O Antagonista

Que tal uma estátua para Marta Suplicy, Valter?

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 02.02.2024 07:15 comentários
Brasil

Que tal uma estátua para Marta Suplicy, Valter?

Membro do Diretório Nacional do PT, Valter Pomar promete reapresentar pedido de impugnação da filiação da ex-prefeita no dia seguinte ao retorno

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 02.02.2024 07:15 comentários 2
Que tal uma estátua para Marta Suplicy, Valter?
Marta Suplicy. Foto: Reprodução/ INstagram

Marta Suplicy (foto) retorna ao PT nesta sexta-feira, 2, quase dez anos depois de deixar o partido. Sem alternativas viáveis para concorrer em São Paulo, os petistas se renderam às intenções de voto indicadas nas pesquisas eleitorais para o deputado Guilherme Boulos (PSOL-SP), e foram atrás de Marta para compor uma chapa. Aliás, nem todos os petistas se renderam.

Valter Pomar, membro do Diretório Nacional do PT e secretário-executivo do Foro de São Paulo de 2005 a 2013, promete seguir em sua batalha contra o retorno de Marta ao partido. Em texto publicado em seu blog na quarta-feira, 31, Pomar rebate declaração do ex-deputado Adriano Diogo, também petista, que ele descreve como “grande militante, dos que combateram contra a ditadura e seguiram pela esquerda desde então”.

Diogo propôs, em entrevista a um blog petista, erguer uma estátua para Marta. “Na minha opinião, a entrevista de Adriano chega a ser sóbria, quando comparada a um vídeo onde Marta é apresentada ao som da clássica ‘De volta para o aconchego'”, analisa Pomar.

“Outra coisa”

O dirigente petista pondera: “Sem dúvida, a gestão da então petista Marta como prefeita de São Paulo tem enormes méritos. E quem a defende como vice de Boulos, a começar pelo próprio, tem a expectativa de que estes méritos passados movam moinho. Da minha parte, espero que tenham razão”.

“Mas, como já disse noutras oportunidades, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Uma coisa é aceitar a Marta como vice, outra coisa é recebê-la de volta no PT, como se fossemos uma legenda eleitoral, não um Partido”, reclama o dirigente partidário, que segue na análise:

“Adriano Diogo, óbvio, sabe a diferença entre legenda e Partido. Talvez por isso mesmo ele opte por contar uma história um pouco diferente daquela que realmente aconteceu.

Para não cansar ninguém, me limito ao seguinte trecho: segundo Adriano Diogo, Marta ‘foi uma das molas propulsoras da eleição da Dilma Rousseff. Depois, lá no governo, houve um desentendimento em que ela errou naquele simbolismo de levar flores para Janaina Paschoal perto daquela senadora do Rio Grande do Sul. Ela errou. Mas a gente precisa ver na política os antecedentes. É uma maravilhosa notícia que a Marta volte ao PT’.

“Anotem aí”

Nesse ponto, acaba a paciência de Pomar: “Anotem aí: sair do PT fazendo pesadas acusações, votar no impeachment da Dilma, votar a favor de medidas contra a classe trabalhadora, fazer campanha para candidaturas de direita e integrar até há pouco um governo resultante de uma destas campanhas… tudo isto não passa de desentendimento e simbolismo”.

O ex-secretário-executivo do Foro de São Paulo finaliza dizendo que “por tamanha capacidade de síntese, quem realmente merece uma estátua é Adriano Diogo” e avisando que reapresentará o pedido de impugnação da filiação de Marta no sábado, 3, um dia depois de ela assinar o documento que transformará formalmente em petista mais uma vez.

“Para pegar emprestado as palavras de Adriano, será meu ‘desentendimento simbólico’ contra mais este passo que vai convertendo o PT em uma legenda eleitoral”, encerra Pomar.

Recuperação fiscal

Segundo o portal UOL, a cerimônia de filiação de Marta, que espera reunir em torno de mil pessoas, será bancada inteiramente pelo diretório municipal do partido. O diretório estadual do PT em São Paulo passa por recuperação fiscal, por não conseguir honrar suas dívidas eleitorais, entre outras.

E assim começará a caminhada da chapa Relaxa e Vota rumo à Prefeitura de São Paulo.

Esportes

Corinthians é eliminado do Paulistão após vitória da Inter de Limeira

02.03.2024 23:06 2 minutos de leitura
Visualizar

Navalny: o sopro de liberdade que desafia Putin

Catarina Rochamonte Visualizar

Confira os adversários de Grêmio e Inter nas quartas de final do Gauchão

Visualizar

Augusto Melo confirma que dívida do Corinthians com Rojas é de R$ 8 milhões

Visualizar

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Visualizar

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

Visualizar

Tags relacionadas

eleições 2024 Marta Suplicy Partido dos Trabalhadores (PT) Valter Pomar
< Notícia Anterior

Desaparecimento do bilionário Chinês Bao Fan ganha novo capítulo

02.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Jornais destacam suspensão de multas da Odebrecht na Lava Jato

02.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodolfo Borges

Rodolfo Borges é jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Trabalhou em veículos como Correio Braziliense, Istoé Dinheiro, portal R7 e El País Brasil.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (2)

saul simoes junior

2024-02-05 18:07:41

E os 200 mil mensais da J&F ficou com quem, o ex-marido quer saber.


jni

2024-02-02 12:53:22

No caso em questão torço para a briga.


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

02.03.2024 21:41 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

02.03.2024 21:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

02.03.2024 21:09 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

02.03.2024 19:56 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.