O Antagonista

Oposição alega que Moraes não tem ‘imparcialidade’ para investigar Bolsonaro

avatar
Wesley Oliveira
3 minutos de leitura 08.02.2024 17:45 comentários
Brasil

Oposição alega que Moraes não tem ‘imparcialidade’ para investigar Bolsonaro

O magistrado foi o responsável por autorizar a operação desta quinta-feira, 8, que mirou o ex-presidente e diversos integrantes das Forças Armadas

avatar
Wesley Oliveira
3 minutos de leitura 08.02.2024 17:45 comentários 1
Oposição alega que Moraes não tem ‘imparcialidade’ para investigar Bolsonaro
Oposição liderada pela senador Rogério Marinho | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O líder da oposição no Senado, Rogério Marinho (PL-RN), afirmou que o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), não tem “imparcialidade” para investigar Jair Bolsonaro (PL). O magistrado foi o responsável por autorizar a operação desta quinta-feira, 8, que mirou o ex-presidente e diversos integrantes das Forças Armadas.

“Eu quero lembrar que este processo atual tem entre as principais peças a delação do ex-ajudante de ordens do presidente Bolsonaro Mauro Cid. De uma forma muito enfática o ministro Alexandre de Moraes alega que ele estaria sendo monitorado e que ele seria ao final aprisionado, caso houvesse o pretenso golpe de Estado. Qualquer estudante de Direito sabe que quem é vítima não pode investigar, não tem imparcialidade, não tem isenção pra estar à frente de um inquérito”, alegou Rogério Marinho.

Após a operação batizada de “Tempus Veritatis”, Marinho e outros parlamentares da oposição se reuniram no Senado para discutirem os efeitos da investigação sobre o ex-presidente. “Que nós tenhamos um processo isento. É importante colocar que ninguém está acima da lei. Nem eu, nem os senadores que aqui estão presentes, nem o presidente Lula, nem o ex-presidente Bolsonaro. Nem tão pouco o ministro Alexandre de Moraes”, disse.

“Não é possível nós assistirmos uma investigação em que claramente aquele que é vítima, a pretensa vítima dessa ação, é quem conduz o inquérito”, completou o líder da oposição.  

Como noticiamos, Bolsonaro teria recebido a chamada minuta do golpe com pedidos de prisão contra Moraes, do também ministro Gilmar Mendes e do presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). Segundo a PF, o documento foi elaborado por Filipe Martins, ex-assessor para Assuntos Internacionais da Presidência, e pelo advogado Amauri Feres Saad.

“Conforme descrito, os elementos informativos colhidos revelaram que Jair Bolsonaro recebeu uma minuta de Decreto apresentado por Filipe Martins e Amauri Feres Saad para executar um Golpe de Estado, detalhando supostas interferências do Poder Judiciário no Poder Executivo e ao final decretava a prisão de diversas autoridades, entre as quais os ministros do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes e Gilmar Mendes, além do Presidente do Senado Rodrigo Pacheco e por fim determinava a realização de novas eleições”, diz trecho do documento.

A Polícia Federal informou ainda que, posteriormente, o documento teria sido alterado a pedido de Bolsonaro. Segundo a PF, o ex-presidente solicitou que apenas a prisão de Moraes fosse decretada na minuta do golpe.

“Posteriormente foram realizadas alterações a pedido do então Presidente permanecendo a determinação de prisão do ministro Alexandre de Moraes e a realização de novas eleições”, diz o relatório da PF.

Leia mais:

Filipe Martins levou plano golpista a Bolsonaro e saiu do país sem registro, diz PF

Heleno teria feito monitoramento para prender Moraes, diz PF

Os argumentos da PGR para pedir as quatro prisões na operação que mira Bolsonaro

Mundo

EUA refutam preparação nuclear da Rússia frente a ameaças de Putin

29.02.2024 18:24 2 minutos de leitura
Visualizar

Febre Oropouche tem primeiro paciente confirmado no RJ

Visualizar

Crusoé: Stock Car movimenta a corrida eleitoral em BH

Visualizar

Cerrado perdeu área equivalente ao município de Maceió

Visualizar

Papo Antagonista: Os entusiastas do terrorismo

Visualizar

Avião com faixa da LDU provoca o Fluminense antes da decisão da Recopa

Visualizar

Tags relacionadas

aliados de Bolsonaro bloco de oposição operação polícia federal Rogério Marinho
< Notícia Anterior

A "minuta final" que a PF encontrou na sede do PL

08.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Tite fala sobre vitória no clássico e destaca a evolução do Flamengo

08.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Wesley Oliveira

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

THAIS CUNHA

2024-02-08 22:07:47

Apoio a alteracao que está no Senado para definir o tempo para ficar no STF. Unico poder que nao tem limite de tempo. Deveria ter, por que só eles podem ficar ate o fim da vida? Enquanto os demais sao escolhidos por voto?


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Febre Oropouche tem primeiro paciente confirmado no RJ

Febre Oropouche tem primeiro paciente confirmado no RJ

29.02.2024 18:21 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Stock Car movimenta a corrida eleitoral em BH

Crusoé: Stock Car movimenta a corrida eleitoral em BH

29.02.2024 18:11 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Cerrado perdeu área equivalente ao município de Maceió

Cerrado perdeu área equivalente ao município de Maceió

29.02.2024 18:03 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Brasil passa de 1 milhão de casos de dengue em 2024

Brasil passa de 1 milhão de casos de dengue em 2024

29.02.2024 17:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.