Um chá de revelação que revelou um ótimo negócio Um chá de revelação que revelou um ótimo negócio
O Antagonista

Um chá de revelação que revelou um ótimo negócio

avatar
Rodrigo Oliveira
3 minutos de leitura 18.03.2024 17:32 comentários
Economia

Um chá de revelação que revelou um ótimo negócio

Uma história de coincidências e intuições que desembocaram em uma empresa revolucionária e com crescimento acelerado

avatar
Rodrigo Oliveira
3 minutos de leitura 18.03.2024 17:32 comentários 0
Um chá de revelação que revelou um ótimo negócio
Foto: Wallace Erick e Vinícius Luiz (direita), fundadores da Orbital (Divulagação)

Uma atividade que tem se tornando cada vez mais comum entre casais para anunciar a vinda de um menino ou uma menina é o chamado chá de revelação. Na ocasião, os futuros papai e mamãe delegam a um amigo ou amiga o resultado do exame de sexagem e promovem um encontro com amigos e familiares para dividir com eles a surpresa sobre o gênero da criança.

Foi no chá de revelação do próprio filho que Vinícius Luiz, um dos fundadores da Orbital, teve a ideia que originaria um novo negócio para a família. Em atenção a um pedido da esposa para a festa, Vinícius e o amigo e futuro sócio Wallace Erick desenvolveram um programa interativo e inovador para os convidados do evento. Um totem na entrada, permitia que todos registrasse um palpite sobre se era menino ou menina.

A ideia despertou o interesse dos convidados e plantou a semente para o nascimento da Orbital, uma software house dedicada a fornecer soluções personalizadas, ágeis e funcionais. O trabalho da Orbital usar o conhecimento em tecnologia e muita criatividade para tirar do papel ideias que, de outra forma, seriam abandonadas.

O empreendimento começou atendendo pessoas físicas, mas logo chamou a atenção de grandes empresas como a Volvo Cars Brasil e a Polishop, entre outras. “Nossa evolução foi despretensiosa, mas hoje somos ousados em dizer que levamos inovação de forma diferente e, redesenhando o futuro de diversos segmentos por meio de tecnologia de ponta e desenvolvimento ágil”, explica Vinicius Luiz, que é diretor de Inovação da Orbital e o entrevistado da quinta edição do Sala Antagonista, nesta segunda-feira, 18, às 20h.

Conheça a trajetória deste empreendedor e como a Orbital tem ajudado a revolucionar a economia fazendo com que ideias virem realidade de forma pouco custosa e com velocidade.

Sala Antagonista

Todas as segundas-feiras, às 20h, no canal do YouTube de O Antagonista, Rodrigo Oliveira apresenta um novo episódio do Sala Antagonista, um bate-papo com personalidades e personagens do mundo dos negócios que estão mudando o panorama econômico nacional.  

De onde vieram? Como enfrentaram os fracassos e dificuldades no caminho? Quando entenderam que deveriam ajustar a rota ou insistir em uma aposta? Qual a ética de trabalho de pessoas e negócios que um dia foram comuns, mas se tornaram expoentes nos mais variados setores? Enfim, um mapa para quem quer entender sobre negócios ou se inspirar para saber como tirar aquele projeto do papel. Além, é claro, de detalhes sobre as empresas que comandam.

Brasil

Crusoé: "Twitter Files" mostra que TSE também censurou a esquerda

22.04.2024 22:43 2 minutos de leitura
Visualizar

Crusoé: Milei anuncia 3º mês de superávit

Visualizar

Alerta em Noronha com branqueamento de corais

Visualizar

A testosterona fake de Bolsonaro

Visualizar

Corolla Cross 2025 deixa freio e aposta em design

Visualizar

Reino Unido aprova polêmica Lei de Asilo

Visualizar

Tags relacionadas

Sala Antagonista
< Notícia Anterior

Crusoé: os comunistas cubanos sobem no telhado

18.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Alerta de congelamento nos Estados Unidos

18.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodrigo Oliveira

Jornalista pela UnB (Universidade de Brasília), pós-graduado em Marketing &amp; Mídias Digitais pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) e especializado em finanças e negócios. É Analista de Valores Mobiliários (CNPI) certificado pela Apimec (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais) com quatro anos de experiência profissional no mercado financeiro.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Empresas financeiras ocidentais na China em desaceleração

Empresas financeiras ocidentais na China em desaceleração

22.04.2024 18:18 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mercado inicia semana corrigindo exageros passados

Mercado inicia semana corrigindo exageros passados

22.04.2024 18:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Manoel Horácio: do Olimpo corporativo à demissão por ciúmes

Manoel Horácio: do Olimpo corporativo à demissão por ciúmes

22.04.2024 17:05 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Novo reconhecimento facial no App Gov.br eleva acesso a serviços

Novo reconhecimento facial no App Gov.br eleva acesso a serviços

22.04.2024 12:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.