Vacina de DNA contra o vírus Zika demonstra eficácia em testes com camundongos Vacina de DNA contra o vírus Zika demonstra eficácia em testes com camundongos
O Antagonista

Vacina de DNA contra o vírus Zika demonstra eficácia em testes com camundongos

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.04.2024 11:57 comentários
Brasil

Vacina de DNA contra o vírus Zika demonstra eficácia em testes com camundongos

Descubra a revolucionária vacina de DNA contra o vírus Zika, prometendo segurança e eficácia sem afetar a resposta à dengue.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.04.2024 11:57 comentários 0
Vacina de DNA contra o vírus Zika demonstra eficácia em testes com camundongos
Fonte: Divulgação/Agência Fapesp

Uma colaboração entre pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) e da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) de Pernambuco tem gerado resultados promissores no desenvolvimento de uma vacina de DNA contra o vírus zika. Utilizando camundongos como sujeitos de teste, a equipe conseguiu induzir uma resposta imune eficaz, protegendo os animais contra a infecção pelo patógeno. Esta inovação foi recentemente divulgada na revista Frontiers in Immunology, destacando avanços significativos na luta contra o vírus.

De acordo com Maria Sato, professora da Faculdade de Medicina da USP e autora correspondente do estudo, a equipe projetou quatro diferentes formulações de vacinas de DNA focadas em componentes proteicos do zika. Dentre estas, uma se mostrou particularmente eficaz, evidenciando não apenas o potencial da tecnologia de DNA em termos de resposta imunológica, mas também sua praticidade e custo-benefício comparado às tradicionais vacinas de vírus inativo ou atenuado.

Como funciona a vacina de DNA contra o Zika?

A tecnologia de vacinas de DNA se sobressai ao permitir a seleção especifica das sequências gênicas cruciais do patógeno. No caso do vírus zika, os pesquisadores focaram na proteína pré-membrana (prM) e na proteína envelope (E), essenciais para a estrutura viral. A estratégia adotada removeu partes do envelope viral para melhorar a estabilidade e eficácia da vacina, incorporando essas sequências ajustadas em plasmídeos – moléculas de DNA circulares obtidas de bactérias não patogênicas – que, uma vez inoculadas, produzem proteínas virais dentro do organismo imunizado, estimulando a produção de anticorpos.

Isabelle Viana, pesquisadora da Fiocruz Pernambuco, enfatiza a segurança das vacinas de DNA, destacando-os como uma fortaleza contra os efeitos nocivos da desinformação. Ressalta-se que essas vacinas, semelhantes às vacinas de mRNA utilizadas contra a COVID-19, não alteram o DNA do indivíduo imunizado.

Potencial de neutralização específica do Zika sem interferência na Dengue

Um desafio na criação de uma vacina contra o zika reside na semelhança do vírus com os diversos sorotipos da dengue. Há um receio de que a imunização contra um possa inadvertidamente afetar a resposta imune ao outro. O estudo traz boas notícias nesse aspecto, demonstrando que a vacina induziu a neutralização específica do zika sem promover reações cruzadas indesejadas com o vírus da dengue.

Próximos passos para a vacina contra Zika

Apesar do sucesso nos testes com camundongos, ainda há um longo caminho a percorrer até que a vacina de DNA possa ser disponibilizada para o público. O desenvolvimento continuado através de estudos translacionais é essencial para garantir sua eficácia e segurança em humanos. Além disso, enfrentar as complexidades econômicas e técnicas será crucial para tornar esta inovação uma solução acessível na luta global contra o vírus zika.

As pesquisas, apoiadas pela FAPESP, pela Facepe, pelo CNPq, pela Fundação Oswaldo Cruz e pelo programa da União Europeia Horizon 2020, representam um marco importante não só para a saúde pública no Brasil, mas também para a comunidade científica internacional, reiterando o potencial das vacinas de DNA como uma resposta eficaz contra emergências de saúde global.

Brasil

Jovem médica morre em acidente assustador em Campo Grande

19.06.2024 19:52 2 minutos de leitura
Visualizar

Flamengo fecha novo patrocínio milionário

Visualizar

Lira tira PEC da Anistia da pauta de votação na Câmara

Visualizar

Moraes volta atrás em censura a reportagens sobre Lira

Visualizar

Botafogo começa renovação de Tiquinho Soares

Visualizar

The Boys: criador da série diz que final será diferente das revistas

Visualizar

Tags relacionadas

Dengue DNA vacina zika
< Notícia Anterior

RCN garante que transição no BC será suave independente do nome

05.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Onde assistir Lille x Olympique de Marseille: confira detalhes da partida

05.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Jovem médica morre em acidente assustador em Campo Grande

Jovem médica morre em acidente assustador em Campo Grande

19.06.2024 19:52 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lira tira PEC da Anistia da pauta de votação na Câmara

Lira tira PEC da Anistia da pauta de votação na Câmara

19.06.2024 19:49 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Moraes volta atrás em censura a reportagens sobre Lira

Moraes volta atrás em censura a reportagens sobre Lira

19.06.2024 19:39 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Que corruptos deveriam ser punidos, Lula?

Que corruptos deveriam ser punidos, Lula?

19.06.2024 19:02 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.