Com rancor, petistas tentam impedir volta de Marta ao partido Com rancor, petistas tentam impedir volta de Marta ao partido
O Antagonista

Com rancor, petistas tentam impedir volta de Marta ao partido

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 18.01.2024 12:56 comentários
Brasil

Com rancor, petistas tentam impedir volta de Marta ao partido

O retorno de Marta Suplicy ao Partido dos Trabalhadores (PT) gerou reação interna...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 18.01.2024 12:56 comentários 0
Com rancor, petistas tentam impedir volta de Marta ao partido
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O retorno de Marta Suplicy ao Partido dos Trabalhadores (PT) gerou reação interna. De acordo com a CNN Brasil, Valter Pomar, membro do diretório nacional do partido, lidera um movimento para impugnar a decisão do diretório municipal que aprovou a refiliação da ex-prefeita de São Paulo. Marta pretende voltar para compor chapa com Guilherme Boulos (PSOL-SP) nas municipais deste ano.

Em carta divulgada internamente na quarta-feira, 17, Pomar defendeu que a volta de Marta seja debatida e votada durante uma reunião do Diretório Nacional. O documento, obtido pela CNN, foi enviado ao secretário-geral do partido, Henrique Fontana.

Dentre as justificativas apresentadas por Pomar para negar o retorno da ex-prefeita estão o voto favorável ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, as críticas feitas pela ex-prefeita quando decidiu deixar o partido e sua aproximação com políticos ligados à direita.

“Estimular futuras traições

Qualquer um pode fazer qualquer coisa e, apesar disso, em nome de uma possível vantagem eleitoral, estamos sempre dispostos a ‘virar a página’. O resultado prático é desmoralizar os que se mantiveram firmes nos momentos mais difíceis e, ao mesmo tempo, estimular futuras traições“, escreveu o petista em sua carta.

Pomar também afirma que a refiliação de Marta Suplicy não representa uma saudável autocrítica, mas sim uma falta de respeito do partido consigo mesmo.

O documento de Pomar foi compartilhado em grupos de Whatsapp que reúnem diretores nacionais do PT. Internamente, há uma articulação para manifestar apoio ao pedido de impugnação até o final desta semana.

A alta cúpula do PT está discutindo estratégias para lidar com a insatisfação de membros descontentes com o retorno de Marta e com o destaque que ela assumirá dentro da legenda.

O movimento de volta de Marta Suplicy ao PT foi articulado pelo presidente Lula, que considera uma possível parceria entre a ex-prefeita e Guilherme Boulos (PSOL-SP) na disputa pela prefeitura da capital paulista.

Uma filiação pré-carnavalesca

Se não for impugnada, a filiação de Marta Suplicy ao PT deve ocorrer na primeira semana de fevereiro. O PT pretende que o evento seja marcado para antes do período carnavalesco e não quer que a data coincida com o aniversário do partido, que será celebrado no dia 10 do próximo mês.

Marta aceitou o convite de Lula para ser a vice na chapa de Guilherme Boulos (PSOL-SP) na disputa pela Prefeitura de São Paulo. Ela foi exonerada da gestão Ricardo Nunes (MDB), que deve ser o principal oponente de Boulos, na semana passada, após encontro com o presidente petista.

Segundo dirigentes do PT paulista, o evento de filiação de Marta tem como objetivo aparar eventuais arestas da militância petista contra a ex-prefeita. Marta deixou a sigla no auge da Lava-Jato e apoiou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Leia mais:

Relaxa e vota

Brasil

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

25.04.2024 05:00 3 minutos de leitura
Visualizar

Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Alexandre Borges Visualizar

EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

Alexandre Borges Visualizar

Estrangeiros em protestos antissemitas podem ser deportados

Alexandre Borges Visualizar

Musk em guerra judicial por super pacote de remuneração

Alexandre Borges Visualizar

Athletico-PR vence o Danubio pela Sul-Americana e segue 100%

Visualizar

Tags relacionadas

eleições 2024 Guilherme Boulos Marta Suplicy Partido dos Trabalhadores (PT) prefeitura de São Paulo
< Notícia Anterior

Bebê sequestrado pelo Hamas completa um ano

18.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Carlos Portinho aponta insegurança jurídica da MP da reoneração

18.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

25.04.2024 05:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
PC-RJ indicia suspeitos por assassinato de advogado a queima roupa

PC-RJ indicia suspeitos por assassinato de advogado a queima roupa

24.04.2024 20:56 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
20 toneladas de queijo sao apreendidas em Minas Gerais

20 toneladas de queijo sao apreendidas em Minas Gerais

24.04.2024 20:51 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ludmilla ganha relógio de luxo de Brunna no aniversário de 29 Anos

Ludmilla ganha relógio de luxo de Brunna no aniversário de 29 Anos

24.04.2024 20:47 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.