Arábia Saudita pondera adesão ao bloco BRICS e agita cenário político global Arábia Saudita pondera adesão ao bloco BRICS e agita cenário político global
O Antagonista

Arábia Saudita pondera adesão ao bloco BRICS e agita cenário político global

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 18.01.2024 18:25 comentários
Economia

Arábia Saudita pondera adesão ao bloco BRICS e agita cenário político global

A Arábia Saudita está avaliando um convite para ingressar no bloco BRICS, que consiste no grupo de países emergentes formados por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 18.01.2024 18:25 comentários 0
Arábia Saudita pondera adesão ao bloco BRICS e agita cenário político global
Fonte: Divulgação

A Arábia Saudita está avaliando um convite para ingressar no bloco BRICS, que consiste no grupo de países emergentes formados por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. A proposta veio à tona em agosto de 2023, dando origem a especulações no panorama político global.

O convite ao bloco BRICS

Ano passado, o bloco BRICS convidou a Arábia Saudita junto a outros países como Emirados Árabes Unidos, Egito, Irã, Argentina e Etiópia para juntar-se ao grupo a partir de 1º de janeiro deste ano. Aliado a isso, a data mencionada não impõe um prazo final para a tomada de decisão. Dentro do grupo, destacam-se a China e a Índia como os principais parceiros comerciais do reino saudita, trazendo benefícios significativos caso aceitem o convite. “O Reino está avaliando os benefícios e em seguida tomará uma decisão. Há um processo em andamento”, afirmou uma das fontes.

Impacto do aumento do bloco BRICS

A ampliação do bloco BRICS agrega uma maior dimensão econômica ao grupo já existente. Além disso, amplia sua ambição declarada de tornar-se um campeão do Sul Global. Faisal Alibrahim, economista principal da Arábia Saudita, confirmou que o reino ainda está na fase de decisão sobre a adesão ao grupo. “O Reino participa de várias plataformas e instituições multilaterais e, sempre que é convidado para uma das plataformas, passa por um processo de várias etapas. Nós estamos nesta etapa e vou comentar ao final do processo”, comentou à Reuters.

Contemplamento das opções geoestratégicas

A tomada de decisão do reino surge em meio a crescentes tensões geopolíticas entre Estados Unidos, China , Rússia, e enquanto os laços da Arábia Saudita com Pequim têm suscitado preocupações em Washington. Hesham Alghannam, diretor geral do Centro de Pesquisa de Segurança na Universidade Naif Árabe para Ciências de Segurança disse: “Enquanto a adesão oficial ao grupo é vantajosa para a economia do Reino, deve-se considerar cuidadosamente as implicações políticas que pode ter sobre seus relacionamentos com outras grandes potências”.

Na terça-feira passada, o ministro do comércio da Arábia Saudita afirmou que o país não aderiu ao BRICS em um painel no Fórum Econômico Mundial em Davos, sem entrar em detalhes. Peskov, porta-voz do Kremlin, disse que a integração da Arábia Saudita ao bloco BRICS é um trabalho muito importante que continua em andamento.

Aceitação dos Emirados Árabes Unidos

Por outro lado, o Membro do Conselho de Cooperação do Golfo (GCC), os Emirados Árabes Unidos, aceitou o convite e se juntou ao bloco, de acordo com o Ministério das Relações Exteriores. Sua decisão foi baseada em considerações econômicas e não políticas, disse o Ministro da Economia Abdulla bin Touq al Marri na quinta-feira. “Não vivemos na Guerra Fria … a adesão ao BRICS não é de uma postura política, é de uma postura econômica”, comentou Marri em uma sessão em Davos. “Sim, a polarização aconteceu, é sem precedentes desde a década de 1980, mas a aderência aos BRICS é mais uma agenda do Sul-Sul. Os EAU sempre vão se envolver com o Ocidente”.

Mundo

Bilionários farão nova expedição submarina ao Titanic

28.05.2024 19:48 3 minutos de leitura
Visualizar

Lula recebe Joesley no Planalto, puro suco de Brasil

Madeleine Lacsko Visualizar

Amistoso Brasil e México tem data marcada

Visualizar

Bebê abandonada em selva no Panamá volta ao Brasil após 5 meses

Visualizar

Derrota de Lula: Congresso derruba veto ao PL das saidinhas

Wesley Oliveira Visualizar

Tem vaga no seu time? Arthur não fica na Fiorentina

Visualizar

Tags relacionadas

Arábia Saudita Brics
< Notícia Anterior

Ex-BBB Maria Melilo pede proteção legal após alegações de agressão do ex-namorado Luiz França

18.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Prazo de adesão ao Simples Nacional pode ser prorrogado até maio, diz ministro

18.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Relator propõe taxar ‘blusinhas da Shein’ em 25%

Relator propõe taxar ‘blusinhas da Shein’ em 25%

Wesley Oliveira, Wilson Lima
28.05.2024 18:47 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Após pequeno alívio, Ibovespa volta a cair

Após pequeno alívio, Ibovespa volta a cair

28.05.2024 18:41 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Conheça os benefícios previdenciários para MEIs e garanta sua segurança

Conheça os benefícios previdenciários para MEIs e garanta sua segurança

28.05.2024 12:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Saiba como elevar sua conta Gov.br para Prata ou Ouro e facilite sua vida

Saiba como elevar sua conta Gov.br para Prata ou Ouro e facilite sua vida

28.05.2024 12:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.