O Antagonista

Crusoé: EUA sancionam colonos judeus na Cisjordânia

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 01.02.2024 16:41 comentários
Mundo

Crusoé: EUA sancionam colonos judeus na Cisjordânia

Medida é um reflexo da crescente pressão política que Biden vem sofrendo do eleitorado jovem e mais à esquerda

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 01.02.2024 16:41 comentários 0
Crusoé: EUA sancionam colonos judeus na Cisjordânia
Fonte: Divulgação

A Casa Branca anunciou nesta quinta-feira, 1º de fevereiro, a imposição de sanções financeiras a quatro colonos judeus acusados de ameaçar a “paz, segurança e estabilidade” na Cisjordânia.

Segundo o presidente americano, Joe Biden (foto), as ações sancionadas envolvem intimidação de civis para que deixem suas casas, destruição e tomada de propriedades, e participação em atividades terroristas na Cisjordânia.

A região, ao leste do rio Jordão, é controlada pela Autoridade Palestina.

“Estas ações prejudicam os objetivos da política externa dos Estados Unidos, incluindo a viabilidade de uma solução de dois Estados e a garantia de que israelitas e palestinianos possam alcançar medidas iguais de segurança, prosperidade e liberdade”, disse Biden.

“Também minam a segurança de Israel e têm o potencial de levar a uma desestabilização regional mais ampla em todo o Médio Oriente, ameaçando o pessoal e os interesses dos Estados Unidos”, acrescentou.

Pressão sobre Biden

A medida adotada pelos EUA é um reflexo da crescente pressão política que Biden vem sofrendo do eleitorado jovem e mais à esquerda em relação sua postura de apoio à Israel em meio ao conflito recente em Gaza.

Inicialmente, Biden afirmou que os Estados Unidos estavam “100%” ao lado de Tel Aviv, entretanto, a pressão pela base democrata em pleno ano eleitoral o fez recuar.

A gestão Biden tem sido alvo constante de protestos que pedem o fim do apoio americano a Israel.

O embate em relação à questão palestina tem peso particular entre o eleitorado jovem e a população afro-americana, considerados grupos chave para que os democratas possam vencer as eleições contra Donald Trump em novembro de 2023.

Ligações entre ONU e Hamas em Gaza

O jornal americano Wall Street Journal publicou nesta segunda, 29 de janeiro, uma reportagem baseada em um relatório de inteligência israelense afirmando que cerca de 10% dos funcionários da Agência da ONU para os Refugiados Palestinos (UNRWA, na sigla em inglês) têm conexões com terroristas do Hamas ou da Jihad Islâmica.

Considerando que a UNRWA tem 12 mil funcionários na Faixa de Gaza (foto), então pode-se concluir que 1.200 empregados da agência têm alguma relação com o terror.

Quando se consideram apenas os funcionários homens, a porcentagem de pessoas com alguma conexão com o terrorismo é ainda maior: 23%.

Essa porcentagem de 23% na UNRWA é maior do que a encontrada entre o total da população masculina na Faixa de Gaza, que é de 15%.

Em outras palavras, a agência da ONU concentra uma quantidade maior de pessoas com conexão ao terror do que no restante da população da Faixa de Gaza.

Quase metade de…

Leia mais em Crusoé

Esportes

Alexandre Pato fala sobre os bastidores da sua saída do São Paulo

28.02.2024 23:00 2 minutos de leitura
Visualizar

Estátua de Daniel Alves é vandalizada em Juazeiro, sua cidade natal

Visualizar

A "epidemia geral" de Barroso

Visualizar

Flamengo considera vender Gabigol para lucrar com o atacante

Visualizar

Lula continua a ecoar o Hamas: “Genocídio”

Visualizar

Atacante Yuri Alberto visita crianças com câncer no GACC

Visualizar

Tags relacionadas

Cisjordânia Estados Unidos sanções americanas
< Notícia Anterior

Após espionagem da Abin, Anatel vai apurar conduta da Tim, Claro e Vivo

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Greta Thunberg recebe último aviso durante julgamento por protesto

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Estação Espacial Internacional terá uma mulher na gerência pela primeira vez

Estação Espacial Internacional terá uma mulher na gerência pela primeira vez

28.02.2024 20:14 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Suprema Corte vai julgar caso de imunidade de Trump

Suprema Corte vai julgar caso de imunidade de Trump

28.02.2024 19:28 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Rússia ameaça adotar ação militar caso Suécia entre na OTAN

Rússia ameaça adotar ação militar caso Suécia entre na OTAN

28.02.2024 19:21 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Um morto e dois desaparecidos após problemas em barco de migrantes no Canal da Mancha

Um morto e dois desaparecidos após problemas em barco de migrantes no Canal da Mancha

28.02.2024 18:36 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.