Funcionária da ONU Mulheres endossou tuítes contra Israel Funcionária da ONU Mulheres endossou tuítes contra Israel
O Antagonista

Crusoé: “Funcionária da ONU Mulheres endossou 153 tuítes contra Israel”

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.12.2023 11:53 comentários
Mundo

Crusoé: “Funcionária da ONU Mulheres endossou 153 tuítes contra Israel”

Em meio à passividade da ONU Mulheres para condenar as atrocidades cometidas por terroristas do Hamas contra mulheres israelenses em 7 de outubro, a vice-chefe do gabinete das Nações Unidas para as questões das mulheres, Sarah Douglas, não se esforçou para esconder sua atividade política pró-Palestina e anti-Israel...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.12.2023 11:53 comentários 0
Crusoé: “Funcionária da ONU Mulheres endossou 153 tuítes contra Israel”
Foto: Reprodução/UN Watch

Em meio à passividade da ONU Mulheres para condenar as atrocidades cometidas por terroristas do Hamas contra mulheres israelenses em 7 de outubro, a vice-chefe do gabinete das Nações Unidas para as questões das mulheres, Sarah Douglas, não se esforçou para esconder sua atividade política pró-Palestina e anti-Israel.

Segundo relatório da UN Watch, ONG com sede em Genebra que monitora o desempenho das Nações Unidas, a funcionária da ONU Mulheres endossou 153 tuítes contra Israel.

Sarah Douglas curtiu, por exemplo, um tuíte do Coletivo Feminista Palestino acusando “as forças do império” de ajudar Israel a “aniquilar o povo palestino”. Ela também curtiu mensagens da “Voz Judaica pela Ação pela Paz” que acusavam o governo dos Estados Unidos de armar e financiar “o genocídio em Gaza”.

Em 15 de dezembro, ela também curtiu mensagens que celebraram o fechamento de pontes e rodovias em oito cidades americanas em um pedido para um novo cessar-fogo em Gaza.

Sarah Douglas também gostou do tuíte de sua chefe na ONU Mulheres, Sima Bahous, que acusou erroneamente Israel de atacar o Hospital Árabe Al Ahli, na Faixa de Gaza, em 17 de outubro, quando um foguete do grupo terrorista Jihad Islâmica explodiu em um estacionamento ao lado da unidade de saúde.

“Condenamos veementemente o ataque ao Hospital Al Ahli Arab em Gaza que matou e feriu centenas de civis. O Direito Internacional Humanitário e o Direito dos Direitos Humanos devem ser respeitados e defendidos; civis e a infraestrutura civil devem ser protegido. Os hospitais não são alvos”, escreveu Bahous.

Leia mais aqui; assine Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Brasil

A guerra entre facções criminosas no Ceará

23.06.2024 14:30 3 minutos de leitura
Visualizar

Brasil em estado de emergência habitacional

Visualizar

Rodrygo assume peso da camisa 10 pela Seleção Brasileira

Visualizar

São Paulo passa por onda extrema de seca

Visualizar

PF desmantela quadrilha de tráfico de animais silvestres online

Visualizar

MDB é o principal adversário do governo, diz ministro de Lula

Visualizar

Tags relacionadas

carta da ONU Crusoé Israel ONU Mulheres
< Notícia Anterior

Indulto de Natal: sem perdão para os condenados pelo 8 de janeiro

19.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Crusoé: Governo argentino pressiona contra protestos até em apps

19.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Crusoé: as regras do debate entre Biden e Trump

Crusoé: as regras do debate entre Biden e Trump

23.06.2024 12:56 1 minuto de leitura
Visualizar notícia
Quais os impactos da cafeína no dia a dia?

Quais os impactos da cafeína no dia a dia?

23.06.2024 12:35 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Entenda o caos climático de calor na Índia

Entenda o caos climático de calor na Índia

23.06.2024 12:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Homem é inocentado após passar 20 anos no corredor da morte

Homem é inocentado após passar 20 anos no corredor da morte

23.06.2024 11:39 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.