O Antagonista

STF retoma julgamento sobre porte de maconha

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.06.2024 11:18 comentários
Brasil

STF retoma julgamento sobre porte de maconha

Até o momento, oito ministros votaram e o placar está em 5×3 pela descriminalização

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.06.2024 11:18 comentários 0
STF retoma julgamento sobre porte de maconha
Ministros do STF retomam julgamento sobre a descriminalização da maconha | Foto: Andressa Anholete/SCO/STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta quinta-feira, 20, o julgamento sobre a descriminalização do porte de maconha para uso pessoal. Até o momento, oito ministros votaram e o placar está em 5×3 pela descriminalização.

São cinco votos para descriminalizar o porte para uso pessoal de uma quantidade desta droga. Se houver mais um voto nesta linha, será formada maioria. Há três votos para manter o entendimento de que a conduta é criminosa.

O processo começou a ser julgado em 2015 e foi paralisado em diversas ocasiões, por pedidos de vista (mais tempo para análise) de ministros. Na última ocasião, o julgamento foi paralisado por um pedido do ministro Dias Toffoli. Não é certo que o Supremo volte a julgar o tema nesta quinta, mas o processo foi incluído na pauta do dia.

O relator do processo é Gilmar Mendes, que defendeu inicialmente que a medida fosse estendida para todas as drogas e argumentou que a criminalização compromete medidas de prevenção e redução de danos, além de gerar punição desproporcional.

Ano passado, no entanto, ele ajustou seu voto e o restringiu à maconha, já que era a tendência a ser formada pela maioria dos seus colegas.

Como votaram os ministros?

Até o momento, se manifestaram a favor dessa possibilidade: o presidente da corte, Luís Roberto Barroso, e os ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Rosa Weber (já aposentada) e Gilmar Mendes.

Há também três votos contra a descriminalização da maconha, proferidos pelos ministros Cristiano Zanin, André Mendonça e Kassio Nunes Marques.

Além de Dias Toffoli, devem apresentar seus posicionamentos a ministra Cármen Lúcia e o ministro Luiz Fux.

O processo tem repercussão geral, ou seja, a decisão tomada pelo tribunal deverá ser aplicada pelas outras instâncias da Justiça em processos com o mesmo tema. Isso vai ocorrer a partir de uma espécie de guia que será elaborado pelos ministros logo após a conclusão da deliberação.

Segundo dados do Conselho Nacional de Justiça, há pelo menos 6.354 processos com casos semelhantes suspensos em instâncias inferiores da Justiça, aguardando uma decisão do tribunal.

Mais Lidas

1

Haddad descobre uma das únicas coisas que funcionam no Brasil, o meme

Visualizar notícia
2

Biden ironiza diagnóstico de covid-19 para criticar Musk

Visualizar notícia
3

Atirador avisou: "13 de julho será minha estreia"

Visualizar notícia
4

ONG anti-Israel admite crimes de guerra do Hamas

Visualizar notícia
5

Crusoé: Líderes democratas no Congresso pediram a Biden que desistisse, diz imprensa

Visualizar notícia
6

Corina acusa Maduro de raptar chefe de segurança

Visualizar notícia
7

Bruninho Samudio, filho de Bruno e Eliza, assina com o Botafogo

Visualizar notícia
8

Em discurso emocional, JD Vance defende trabalhadores americanos

Visualizar notícia
9

"Israel deve focar em túneis e quebrar espinha dorsal do Hamas"

Visualizar notícia
10

Segundo 7 de Setembro de Lula poderá custar até R$ 7,4 milhões

Visualizar notícia

Tags relacionadas

descriminalização da maconha Legalização da maconha PEC das Drogas Supremo Tribunal Federal
< Notícia Anterior

Jovem amputa as pernas após descobrir câncer em exame para estágio

20.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

A novela sobre a escolha do vice de Nunes continua

20.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Ossada de Dayara Talissa é encontrada em fazenda de Goiás

Ossada de Dayara Talissa é encontrada em fazenda de Goiás

18.07.2024 08:26 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Conheça as 10 menores cidades do Brasil

Conheça as 10 menores cidades do Brasil

18.07.2024 08:17 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Análise das provas do Concurso TJ MA

Análise das provas do Concurso TJ MA

18.07.2024 08:07 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Imposto de Renda: planejando restituição, saiba quando receber

Imposto de Renda: planejando restituição, saiba quando receber

18.07.2024 08:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.