Baldwin absolvido em caso de homicídio no set de 'Rust'

Alec Baldwin absolvido em caso de homicídio no set de 'Rust'

13.07.2024 17:32 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.