Super Terça: a última chance de Nikki Haley Super Terça: a última chance de Nikki Haley
O Antagonista

Super Terça: a última chance de Nikki Haley

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.03.2024 07:28 comentários
Mundo

Super Terça: a última chance de Nikki Haley

Superterça pode ser a última chance para a ex-embaixadora da ONU, Nikki Haley, barrar a tentativa de Trump de garantir a indicação presidencial

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.03.2024 07:28 comentários 0
Super Terça: a última chance de Nikki Haley
Foto: Reprodução/Instagram

A Super Terça, que acontece hoje, 5 de março, pode se tornar a última janela de oportunidade para a ex-embaixadora da ONU Nikki Haley (foto) barrar a tentativa de Donald Trump em garantir a indicação presidencial republicana para as eleições de 2024. Neste dia, 15 estados e um território norte-americano vão votar para a indicação dos candidatos de seus respectivos partidos.

Votos em jogo na Super Terça

Hoje, mais de um terço do número total de delegados estão em jogo. Um bom desempenho dos candidatos favoritos, Trump e Joe Biden, pode significar um passo mais próximo das indicações de seus partidos. Essas indicações serão oficializadas na Convenção Nacional Republicana em julho, na cidade de Milwaukee, e em agosto, na Convenção Nacional Democrata em Chicago.

Na disputa republicana, 874 dos 2.429 delegados estarão em disputa, o que inclui a Califórnia e o Texas, os estados americanos mais populosos. Para conquistar a indicação oficial do partido, são necessários no mínimo 1.215 delegados.

Por que a Super Terça é importante?

A Superterça pode representar a última chance de Haley impedir a quase certa indicação de Trump. As pesquisas de opinião atuais mostram Trump como o grande favorito, não só na Califórnia e no Texas, mas também em estados como Alabama, Maine e Minnesota. Segundo a sua campanha, Trump tem a expectativa de conquistar pelo menos 773 dos delegados na Superterça e garantir sua indicação nas próximas semanas.

Haley, porém, promete não sair do jogo. Ex-governadora da Carolina do Sul e embaixadora na ONU durante o mandato de Trump, ela está se mantendo firme na disputa. Pelo contrário, a candidata vem intensificando suas viagens pelo país e sua campanha recentemente anunciou a formação de uma equipe de liderança na Geórgia.

Foco na Carolina do Norte: um estado decisivo

Os resultados na Carolina do Norte, estado onde Trump venceu por uma diferença de pouco mais de um ponto percentual em 2020, serão acompanhados de perto. Este estado, que terá 74 delegados em jogo na Superterça, permite que eleitores não afiliados a um partido participem das eleições primárias que escolherem, o que poderia impulsionar o desempenho de Haley entre os eleitores independentes.

Concorrência de outros partidos

Além das indicações republicanas e democratas, haverá candidatos presidenciais de outros partidos. O Partido Verde e o Partido Libertário, por exemplo, provavelmente terão candidatos presidenciais nas urnas na maioria dos estados. Esses partidos selecionarão seus indicados em suas próprias convenções. Vale lembrar, contudo, que a última vez que um candidato de um terceiro partido ou independente conquistou votos eleitorais numa eleição geral foi em 1968.

Brasil

CNJ forma maioria e derruba afastamento de ex-juíza da Lava Jato

16.04.2024 20:18 5 minutos de leitura
Visualizar

Uso de bicicletas em Paris ultrapassa uso de carros

Visualizar

EUA diz que China financia crise de fentanil americana

Visualizar

Gilmar Rinaldi x Neto: ex-goleiro expõe mágoa com apresentador

Visualizar

TSE adia julgamento de cassação de senador Jorge Seif

Visualizar

Empresário Rodrigo Carvalheira é indiciado por estupro

Visualizar

Tags relacionadas

eleições Nikki Haley Superterça
< Notícia Anterior

Jornais destacam regulamentação do transporte por app

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Bolsa Família: saiba se os beneficiários precisam declarar Imposto de Renda

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Uso de bicicletas em Paris ultrapassa uso de carros

Uso de bicicletas em Paris ultrapassa uso de carros

16.04.2024 20:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
EUA diz que China financia crise de fentanil americana

EUA diz que China financia crise de fentanil americana

16.04.2024 20:01 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Acabaram os mísseis da Ucrânia

Acabaram os mísseis da Ucrânia

16.04.2024 19:11 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: O tamanho do "gesto" que o Irã mandou para Israel

Crusoé: O tamanho do "gesto" que o Irã mandou para Israel

16.04.2024 18:50 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.