Hamas dispara mísseis contra Israel no Dia da Independência Hamas dispara mísseis contra Israel no Dia da Independência
O Antagonista

Hamas dispara mísseis contra Israel no Dia da Independência

avatar
Felipe Moura Brasil
3 minutos de leitura 14.05.2024 10:05 comentários
Mundo

Hamas dispara mísseis contra Israel no Dia da Independência

Imagens obtidas por O Antagonista mostram rastros de disparos no céu e dezenas de pessoas deitadas no chão — algumas inclinadas sobre crianças, outras com as mãos na cabeça

avatar
Felipe Moura Brasil
3 minutos de leitura 14.05.2024 10:05 comentários 0
Hamas dispara mísseis contra Israel no Dia da Independência
Foto: O Antagonista

O grupo terrorista Hamas disparou mísseis sobre Sderot, cidade israelense no distrito Sul, perto da Faixa de Gaza, nesta terça-feira, 14 de maio, Dia da Independência de Israel, quando o povo sai às ruas para celebrar a data da proclamação, feita pelo então primeiro-ministro David Ben-Gurion, em 1948.

Imagens obtidas por O Antagonista mostram rastros de disparos no céu e dezenas de pessoas deitadas no chão — algumas inclinadas sobre crianças, outras com as mãos na cabeça — para se proteger dos mísseis, caso o sistema de defesa aéreo do país falhe na interceptação. Para quem está na rua, a recomendação é deitar imediatamente, porque os estilhaços decorrentes da eventual explosão são impulsionados para cima.

Civis se protegem de mísseis disparados pelo Hamas sobre Sderot, cidade israelense no distrito Sul
Foto: O Antagonista

Na região, atacada pelo Hamas com mísseis e foguetes desde 2001, as casas dos kibutzim (plural de kibutz) têm refúgios próprios, com janelas e portas reforçadas, assim como cada ponto de ônibus das ruas locais e da estrada que vem de Tel Aviv tem a seu lado um abrigo de concreto. Nada disso, porém, foi suficiente para impedir a carnificina de 7 de outubro de 2023, porque ambas as formas de proteção foram projetadas para a defesa de moradores e pedestres contra ataques aéreos, não contra terroristas fortemente armados, com granadas e fuzis AK-47.

Sderot

É na cidade de Sderot que vivia o único refém brasileiro do Hamas, Michel Nysembaum, nascido em Niterói, no estado do Rio de Janeiro. Pai de duas mulheres e avô de seis crianças, ele ficou sabendo do ataque na manhã de 7/10 e saiu de casa para buscar uma das netas, de 4 anos, com o genro, que servia na base de Re’im. Ao entrar na rodovia 232 rumo ao Sul, ele dirigiu por apenas alguns minutos antes de ser raptado. Sua última ligação foi para a polícia, às 7h02. Depois, terroristas atenderam o telefonema de sua filha, gritando “Hamas” e outras palavras em árabe. O carro de Michel e um laptop foram localizados por policiais nos dias subsequentes, quando a rodovia passou a ser conhecida como “estrada da morte”.

Eu, Felipe, participei de encontro com Ayala, sobrinha de Michel, na semana passada, no centro que reúne familiares de reféns, em Israel. Essas e outras imagens constam no filme sobre minha visita ao país, a ser exibido no horário do Papo Antagonista, no YouTube, tão logo finalizada a edição.

Civis se protegem de mísseis disparados pelo Hamas sobre Sderot, cidade israelense no distrito Sul
Foto: O Antagonista
Brasil

Moraes decreta prisão preventiva de réu do 8/1 porque outros fugiram

23.05.2024 15:14 3 minutos de leitura
Visualizar

Seif é flagrado em jantar de ministros e ex-integrantes do TSE

Wilson Lima Visualizar

Senado aprova PL que cria espaço para comunidade LGBTQIA+ nos presídios

Visualizar

Um dos epicentros da tragédia no RS é alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

Visualizar

Lula sinaliza veto ao fim da isenção das blusinhas da Shein

Wesley Oliveira Visualizar

Sasha Meneghel lança sua própria marca de roupas: Mondepars

Visualizar

Tags relacionadas

Hamas Israel
< Notícia Anterior

Concurso BRB 2024: oportunidades para analista de TI

14.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Investigado pelo 8/1, coronel Naime recebe liberdade provisória

14.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Felipe Moura Brasil

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

A carta da irmã de uma refém do Hamas após o vídeo do sequestro

A carta da irmã de uma refém do Hamas após o vídeo do sequestro

Felipe Moura Brasil
23.05.2024 13:50 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Taylor Swift faz Governo dos EUA abrir processo contra a Live Nation

Taylor Swift faz Governo dos EUA abrir processo contra a Live Nation

23.05.2024 12:57 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Mileipalooza

Crusoé: Mileipalooza

23.05.2024 12:09 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Obra de Bacon de €5 Milhões roubada em Madrid é recuperada

Obra de Bacon de €5 Milhões roubada em Madrid é recuperada

23.05.2024 10:53 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.