O Antagonista

A corrida de Tebet para fechar relações comerciais com a Bolívia

avatar
Otávio Augusto
3 minutos de leitura 01.02.2024 14:18 comentários
Economia

A corrida de Tebet para fechar relações comerciais com a Bolívia

Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia e Acre terão rodovias espaço para ampliar o comércio e as relações de turismo

avatar
Otávio Augusto
3 minutos de leitura 01.02.2024 14:18 comentários 1
A corrida de Tebet para fechar relações comerciais com a Bolívia
Fotos: Diogo Zacarias

A ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, tem tentado articular relações comerciais com a Bolívia.

Tebet tem usado as duas rotas de integração sul-americana que beneficiam diretamente o país vizinho como um gancho.

A tentativa de Tebet influencia o setor de insumos para a produção de fertilizantes. Produtos como ureia, cloreto de potássio e NPK (nitrogênio, fósforo e potássio) produzidos na Bolívia são de interesse brasileiro.

Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia e Acre terão rodovias espaço para ampliar o comércio e as relações de turismo e culturais entre os dois países.

Na quarta-feira (31), Tebet conversou com o ministro de Hidrocarbonetos e Energias da Bolívia, Franklin Ortiz, sobre o projeto de integração sul-americana.

Inicialmente, a conexão não será apenas rotas rodoviárias ou de hidrovias, mas outras formas de integração, como a energética e a conectividade digital.

“O Brasil possui capacidade técnica e recursos para desenvolver cadeias produtivas na área de nitrogenados. a Bolívia possui grandes reservas de gás natural, insumo fundamental para a produção dos nitrogenados, além de minerais usados em outros tipos de nutrientes. A implementação do memorando será conduzida por um grupo de trabalho conjunto, composto por representantes das áreas técnicas, que terá a responsabilidade de elaborar um plano estratégico de cooperação”, pontua o Ministério Planejamento e Orçamento, em nota.

O texto completa.

“Duas das cinco rotas de integração sul-americana beneficiam diretamente a Bolívia e os Estados brasileiros na fronteira com o país vizinho”, frisa.

A integração

O governo brasileiro retomou o plano de união sul-americana pela infraestrutura. O Brasil apresentou aos países vizinhos um plano com 124 projetos em 11 estados fronteiriços.

O projeto conta com apoio bilionário de organismos internacionais, como o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a antiga Corporação Andina de Fomento (CAF), além do BNDES.

Todas as obras foram incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Serão cinco rotas de integração e desenvolvimento:

  • Rota da Ilha das Guianas: inclui integralmente os estados do Amapá e de Roraima e partes do território do Amazonas e do Pará, sendo fronteiriça com a Guiana, a Guiana Francesa, o Suriname e a Venezuela.
  • Rota Multimodal Manta-Manaus: contempla inteiramente o estado Amazonas e partes dos territórios de Roraima, Pará e Amapá, interligando-se por via fluvial a Colômbia, Peru e Equador.
  • Rota do Quadrante Rondon: formado pelos estados do Acre e de Rondônia, por toda a porção oeste de Mato Grosso, com conexões via Bolívia e Peru.
  • Rota de Capricórnio: desde os estados de Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina, ligada, por múltiplas vias, ao Paraguai, Argentina e Chile.
  • Rota Porto Alegre-Coquimbo, abrangendo o Rio Grande do Sul, integrada à Argentina, ao Uruguai e ao Chile.
Esportes

Craque Neto detona responsável pela eliminação do Corinthians: "maior culpado"

04.03.2024 23:00 2 minutos de leitura
Visualizar

Vasco acerta contratação do atacante Clayton Silva, de Portugal

Visualizar

Cuca concede primeira entrevista oficial como técnico do Athletico

Visualizar

Rafael Cardoso pede desculpas em caso de agressão contra idoso

Visualizar

Os brasileiros sabem da roubalheira

Visualizar

Amigo de Robinho é multado por tumultuar andamento do processo

Visualizar

Tags relacionadas

Bolívia Simone Tebet
< Notícia Anterior

Crusoé: O penduricalho de Jorginho a militares de SC

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Confira os conteúdos com maior sucesso de monetização na internet

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Otávio Augusto

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Carlos Renato Cardoso Da Costa

2024-02-01 14:20:43

Piscando o olho ao seu próprio eleitorado natural do agronegócio do centro oeste. Não há ponto sem nó


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Entenda como seu negócio pode cortar a conta de luz em até 35%

Entenda como seu negócio pode cortar a conta de luz em até 35%

04.03.2024 18:37 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
O novo prazo de Haddad para a regulamentação da reforma tributária

O novo prazo de Haddad para a regulamentação da reforma tributária

04.03.2024 13:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Aposentadoria MEI: conheça as vantagens e cuidados necessários para idosos

Aposentadoria MEI: conheça as vantagens e cuidados necessários para idosos

04.03.2024 12:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Inscrições abertas para concurso de Auditor Fiscal em Uberaba: salário de R$ 6.6 mil!

Inscrições abertas para concurso de Auditor Fiscal em Uberaba: salário de R$ 6.6 mil!

04.03.2024 11:37 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.