Uma cidade provisória para os desabrigados de Porto Alegre Uma cidade provisória para os desabrigados de Porto Alegre
O Antagonista

Uma cidade provisória para os desabrigados de Porto Alegre

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 14.05.2024 15:51 comentários
Brasil

Uma cidade provisória para os desabrigados de Porto Alegre

Prefeitura de Porto Alegre planeja construir uma cidade provisória para cerca de 10 mil desabrigados após chuvas no Rio Grande do Sul

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 14.05.2024 15:51 comentários 0
Uma cidade provisória para os desabrigados de Porto Alegre
Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini

A prefeitura de Porto Alegre estuda construir uma cidade provisório com o objetivo de realocar os desabrigados pelas chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul. Cerca de 14 mil pessoas estão fora de suas casas na capital gaúcha.

O local escolhido para abrigar essa cidade provisória é o bairro de Porto Seco, na Zona Norte de Porto Alegre. O motivo dessa escolha se deve ao fato de que essa região não foi afetada pelas cheias, tornando-se assim uma opção segura e adequada para o projeto de ajuda humanitária.

Barracas provisórias

Porto Seco, além de ser uma área preservada das enchentes, é também um bairro carente e isolado. Para atender a demanda dos desabrigados, a prefeitura estima que serão instaladas cerca de 5 mil barracas no Complexo Cultural Porto Seco, que abriga o sambódromo da cidade e não possui atividades durante o ano. Com isso, aproximadamente 10 mil pessoas poderão ser acolhidas nesse espaço.

Para garantir a segurança desses locais, as Forças Armadas ficarão responsáveis pela operação. No entanto, para que isso seja possível, será necessário decretar uma missão de garantia da Lei e da Ordem (GLO), um ato que é competência exclusiva do Presidente da República.

Sobe para 148 o número de mortos

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul informou nesta terça-feira, 14, que o número de mortos em função das fortes chuvas que atingiram o estado subiu para 148.

Segundo balanço divulgado ao meio dia, 124 pessoas continuam desaparecidas, enquanto 806 ficaram feridas nas enchentes.

Na manhã desta terça, o número de mortos era de 147.

Com 446 dos 497 municípios do Rio Grande do Sul afetados pelas chuvas, 538.545 pessoas estão desalojadas, das quais 76.884 estão em abrigos.

O estado contabiliza 2.124.203 milhões de habitantes afetados pelos estragos causados.

Até o início da tarde de hoje, 76.483 pessoas e 11.002 animais foram resgatados das enchentes

Brasil

Moraes decreta prisão preventiva de réu do 8/1 porque outros fugiram

23.05.2024 15:14 3 minutos de leitura
Visualizar

Seif é flagrado em jantar de ministros e ex-integrantes do TSE

Wilson Lima Visualizar

Senado aprova PL que cria espaço para comunidade LGBTQIA+ nos presídios

Visualizar

Um dos epicentros da tragédia no RS é alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

Visualizar

Lula sinaliza veto ao fim da isenção das blusinhas da Shein

Wesley Oliveira Visualizar

Sasha Meneghel lança sua própria marca de roupas: Mondepars

Visualizar

Tags relacionadas

Chuvas no Rio Grande do Sul enchentes estado de calamidade inundações Porto Alegre Rio Grande do Sul
< Notícia Anterior

Câmara vota nesta terça projeto que suspende a dívida do RS

14.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

A condição para a Petrobras adquirir a parte da ex-Odebrecht na Braskem

14.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Moraes decreta prisão preventiva de réu do 8/1 porque outros fugiram

Moraes decreta prisão preventiva de réu do 8/1 porque outros fugiram

23.05.2024 15:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Seif é flagrado em jantar de ministros e ex-integrantes do TSE

Seif é flagrado em jantar de ministros e ex-integrantes do TSE

Wilson Lima
23.05.2024 15:03 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Senado aprova PL que cria espaço para comunidade LGBTQIA+ nos presídios

Senado aprova PL que cria espaço para comunidade LGBTQIA+ nos presídios

23.05.2024 15:01 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Um dos epicentros da tragédia no RS é alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

Um dos epicentros da tragédia no RS é alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

23.05.2024 14:42 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.