Jerônimo Teixeira na Crusoé: Um chamado para nos arrancar da lama Jerônimo Teixeira na Crusoé: Um chamado para nos arrancar da lama
O Antagonista

Jerônimo Teixeira na Crusoé: Um chamado para nos arrancar da lama

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 10.05.2024 14:18 comentários
Opinião

Jerônimo Teixeira na Crusoé: Um chamado para nos arrancar da lama

No seu momento mais crítico, Porto Alegre e o Rio Grande do Sul despertaram o melhor de seus cidadãos e de todos os brasileiros

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 10.05.2024 14:18 comentários 0
Jerônimo Teixeira na Crusoé: Um chamado para nos arrancar da lama
Foto: Marinha do Brasil

Meu pai nunca esqueceu o fedor das casas inundadas. 

O episódio ocorreu antes de eu nascer – nos anos 1950, suponho. Como funcionário da prefeitura de Montenegro, meu pai foi chamado a ajudar famílias que estavam retornando a suas casas depois de uma enchente. Ele terá visto sua cota de móveis arruinados e geladeiras estragadas, mas o que mais o impressionou foi o cheiro que o rio Caí deixou nas casas que alagou. A lama que se depositara nos soalhos estragados exalava um odor pungente de esgoto, detritos, podridão. 

Ouvi essa história várias vezes. Gostaria de ouvi-la de novo (não é mais possível). Desejaria preencher lacunas sobre as quais nunca perguntei. Quem eram aquelas famílias ribeirinhas? Do que viviam? Onde se abrigavam quando o Caí subia? Meu pai não dava maiores informações sobre essas pessoas. 

Só falava da tristeza que as consumia. 

Tenho pensado nessa tristeza. Escrevo na quarta-feira, 8 de maio. As chuvas que castigaram Montenegro e outros 394 municípios gaúchos deram uma trégua, mas há previsão de que voltem a cair no fim de semana. Aguardamos, ansiosos, que as águas finalmente baixem. 

Então, depois do momento terrível em que tiveram de fugir da enxurrada, muitos viverão a hora triste de retornar a suas casas, para encontrá-las estragadas, enlameadas.

*** 

Nasci em Montenegro, mas vivi pouco tempo lá. Ainda criança, cheguei a ver uma enchente na cidade. Se lembro bem, eu estava dentro de um carro, em algum ponto alto. O Caí transbordara de suas margens, espalhando sua cor marrom sobre uma vizinhança de casinhas de madeira pintadas de cores pastéis, como uma versão terceiro-mundista de um cenário de Wes Anderson. Nada comparável à foto aérea que vi na semana passada, na qual o marrom engolia um naco bem maior de uma cidade. 

Leia mais aqui; assine Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Brasil

Quem mais estava na mira dos irmãos Brazão

27.05.2024 13:00 3 minutos de leitura
Visualizar

Lançamento de projétil Norte-Coreano acende alertas globais

Visualizar

Defensoria vai ao STF por mudança em edital de câmeras em SP

Visualizar

Galvão Bueno de volta à Fórmula 1?

Visualizar

Bebê é atingida por bala perdida em Hospital do Recife

Visualizar

"Não consigo enxergar ninguém vendendo nada pelo Instagram"

Rodrigo Oliveira Visualizar

Tags relacionadas

chuvas Chuvas no Rio Grande do Sul Crusoé enchentes Jerônimo Teixeira Porto Alegre Rio Grande do Sul
< Notícia Anterior

Acidente em Buenos Aires: Choque entre trens deixa 60 feridos

10.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Alunos afetados por enchentes no RS devem ter aulas remotas

10.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Augusto de Franco na Crusoé: Moraes salvou a nossa democracia?

Augusto de Franco na Crusoé: Moraes salvou a nossa democracia?

27.05.2024 10:57 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lula dá tratamento desigual a brasileiros vítimas do Hamas e moradores de Gaza

Lula dá tratamento desigual a brasileiros vítimas do Hamas e moradores de Gaza

Madeleine Lacsko
24.05.2024 17:21 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Novo recorde? Três processos da Lava Jato são extintos num único dia

Novo recorde? Três processos da Lava Jato são extintos num único dia

Madeleine Lacsko
23.05.2024 20:07 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
TSE surpreende e absolve Moro: o que terá acontecido?

TSE surpreende e absolve Moro: o que terá acontecido?

Madeleine Lacsko
22.05.2024 17:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.