O Antagonista

Navios de guerra russos aportam em Havana, Cuba

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 12.06.2024 11:02 comentários
Mundo

Navios de guerra russos aportam em Havana, Cuba

A chegada de navios russos em Havana gera especulações: uma demonstração de força ou ajuda bem-vinda em meio à crise cubana?

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 12.06.2024 11:02 comentários 0
Navios de guerra russos aportam em Havana, Cuba
Foto: Natalie Maynor

No dia 12, a capital cubana vivenciou a chegada de navios da Marinha russa ao seu porto, um acontecimento que, apesar de declarado inofensivo pelos governos de Cuba e Estados Unidos, gerou debates e especulações sobre as motivações e implicações dessa manobra no contexto global atual.

A recepção dos navios foi marcada pela presença de curiosos e pescadores que se reuniram sob uma chuva leve ao longo do Malecón, uma famosa avenida à beira-mar de Havana. A vista dos navios passando pelo histórico castelo Morro simbolizou não apenas um evento grandioso pela natureza da visita, mas também uma revisita às complexas relações internacionais que envolvem a ilha.

O que esta visita naval significa para as relações internacionais?

Com um navio de combustível e um rebocador chegando primeiro ao porto e uma fragata junto a um submarino nuclear aguardando sua vez, a cena no porto de Havana chamou a atenção não só de espectadores locais, mas de analistas e políticos ao redor do mundo. Antes mesmo de atracarem, esses navios realizaram exercícios de mísseis no Atlântico, uma informação confirmada pelo Ministério da Defesa da Rússia.

Por que Cuba aceita essas atividades militares em seu porto?

Segundo declarações da administração cubana, a chegada destes navios é vista como um procedimento normal dentro de práticas estabelecidas com nações aliadas. Apesar das afirmações oficiais de que os navios não carregavam armas nucleares – algo reiterado por fontes norte-americanas -, não se pode negar que o momento da visita sugere considerações estratégicas mais profundas, principalmente considerando-se a distância curta de apenas 160 km de Key West na Flórida.

A proximidade de Cuba com a crise econômica e política

A visita dos navios acontece em um contexto de grave crise económica e social em Cuba, marcado pela escassez de produtos básicos e um crescente descontentamento popular. Este cenário de dificuldades faz com que Cuba se aproxime ainda mais de aliados como a Rússia, buscando apoio não apenas no âmbito militar mas também econômico.

Com os navios russos programados para permanecerem em Havana até o dia 17 de junho, muitos olhares continuarão voltados para essa pequena, porém significativa, ilha do Caribe, enquanto ela navega suas próprias águas turbulentas de pressões internacionais e dilemas internos. O desenvolvimento dessa visita pode ter implicações que vão além das águas cubanas, influenciando as estratégias globais em um mundo cada vez mais interconectado e tensionado.

Mais Lidas

1

Ataque a porto no Iêmen mostra alcance de Israel, diz Netanyahu

Visualizar notícia
2

Trump: “Levei um tiro pela democracia”

Visualizar notícia
3

Microsoft: apagão cibernético afetou 8,5 milhões de máquinas

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Cuba Havana navios Rússia
< Notícia Anterior

Empresa que ajudou Corinthians toma calote e cobra 1.5M na justiça

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Guia prático para quem quer se sair bem em concursos públicos

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

"Boneco de Neve" em Marte? Robô da NASA encontra. Veja a foto

"Boneco de Neve" em Marte? Robô da NASA encontra. Veja a foto

20.07.2024 21:59 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Biden vai enviar proposta para reforma da Suprema Corte dos EUA

Biden vai enviar proposta para reforma da Suprema Corte dos EUA

20.07.2024 20:21 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Polícia apreende 8 milhões de euros em drogas em Dublin

Polícia apreende 8 milhões de euros em drogas em Dublin

20.07.2024 20:08 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Microsoft: apagão cibernético afetou 8,5 milhões de máquinas

Microsoft: apagão cibernético afetou 8,5 milhões de máquinas

20.07.2024 19:51 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.