O Antagonista

EUA e Equador fecham acordo de cooperação em segurança e defesa

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 23.01.2024 11:14 comentários
Mundo

EUA e Equador fecham acordo de cooperação em segurança e defesa

Os governos dos Estados Unidos e do Equador chegaram a um acordo nesta segunda-feira, 22, para aumentar a cooperação em segurança e defesa do país sul-americano...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 23.01.2024 11:14 comentários 0
EUA e Equador fecham acordo de cooperação em segurança e defesa
Reprodução

Os governos dos Estados Unidos e do Equador chegaram a um acordo nesta segunda-feira, 22, para aumentar a cooperação em segurança e defesa do país sul-americano.

O acordo foi fechado durante um encontro entre o presidente equatoriano, Daniel Noboa (à direita na foto), o enviado especial dos EUA para as Américas, Christopher Dodd (à esquerda), e a Comandante do Comando Sul, Laura Richardson (centro), no palácio de Carondelet, sede do governo do país.

Em nota, a presidência do Equador informou que ambos os países “expressaram a importância de aprofundar o investimento e o intercâmbio comercial, como forma direta de influenciar a revitalização da economia e a geração de emprego, atacando o problema da criminalidade desde as suas raízes”.

“Houve um diálogo construtivo sobre a questão da imigração para promover uma migração segura, ordenada e regular, bem como encontrar soluções pragmáticas e mutuamente acordadas para os problemas enfrentados pelos cidadãos equatorianos nos Estados Unidos que se encontram em situação irregular”, acrescentou.

Segundo a ministra das Relações Exteriores do Equador, Gabriela Sommerfeld, que também participou do encontro, a presença das autoridades americanas no país é “um sinal político potente e concreto do apoio dos EUA à administração do presidente Daniel Noboa no conflito armado não internacional contra o terrorismo, o tráfico de drogas e o crime organizado transnacional em todas suas manifestações para devolver a paz para nossos cidadãos”.

Estado de “conflito armado interno” 

Diante da crise na segurança pública equatoriana, o presidente Daniel Noboa decretou “estado de conflito armado interno” no país, em 9 de janeiro de 2024, para controlar a situação e garantir a segurança.

Na véspera, 8 de janeiro, Noboa já havia declarado estado de exceção para permitir que as Forças Armadas interviessem no sistema prisional equatoriano.

A fuga do líder da maior facção criminosa do Equador

O estado de exceção foi uma resposta à fuga de Adolfo Macias, conhecido como Fito, líder do cartel Los Choneros, no domingo, 7. Ele cumpria pena de 34 anos de prisão por crime organizado, narcotráfico e homicídio.

Em setembro de 2023, Fito foi enviado a uma prisão de segurança máxima após o assassinato de Fernando Villavicencio, candidato à Presidência do Equador morto com três tiros na cabeça enquanto deixava um comício em 9 de agosto de 2023. Uma semana antes de morrer, o político havia relatado que o líder da maior facção criminosa do Equador o havia ameaçado de morte.

Leia também:

Como Guayaquil se tornou foco da rota do tráfico na América do Sul

Mais Lidas

1

De tanto patrulhar humorista, esquerda não consegue mais se defender dos memes

Visualizar notícia
2

Argentina e outros 4 países mostram a Brasil como lidar com Maduro

Visualizar notícia
3

Biden: “De que diabos Trump estava falando?”

Visualizar notícia
4

O apagão mundial explicado

Visualizar notícia
5

Como assessor de Lula traduz ameaças de Maduro

Visualizar notícia
6

Crusoé: Lula e a autodeterminação dos ditadores amigos

Visualizar notícia
7

O circo da eleição americana

Visualizar notícia
8

Brasileira em Israel fala de ataque a Tel Aviv

Visualizar notícia
9

Atirador usou drone sobre local horas antes de atentado a Trump

Visualizar notícia
10

Últimos dias: Concurso Público de Buerarema

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Daniel Noboa Equador EUA narcotráfico
< Notícia Anterior

Oscar 2024 revela indicados; 'Oppenheimer' e 'Pobres Criaturas' lideram

23.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Mercadante jura que desta vez vai ser diferente

23.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Atirador usou drone sobre local horas antes de atentado a Trump

Atirador usou drone sobre local horas antes de atentado a Trump

20.07.2024 07:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Biden: “De que diabos Trump estava falando?”

Biden: “De que diabos Trump estava falando?”

19.07.2024 22:13 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Argentina e outros 4 países mostram a Brasil como lidar com Maduro

Argentina e outros 4 países mostram a Brasil como lidar com Maduro

19.07.2024 21:24 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Apagão cibernética cancela mais de 4 mil voos ao redor do mundo

Apagão cibernética cancela mais de 4 mil voos ao redor do mundo

19.07.2024 21:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.