O Antagonista

EUA afundam barcos de rebeldes do Iêmen

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 31.12.2023 07:31 comentários
Mundo

EUA afundam barcos de rebeldes do Iêmen

O Comando Central dos Estados Unidos (Centcom) informou que rebeldes houthis do Iêmen atacaram no sábado um navio porta-contêineres e...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 31.12.2023 07:31 comentários 0
EUA afundam barcos de rebeldes do Iêmen
Reprodução

O Comando Central dos Estados Unidos (Centcom) informou que rebeldes houthis do Iêmen atacaram no sábado um navio porta-contêineres e helicópteros da Marinha americana no sul do Mar Vermelho.

Segundo os militares dos EUA, o navio Maersk Hangzhou emitiu um segundo pedido de socorro em menos de 24 horas, quando os houthis – grupo apoiado pelo Irã – abriram fogo e tentaram abordar o navio.

As equipes de segurança do barco responderam ao fogo e os militares americanos enviaram helicópteros ao local. Três das embarcações do grupo rebelde afundaram, sem sobreviventes. Um quarto barco fugiu da região.

O navio porta-contêineres com bandeira de Cingapura é operado pela Dinamarca e relatou ter sido atingido por um míssil. A embarcação está em condições de navegar e não houve relatos de feridos.

Segundo o Comando Central, essa foi a 22ª tentativa de ataque à navegação internacional pelos houthis desde meados de outubro, quando o grupo declarou guerra contra Israel.

O principal aliado do Hamas, o Irã, também é o mais importante apoiador dos houthis na guerra civil iemenita, que já dura uma década. Os rebeldes enfrentam o governo em exílio e a Arábia Saudita.

Os houthis dizem atacar navios ligados a Israel, o que não é verdade. Os ataques costumam envolver embarcações que não têm nenhuma conexão com o conflito na Faixa de Gaza.

​​Na semana passada, o ministro da Defesa de Israel, Yoav Gallant, afirmou que o país luta em frente não apenas em Gaza e na Cisjordânia, território palestino fora do controle do Hamas, mas também no Líbano, na Síria, no Irã, no Iêmen e no Iraque.

Além dos territórios palestinos, todos esses países têm algum tipo de envolvimento no conflito entre Tel Aviv e o Hamas.

O Líbano sedia o Hezbollah, que oficialmente está em guerra com Israel desde a década de 1980 quando o grupo terrorista foi fundado.

A Síria, cujo regime de Bashar al-Assad, e o Iraque, que, como grande parte do Oriente Médio, não reconhece a soberania de Israel, tem servido de palco e corredor para ataques contra Tel Aviv.

Mais Lidas

1

Trump é retirado de comício após barulhos de supostos tiros

Visualizar notícia
2

Economista alemão critica ajuda financeira de Lula e Bolsonaro a Putin

Visualizar notícia
3

Trump desafia Biden a fazer exame cognitivo

Visualizar notícia
4

Prefeito de Curitiba critica Bolsonaro em cerimônia de homenagem a Doria

Visualizar notícia
5

Bolsonaro mantém agenda com Ramagem no Rio

Visualizar notícia
6

Elon Musk manifesta apoio a Trump após disparos

Visualizar notícia
7

"Nos vemos na posse", diz Bolsonaro em mensagem sobre Trump

Visualizar notícia

Tags relacionadas

EUA guerra Hamas Iêmen navios
< Notícia Anterior

Israel acha grande quantidade de armamento chinês em Gaza

30.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Barroso diz que Bolsonaro elegeu STF como “principal inimigo”

31.12.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

"Nos vemos na posse", diz Bolsonaro em mensagem sobre Trump

"Nos vemos na posse", diz Bolsonaro em mensagem sobre Trump

13.07.2024 20:14 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Turismo de Massa: o que é e os problemas que ele implica

Turismo de Massa: o que é e os problemas que ele implica

13.07.2024 20:08 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Elon Musk manifesta apoio a Trump após disparos

Elon Musk manifesta apoio a Trump após disparos

13.07.2024 20:06 1 minuto de leitura
Visualizar notícia
Trump é retirado de comício após barulhos de supostos tiros

Trump é retirado de comício após barulhos de supostos tiros

13.07.2024 19:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.