Greves podem atingir jogos olímpicos de Paris Greves podem atingir jogos olímpicos de Paris
O Antagonista

Greves podem atingir jogos olímpicos de Paris

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 17.11.2023 13:07 comentários
Mundo

Greves podem atingir jogos olímpicos de Paris

O sindicato CGT da França está pressionando o governo para mudar suas negociações com os trabalhadores do setor público em relação às condições de trabalho e remuneração durante os Jogos Olímpicos de 2024...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 17.11.2023 13:07 comentários 0
Greves podem atingir jogos olímpicos de Paris
Foto: Sophie Robichon / Mairie de Paris

O sindicato CGT da França está pressionando o governo para mudar suas negociações com os trabalhadores do setor público em relação às condições de trabalho e remuneração durante os Jogos Olímpicos de 2024. Caso suas exigências não sejam atendidas, eles ameaçam entrar em greve nos próximos meses.

De acordo com a representante sindical Celine Verzeletti, se não houver compromissos no início de 2024, haverá paralisações nos meses de janeiro, fevereiro, março e abril. Os sindicatos estão aumentando a pressão à medida que o governo inicia negociações com os trabalhadores do setor público, incluindo polícia, transporte e saúde, para garantir pessoal suficiente durante os Jogos.

Com início previsto para o final de julho, no meio da temporada de férias nacionais, os jogos olímpicos devem sobrecarregar ainda mais a força de trabalho de Paris. A cidade já enfrenta ameaças crescentes de segurança e escassez crônica de pessoal nos hospitais e na rede de transporte.

Até o momento, as conversas com o governo e o ministro dos trabalhadores do Estado, Stanislas Guerini, não têm produzido resultados. Segundo Verzeletti, as necessidades adicionais daqueles que precisam trabalhar durante os Jogos, como creches, acomodações e viagens, não estão sendo suficientemente consideradas.

Um porta-voz do gabinete de Stanislas Guerini afirmou, à agências internacionais, que medidas específicas para o período da Olimpíada estão sendo decididas. A primeira-ministra comunicará em breve detalhes sobre a compensação dos trabalhadores. Essas medidas serão apresentadas aos sindicatos durante uma reunião planejada para dezembro.

Opinião

Você trocaria um Jair Bolsonaro por um Elon Musk?

Madeleine Lacsko
22.04.2024 18:56 3 minutos de leitura
Visualizar

Galvão vai a record

Visualizar

13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

Visualizar

Crusoé: PT escolhe ex-PDT para concorrer à prefeitura em Fortaleza

Visualizar

Rui Costa vira alvo de críticas por parte de indígenas

Visualizar

Últimos dias para solicitar isenção no Enem 2024

Visualizar

Tags relacionadas

governo francês greve policiais OLIMPÍADAS Paris
< Notícia Anterior

Israel x ONU: o que é escandaloso

17.11.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Orlando Tosetto na Crusoé: O anticlímax da República

17.11.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

22.04.2024 18:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Equador recaptura líder de facção que desencadeou crise de segurança

Crusoé: Equador recaptura líder de facção que desencadeou crise de segurança

22.04.2024 18:10 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Aumenta o número de casos de abuso infantil usando Inteligência Artificial nos EUA

Aumenta o número de casos de abuso infantil usando Inteligência Artificial nos EUA

22.04.2024 17:52 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Terremoto de 6,3 atinge Taiwan

Terremoto de 6,3 atinge Taiwan

22.04.2024 17:48 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.