Direita e extrema-direita vão se unir na França? Direita e extrema-direita vão se unir na França?
O Antagonista

Direita e extrema-direita vão se unir na França?

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 11.06.2024 10:49 comentários
Mundo

Direita e extrema-direita vão se unir na França?

“Quarenta anos de um cordão pseudo-sanitário, que causou a perda de muitas eleições, estão desaparecendo”, declarou Le Pen após o presidente do Les Républicains (LR) declara-se favorável a uma aliança com o Rassemblement Nationale (RN)

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 11.06.2024 10:49 comentários 1
Direita e extrema-direita vão se unir na França?
Reprodução/X

No dia seguinte à vitória esmagadora do partido de Marine Le Pen (RN) nas eleições europeias, que levou ao anúncio surpresa da dissolução da Assembleia Nacional por Emmanuel Macron, teve lugar uma reunião crucial na sede parisiense do RN.

Marine Le Pen e Jordan Bardella decidiram receber Marion Maréchal (Reconquête), um dia após a sua eleição como eurodeputada. Objetivo da reunião: preparar-se para as eleições legislativas antecipadas de 30 de junho e 7 de julho. Em discussão estava o cenário de uma futura aliança, seja em nível partidário, entre o RN e a Reconquête; ou no nível de pessoas, com Marion Maréchal, que é sobrinha de Le Pen.

Na manhã desta terça-feira, 11, o líder do Rassemblement Nacional (RN), Jordan Bardella, anunciou também o apoio do RN a candidatos dos LR (Les Républicains): “Nos candidatos que o meu movimento político vai apoiar para estas eleições legislativas, não haverá apenas pessoas do Rassemblement Nacional, haverá também pessoas dos republicanos. Apelo realmente aos republicanos para que deixem de ser a muleta política de Emmanuel Macron e venham trabalhar conosco; estendo-vos a minha mão como sempre fiz”, acrescentou o eurodeputado lepenista.

Presidente de Os Republicanos quer aliança com Le Pen

O presidente do LR, Éric Ciotti, declarou-se favorável à aliança com o partido de Marine Le Pen e declarou nessa terça-feira, 11 de junho, que o seu partido deve concluir “uma aliança com o RN, os seus candidatos, com todos aqueles que se encontram nas ideias de direita, nos valores de direita. Espero que a minha família política se mova nesta direção. Deve surgir uma força para se opor à impotência do macronismo e ao perigo dos insubmissos (LFI).

Marine Le Pen elogiou a “escolha corajosa” e o “sentido de responsabilidade” de Éric Ciotti e disse esperar “que um número significativo de parlamentares do LR o sigam”. “Quarenta anos de um cordão pseudo-sanitário, que causou a perda de muitas eleições, estão desaparecendo”, argumentou a chefe dos deputados do RN na Assembleia Nacional.

Senadores republicanos resistem a Le Pen

A decisão de Éric Ciotti, porém, não foi bem recebida e provocou uma crise interna no seu partido. Os republicanos estão divididos sobre a questão da aliança ou não com o RN e a posição de Éric Ciotti suscitou a desaprovação de outros dirigentes partidários, além de duas deserções.

A vice-presidente Sophie Primas e o relator do orçamento geral Jean-François Husson, anunciaram que estavam deixando o partido. Em um comunicado à imprensa, o grupo de senadores republicanos no Senado escreveu:

Diante do campo de ruínas que a paisagem política francesa se tornou desde domingo, os grupo Os Republicanos no Senado se reuniu essa manhã. Os senadores do grupo reafirmaram com unanimidade aquilo que deve ser a linha clara e responsável da direita francesa: permanecer ela mesma, guardando nossa independência e nossa autonomia tanto frente ao campo macronista quanto frente ao campo lepenista”.

O comunicado da direita senatorial afirma ainda que o projeto do RN “não tem probabilidade de endireitar a França, longe disso” e que “a demagogia nunca foi capaz de liderar um país”. Quanto à linha face à maioria presidencial, o grupo LR considera que “está fora de questão entrar numa coligação com um Presidente da República que é o principal responsável pela situação catastrófica em que França se ‘afunda’”.

Leia mais: Esquerda e extrema esquerda se unem contra Macron e Le Pen

Entretenimento

Rouge: Confusões internas e troca de farpas

23.06.2024 17:27 3 minutos de leitura
Visualizar

Nike relança camisa da seleção de 1998 e preço surpreende

Visualizar

Portabilidade de dívida do cartão de crédito é aprovada

Visualizar

México assolado por onda de calor mortal

Visualizar

Bruno faz show na Bahia com totem de Marrone de papelão

Visualizar

Anatel toma medida drástica contra smartphones falsos

Visualizar

Tags relacionadas

eleições na França Marine Le Pen
< Notícia Anterior

Globo em apuros com queda de ibope

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Ochoa, goleiro de Copa do Mundo, é oferecido ao Corinthians

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Marcelo Augusto Monteiro Ferraz

2024-06-11 12:42:09

Marine Le Pen é outra protagonista de um estranho fenômeno que vem à tona na política global: a esquizofrenia ideológica, que a faz intitular-se de direita e, ao mesmo tempo, aliar-se a Putin. Tempos esquisitos!


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

México assolado por onda de calor mortal

México assolado por onda de calor mortal

23.06.2024 16:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Filipinas e a acusação de ataque da China

Filipinas e a acusação de ataque da China

23.06.2024 16:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mais pessoas morrem em enchentes na Suiça

Mais pessoas morrem em enchentes na Suiça

23.06.2024 15:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ataque em igreja e sinagoga deixa 7 mortos no Daguestão

Ataque em igreja e sinagoga deixa 7 mortos no Daguestão

23.06.2024 15:44 1 minuto de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.