O Antagonista

Erdogan ameaça barrar novamente entrada de Suécia e Finlândia na OTAN

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 18.07.2022 16:23 comentários
Mundo

Erdogan ameaça barrar novamente entrada de Suécia e Finlândia na OTAN

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan (foto), atacou, nesta segunda-feira (18), os governos de Suécia e Finlândia e ameaçou retomar seu veto à entrada dos dois países na OTAN...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 18.07.2022 16:23 comentários 0
Erdogan ameaça barrar novamente entrada de Suécia e Finlândia na OTAN
Reprodução/Youtube

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan (foto), atacou, nesta segunda-feira (18), os governos de Suécia e Finlândia e ameaçou retomar seu veto à entrada dos dois países na OTAN.

A aliança militar assinou o protocolo de adesão da dupla nórdica no início deste mês, depois que o próprio Erdogan se comprometeu a deixar de barrar as duas candidatura.

A decisão, porém, ainda deve ser ratificada pelos parlamentos de cada um dos 30 países membros, dentre eles a Turquia.

O impasse turco com os dois países envolve os curdos, minoria étnica que, perseguida pelo regime de Erdogan, é envolvida em movimentos pró-autonomia e, até mesmo, separatistas.

Ancara acusa Suécia e Finlândia de concederem asilo a “terroristas” curdos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

O PKK é realmente reconhecido como uma organização terrorista pela União Europeia, EUA e Reino Unido, mas não há provas de que todos os mais de 70 supostos terroristas requisitados pela Turquia sejam terroristas ou associados ao partido.

O protocolo de adesão da Suécia e Finlândia, assinado no início do mês, prevê a avaliação dos casos pendentes de extradição.

“Quero reiterar mais uma vez que congelaremos o processo se esses países não tomarem as medidas necessárias para satisfazer nossas condições”, disse Erdogan nesta segunda-feira.

“Observamos especialmente que a Suécia não dá atenção a essa questão”, concluiu.

No dia da assinatura do protocolo, Erdogan disse que a Suécia prometeu extraditar 73 pessoas, mas apenas três ou quatro processos haviam sido concluídos. Na Finlândia, segundo o jornal turco Hurriyet, há pelo menos 12 pedidos de extradição.

Mais Lidas

1

Sem Biden, democratas conseguirão derrotar Trump?

Visualizar notícia
2

Lula fala fino com Maduro e grosso com “extrema direita”

Visualizar notícia
3

É tudo culpa da Casa Civil

Visualizar notícia
4

"Democratas colhem o que plantaram"

Visualizar notícia
5

Kamala Harris recusa convite para presidir sessão com Netanyahu

Visualizar notícia
6

Inspirado por Biden, Datena ensaia ‘datenar’

Visualizar notícia
7

Censura na EBC na mira da Câmara

Visualizar notícia
8

TSE vai endossar farsa eleitoral de Maduro por Lula?

Visualizar notícia
9

Kamala Harris liderou ranking como senadora mais esquerdista dos EUA

Visualizar notícia
10

Agente da Força Nacional é baleado na cabeça em Vigário Geral

Visualizar notícia

Tags relacionadas

curdos Erdogan finlândia OTAN Recep Erdogan Recep Tayyip Erdogan Suécia Turquia
< Notícia Anterior

Bolsonaro chama embaixadores para insistir em mandante no caso Adélio

18.07.2022 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Em reunião com embaixadores, Bolsonaro ataca TSE, distorce dados da PF e insiste em fraude nas urnas

18.07.2022 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

TSE vai endossar farsa eleitoral de Maduro por Lula?

TSE vai endossar farsa eleitoral de Maduro por Lula?

23.07.2024 08:24 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Atletas zombam da falta de conforto na Vila Olímpica

Atletas zombam da falta de conforto na Vila Olímpica

23.07.2024 08:19 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Tragédia em Nápoles: Desabamento de varanda deixa dois mortos

Tragédia em Nápoles: Desabamento de varanda deixa dois mortos

23.07.2024 07:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Emmanuel Macron quer "trégua olímpica e política"

Emmanuel Macron quer "trégua olímpica e política"

23.07.2024 07:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.