Make Odebrecht Great Again: a reinauguração de Abreu e Lima Make Odebrecht Great Again: a reinauguração de Abreu e Lima
O Antagonista

Make Odebrecht Great Again: a reinauguração de Abreu e Lima

avatar
Madeleine Lacsko
3 minutos de leitura 19.01.2024 18:26 comentários
Opinião

Make Odebrecht Great Again: a reinauguração de Abreu e Lima

Foi bastante simbólica a reinauguração teatral da refinaria Abreu e Lima, praticamente um templo da corrupção na Petrobrás...

avatar
Madeleine Lacsko
3 minutos de leitura 19.01.2024 18:26 comentários 0
Make Odebrecht Great Again: a reinauguração de Abreu e Lima
Arte: O Antagonista

Foi bastante simbólica a reinauguração teatral da refinaria Abreu e Lima, praticamente um templo da corrupção na Petrobrás. A primeira vez teve participação de Hugo Chávez. Agora teve o presidente Lula fazendo revisionismo histórico e apelando ao discurso religioso.

“As pessoas que me acusaram estão apodrecendo porque sabem que mentiram e sabem que o inferno os aguarda por tanta mentira que eles contaram. Eles sabem, eles sabem”, disse o presidente da República, que agora parece decidir também quem vai para o céu ou inferno.

No mesmo discurso disse, sem nenhuma prova, que a investigação do Petrolão seria um conluio de procuradores e juízes motivado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos para que o Brasil não tivesse uma empresa como a Petrobras.

O presidente segue firme na empreitada de reescrever a história e é um craque da matéria. Na afirmação sobre a Lava Jato, há um outro detalhe além da acusação contra os EUA: não foi a Lava Jato quem levantou a corrupção da Petrobras em Abreu e Lima, foi o Tribunal de Contas da União.

Aliás, verdade seja dita, a primeira denúncia foi da jornalista Raquel Landim, que trabalhava à época na Folha de S. Paulo e agora é apresentadora da CNN. Em 2009, ela publicou com exclusividade a informação de uma auditoria interna da Petrobras concluindo que as obras foram iniciadas já sabendo que Abreu e Lima daria prejuízo de pelo menos US$ 2 bilhões à Petrobrás. Os números foram maquiados para que fosse aprovada a construção.

O TCU, que acompanhava a obra desde 2008, não recebia os documentos que pedia à Petrobrás. Só conseguiu em 2012. Já ali indicou superfaturamento de R$ 367 milhões em apenas 4 contratos analisados. Depois dessas investigações que o caso foi parar na Lava Jato, devido ao propinoduto de Abreu e Lima.

A refinaria deveria custar US$ 2,4 bilhões e acabou drenando US$ 18,5 bilhões. Não foi concluída, virou um rombo nas contas que abalou a Petrobras. Agora o governo diz que vai concluir tudo mas ainda não apresentou um plano detalhado de como será feito.

Já vi por aí muitos comentários de que parece que voltamos ao passado. Os mesmos políticos, as mesmas empresas, as mesmas operações. Eu discordo.

No passado, existia o risco de que desvios fossem punidos. Agora, já se sabe que as punições são temporárias e revistas ao sabor dos ventos políticos. Quando isso ocorre, quem foi punido ganha o direito de reescrever toda a história e se colocar como vítima, como fez Lula.

Pouco importam os milhões que corruptos devolveram após condenações e delações premiadas. Se não tomaram esse dinheiro da Petrobras, ele veio de onde? Capaz de chegarmos ao ponto em que o dinheiro será devolvido a quem desviou. Make Odebrecht Great Again.

Brasil

Após erro de rota, GOL entrega cachorro morto ao seu tutor

23.04.2024 15:41 2 minutos de leitura
Visualizar

Onde assistir Unión La Calera x Cruzeiro: confira detalhes da partida

Visualizar

Melhores slots com dinheiro real no Brasil

Estúdio OÉ Visualizar

Senado aprova redução de IR para motoristas de táxi e aplicativos

Visualizar

Frentes parlamentares articulam contra vetos de Lula

Visualizar

O otimismo de Lula com a farsa eleitoral de Maduro

Visualizar

Tags relacionadas

Madeleine Lacsko Narrativas Antagonista
< Notícia Anterior

Alta do dólar e queda do Ibovespa marcam a semana

19.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Homem é preso por abuso sexual de criança durante confraternização de empresa em Paranaíba

19.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Madeleine Lacsko

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Você trocaria um Jair Bolsonaro por um Elon Musk?

Você trocaria um Jair Bolsonaro por um Elon Musk?

Madeleine Lacsko
22.04.2024 18:56 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Petismo entrega Janones à vingança do Bolsonarismo

Petismo entrega Janones à vingança do Bolsonarismo

Madeleine Lacsko
19.04.2024 19:14 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Josias Teófilo na Crusoé: O paradoxo da censura

Josias Teófilo na Crusoé: O paradoxo da censura

19.04.2024 15:57 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ivan Sant'Anna na Crusoé: Guerra Fria — segunda versão

Ivan Sant'Anna na Crusoé: Guerra Fria — segunda versão

19.04.2024 15:48 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.