O Antagonista

Governo e bancada evangélica travam o PL dos cassinos na CCJ do Senado

avatar
Wesley Oliveira
2 minutos de leitura 12.06.2024 16:06 comentários
Brasil

Governo e bancada evangélica travam o PL dos cassinos na CCJ do Senado

Alcolumbre marcou para a próxima quarta-feira, 19, uma sessão extraordinária para votar o projeto

avatar
Wesley Oliveira
2 minutos de leitura 12.06.2024 16:06 comentários 0
Governo e bancada evangélica travam o PL dos cassinos na CCJ do Senado
Davi Alcolumbre, presidente da CCJ do Senado | Foto: Saulo Cruz/Agência Senado

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Davi Alcolumbre (União-AP), adiou mais uma vez a votação do projeto de lei que regulamenta a exploração de cassinos, bingos e o jogo do bicho no Brasil. O tema estava na pauta desta quarta-feira, 12, do colegiado.

O projeto encontra resistência na bancada evangélica, mas deste vez o pedido de adiamento veio por parte de senadores da base governista, como Eduardo Braga (MDB-AM) e Rogério Carvalho (PT-SE), o que irritou o presidente da CCJ.

Alcolumbre marcou para a próxima quarta-feira, 19, uma sessão extraordinária e cobrou que o acordo seja cumprido por parte dos senadores. O projeto será o único item da pauta da CCJ.

A proposta, de origem da Câmara, autoriza o funcionamento de cassinos e bingos, legaliza o jogo do bicho e permite apostas em corridas de cavalos.

Do que se trata a proposta que pode legalizar cassinos?

A iniciativa autoriza a instalação de cassinos em polos turísticos ou em complexos integrados de lazer, como hotéis de alto padrão com pelo menos 100 quartos, restaurantes, bares e locais para reuniões e eventos culturais.

O texto prevê a instalação de um cassino em cada estado e no Distrito Federal. Exceções apenas para os estados de São Paulo (três cassinos), Minas Gerais, Rio de Janeiro, Amazonas e Pará (até dois, cada um). Caso seja aprovada, a matéria seguirá para votação em Plenário do Senado.

Os defensores da proposta argumentam que a legalização dos cassinos pode fomentar o turismo e gerar uma nova fonte de arrecadação tributária para o país. Segundo o senador Irajá de Abreu (PSD-TO), relator da matéria, estima-se que o mercado de jogos de azar poderia ter movimentado entre R$ 14,34 bilhões a R$ 31,5 bilhões em 2023.

Mais Lidas

1

Trump é retirado de comício após barulhos de supostos tiros

Visualizar notícia
2

Washington Post pede desistência de Biden: “Ele precisa enfrentar a realidade”

Visualizar notícia
3

Economista alemão critica ajuda financeira de Lula e Bolsonaro a Putin

Visualizar notícia
4

Trump desafia Biden a fazer exame cognitivo

Visualizar notícia
5

Prefeito de Curitiba critica Bolsonaro em cerimônia de homenagem a Doria

Visualizar notícia
6

Bolsonaro mantém agenda com Ramagem no Rio

Visualizar notícia
7

Elon Musk manifesta apoio a Trump após disparos

Visualizar notícia

Tags relacionadas

bancada evangélica cassinos e bingos CCJ do Senado Davi Alcolumbre Eduardo Braga Rogério Carvalho
< Notícia Anterior

Atlético-MG pode ter 8 desfalques em jogo contra Palmeiras

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Filho de Simone Mendes diverte web ao dar respostas sobre o Dia dos Namorados

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Wesley Oliveira

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Audi, BMW e outros carros usados com muito estilo por menos de R$ 50 Mil

Audi, BMW e outros carros usados com muito estilo por menos de R$ 50 Mil

13.07.2024 19:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Onda de Frio intenso com temperatura abaixo de 0°C atinge o Rio Grande do Sul

Onda de Frio intenso com temperatura abaixo de 0°C atinge o Rio Grande do Sul

13.07.2024 18:52 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Toyota Etios usado é uma escolha inteligente de carro em 2024

Toyota Etios usado é uma escolha inteligente de carro em 2024

13.07.2024 18:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Prefeito de Curitiba critica Bolsonaro em cerimônia de homenagem a Doria

Prefeito de Curitiba critica Bolsonaro em cerimônia de homenagem a Doria

13.07.2024 18:32 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.