Anders Breivik perde batalha contra isolamento na prisão Anders Breivik perde batalha contra isolamento na prisão
O Antagonista

Anders Breivik perde batalha contra isolamento na prisão

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 15.02.2024 15:59 comentários
Mundo

Anders Breivik perde batalha contra isolamento na prisão

Anders Breivik perde importante batalha legal contra isolamento na prisão em caso de direitos humanos. Saiba mais sobre este emblemático caso.

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 15.02.2024 15:59 comentários 0
Anders Breivik perde batalha contra isolamento na prisão
Fonte: Reprodução/ Reuters

O fanático de extrema-direita norueguês, Anders Behring Breivik, perdeu uma batalha legal contra o Estado em sua tentativa de acabar com seu isolamento na prisão, de acordo com um veredicto divulgado nesta quinta-feira (15).

Breivik, que admitiu ter matado 77 pessoas em um ato de terror extremista em Oslo e na ilha Utoeya em 2011, havia processado o Estado norueguês em janeiro, alegando que as condições rigorosas de sua prisão violavam seus direitos humanos.

Os tribunais rejeitam as alegações de Breivik

“O Tribunal Distrital de Oslo, após uma avaliação geral, concluiu que as condições de sentença de Breivik não constituem uma violação dos direitos humanos”, afirmou o comunicado que acompanhou o veredicto.

Breivik está cumprindo uma sentença de 21 anos, que era a pena máxima na Noruega no momento de seus crimes. Esta sentença pode ser prorrogada enquanto ele for considerado uma ameaça à sociedade. Desde sua prisão, ele foi mantido em completo isolamento.

Breivik mostra arrependimento

Durante o julgamento, Breivik testemunhou que estava arrependido de seus atos e se emocionou ao descrever sua vida no isolamento da prisão como um “pesadelo” que o deixou considerando o suicídio diariamente.

No entanto, um psicólogo que co-autorou uma nova avaliação de risco sobre Breivik testemunhou que ele não estava deprimido nem suicida e que estava lidando “muito bem” com suas condições atuais de detenção.

Em resumo, o tribunal afirmou que “as condições de sentença não podem ser consideradas desproporcionalmente onerosas”, concluindo o veredicto.

A equipe jurídica de Breivik não fez comentários imediatos após a divulgação do veredicto.

Este veredicto representa um importante marco na gestão do sistema prisional norueguês, evidenciando a rigidez e a seriedade do mesmo diante de um dos piores crimes cometidos na história recente do país.

Mundo

12 migrantes mortos são resgatados do mar pelo governo italiano

20.06.2024 21:22 3 minutos de leitura
Visualizar

Cracolândia: Grades e operações policiais causam polêmicas

Visualizar

Lula quer monopólio da autonomia

Visualizar

Crusoé: Seoul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

Visualizar

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

Visualizar

‘Nacionalismo’ de Lula rendeu petrolão

Visualizar

Tags relacionadas

assassino isolamento Noruega
< Notícia Anterior

Rachadinha de Janones: PGR concorda com quebra de sigilos

15.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Onde assistir São Bernardo x Palmeiras? Confira detalhes da partida!

15.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

12 migrantes mortos são resgatados do mar pelo governo italiano

12 migrantes mortos são resgatados do mar pelo governo italiano

20.06.2024 21:22 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Seoul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

Crusoé: Seoul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

20.06.2024 21:02 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Filipinas divulga vídeo sob ataque chinês com armas brancas

Filipinas divulga vídeo sob ataque chinês com armas brancas

20.06.2024 20:08 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Nova lei na Louisiana exige os Dez Mandamentos em escolas públicas

Nova lei na Louisiana exige os Dez Mandamentos em escolas públicas

20.06.2024 19:54 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.