O Antagonista

Crusoé: Seul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 20.06.2024 21:02 comentários
Mundo

Crusoé: Seul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

Caso as potências ocidentais pensem em atacar a Coreia do Norte, terá de se preocupar com uma resposta nuclear também da Rússia

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 20.06.2024 21:02 comentários 0
Crusoé: Seul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte
Reprodução/X

O governo da Coreia do Sul anunciou nesta quinta-feira, 20 de junho, que considera passar a enviar armamentos à Ucrânia, dois dias após a Rússia firmar uma aliança militar com a ditadura norte-coreana.

 “É absurdo que duas partes com um histórico de lançar guerras de invasão – a Guerra da Coreia e a guerra na Ucrânia – agora prometam cooperação militar mútua com base na premissa de um ataque preventivo por parte da comunidade internacional que nunca acontecerá”, disse o gabinete do presidente sul-coreano, Yoon Suk-yeol.

Em resposta a Seoul, o autocrata da Rússia, Vladimir Putin, afirmou que o envio de armas a Kiev seria “um erro muito grande” e levaria a “decisões que dificilmente agradariam a atual liderança da Coreia do Sul”.

O que diz a aliança firmada entre Rússia e Coreia do Norte?

Agora, caso as potências ocidentais pensem em atacar uma potência nuclear como a Coreia do Norte, terá de se preocupar com uma resposta nuclear também da Rússia — e vice-versa. O acordo de assistência mútua, assinado por Vladimir Putin e por Kim Jong-Un nesta terça-feira, 18, ressuscita uma parceria da Guerra Fria e coloca ainda mais pressão em ações da Otan na Ucrânia, alvo da invasão russa desde 2022.

A primeira visita do ditador russo à Coreia do Norte, em quase 25 anos de governo, veio como retribuição à visita de Kim Jong-Un ao território russo, no ano passado. Desde então, os países selaram uma aliança estratégica para contornar as sanções que Estados Unidos e Europa aplicam a ambos.

A Rússia vende parte do seu combustível para Pyongyang, que está proibida de receber petróleo bruto. A Coreia do Norte envia armamentos para a máquina de guerra russa no front ucraniano.

Ambos os ditadores tiver uma reunião privada e, depois, um encontro ampliado com ministros. Kim Jong-Un, a terceira geração da única ditadura socialista hereditária do planeta, chamou Putin de “verdadeiro amigo”; o autocrata russo, no poder desde 1999, agradeceu o empenho de Pyongyang em dar “apoio consistente e constante” na política externa russa, incluindo a Ucrânia.

E é sobre a guerra na Europa que ecoa mais forte o “Tratado Abrangente de Parceria Estratégica”, como foi chamado o documento. Com o mesmo espírito da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), que prevê assistência de todo bloco a um atacado, a Rússia garantiu que um ataque a seu território por nações europeias poderá ser repelido não apenas com suas armas e soldados, mas com a nação mais militarizada do planeta. Isso inclui na equação os mísseis nucleares intercontinentais, capazes de alcançar a costa oeste dos Estados Unidos.

Sorte…

Leia mais em Crusoé

Mais Lidas

1

Filmes novos vs filmes antigos 

Visualizar notícia
2

Celso Amorim toma invertidas, nos EUA, ao relativizar ditaduras

Visualizar notícia
3

Que tal taxar os memes de Haddad?

Visualizar notícia
4

Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann

Visualizar notícia
5

Israel bombardeia porto no Iêmen após ataque em Tel Aviv

Visualizar notícia
6

Trump promete a Zelensky “acabar com a guerra”

Visualizar notícia
7

Zema vê Tarcísio como “nome mais forte” da direita para 2026

Visualizar notícia
8

Memes sobre Haddad e intolerância ao contraditório

Visualizar notícia
9

Idosa é presa por ser stalker de policial

Visualizar notícia
10

"O que Roger Scruton pode ensinar a Keir Starmer"

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Coreia do Norte Coreia do Sul Rússia
< Notícia Anterior

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

20.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Lula quer monopólio da autonomia

20.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Trump: “Levei um tiro pela democracia”

Trump: “Levei um tiro pela democracia”

20.07.2024 19:24 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Arzebaijão ameaça entrar de forma militar na França

Arzebaijão ameaça entrar de forma militar na França

20.07.2024 18:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ataque a porto no Iêmen mostra alcance de Israel, diz Netanyahu

Ataque a porto no Iêmen mostra alcance de Israel, diz Netanyahu

20.07.2024 18:46 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Picanha é eleita comida mais gostosa do mundo. Vatapá também

Picanha é eleita comida mais gostosa do mundo. Vatapá também

20.07.2024 18:45 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.