Shein supera Zara nos EUA Shein supera Zara nos EUA
O Antagonista

Shein supera Zara nos EUA

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 11.06.2024 06:08 comentários
Cultura

Shein supera Zara nos EUA

A Shein superou a marca de 50% do total das vendas do mercado de "fast fashion", ou moda rápida, nos EUA, superando a Zara, com 13%, e H&M, com 16%

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 11.06.2024 06:08 comentários 0
Shein supera Zara nos EUA
Shein

A Shein superou a marca de 50% do total das vendas do mercado de “fast fashion”, ou moda rápida, nos EUA, superando a Zara, com 13%, e H&M, com 16% (2022).

O fast fashion é um modelo de negócios da indústria da moda baseado na produção rápida e em larga escala de roupas a baixo custo, seguindo as últimas tendências. Surgido nos anos 1990, popularizou-se com grandes varejistas como Zara, H&M e Forever 21​​.

As marcas de fast fashion observam as tendências da alta costura e replicam designs semelhantes em massa, usando materiais baratos e mão-de-obra de países com baixos custos trabalhistas. Isso permite que lancem novas coleções semanalmente ou até diariamente, a preços muito acessíveis​​.

A Shein se destaca por adicionar cerca de 2.000 novos itens à sua loja todos os dias, focando em prever tendências e produzir rapidamente roupas modernas a preços muito baixos. A empresa reduziu o tempo de produção para apenas uma semana, oferecendo uma variedade de estilos a preços competitivos, com vestidos a partir de US$12 e camisetas por apenas US$5 nos EUA​​.

Além disso, a Shein utiliza seu aplicativo para atrair clientes com inúmeras promoções, incentivando-os a gastar mais. Até 2022, o aplicativo havia sido baixado 196 milhões de vezes​​. A empresa também alavanca plataformas de mídia social como Facebook, TikTok, Pinterest e Instagram para promover seus produtos e engajar com seu público-alvo​​.

A rápida ascensão da Shein forçou as gigantes estabelecidas do fast fashion a adaptarem suas estratégias. Zara e H&M, por exemplo, passaram a focar em sustentabilidade e produção ética como forma de diferenciação​​.

Além do vestuário, a Shein está se expandindo para outros setores, incluindo eletrônicos, e planeja oferecer sua cadeia de suprimentos como um serviço para outras marcas, posicionando-se como uma potencial ameaça a gigantes do e-commerce como a Amazon​​.

O domínio da Shein no mercado de moda rápida reflete uma tendência global que pode impactar também o mercado brasileiro.

Tecnologia

IA Claude 3.5 chega como concorrente ao ChatGPT

23.06.2024 18:45 3 minutos de leitura
Visualizar

ONU se reúne com Talibã no Catar e causa polêmicas

Visualizar

Ralf homenageia Chrystian em carta emocionante: "Saudades"

Visualizar

Eliana se despede do SBT, o que muda na emissora?

Visualizar

PF apreendeu R$ 170 mil em espécie na casa de desembargador

Visualizar

Taxas de natalidade começam a diminuir em países ricos

Visualizar

< Notícia Anterior

Restituição de Imposto de Renda 2024: veja calendário de pagamentos

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Alvará para MEI: entenda a necessidade de licença

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

ONU se reúne com Talibã no Catar e causa polêmicas

ONU se reúne com Talibã no Catar e causa polêmicas

23.06.2024 18:35 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Taxas de natalidade começam a diminuir em países ricos

Taxas de natalidade começam a diminuir em países ricos

23.06.2024 18:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Coreia do Norte está construindo muro na fronteira

Coreia do Norte está construindo muro na fronteira

23.06.2024 18:20 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ataque na Nigéria tem 100 sequestrados

Ataque na Nigéria tem 100 sequestrados

23.06.2024 18:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.