Um ano do 8 de janeiro: evento reúne representantes dos Poderes Um ano do 8 de janeiro: evento reúne representantes dos Poderes
O Antagonista

Um ano do 8 de janeiro: evento reúne representantes dos Poderes

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 08.01.2024 07:21 comentários
Brasil

Um ano do 8 de janeiro: evento reúne representantes dos Poderes

O Salão Negro do Congresso Nacional recebe nesta segunda-feira, 8, a cúpula dos Poderes do Brasil em um evento que marca um ano dos ataques de 8 de janeiro às sedes do Executivo, Legislativo e Judiciário...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 08.01.2024 07:21 comentários 3
Um ano do 8 de janeiro: evento reúne representantes dos Poderes
Foto: Reprodução

O Salão Negro do Congresso Nacional recebe nesta segunda-feira, 8, a cúpula dos Poderes do Brasil em um evento que marca um ano dos ataques de 8 de janeiro às sedes do Executivo, Legislativo e Judiciário. A cerimônia, prevista para reunir aproximadamente 500 pessoas, contará com a execução do hino nacional pela ministra da Cultura, Margareth Menezes, e a presença dos presidentes da República, Lula; do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (Senado) e do presidente do STF, Luís Roberto Barroso. O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), alegou motivo de saúde na família para cancelar sua participação.

Réplica de discursos de união e pacificação sobre os atos do 8 de janeiro

Os discursos devem seguir a linha de pacificação e união, embora se espere também falas que, mais uma vez, reiterem a visão do atual governo sobre os incidentes ocorridos neste mesmo dia no ano passado.

Além dos líderes dos Poderes, outros destaques do evento deverão ser a primeira-dama Janja, a chefe do Executivo no Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), e a ex-presidente do STF Rosa Weber. Geraldo Alckmin e Lu Alckmin também ocuparão um lugar em evidência. Os participantes começam a chegar ao Parlamento às 14h. A chegada de Lula está programada para as 14h50. Às 15h, o evento terá início.

A coordenação do evento convidou todos os 27 chefes dos executivos estaduais, os líderes das cidades capitais, bem como os titulares de ministérios e presidentes de cortes superiores. Também é aguardada a presença de deputados, senadores, integrantes do Tribunal de Contas da União (TCU) e líderes das assembleias legislativas.

É esperada a participação de representantes do corpo diplomático internacional, do titular do Banco Central, Roberto Campos Neto, de líderes de instituições bancárias públicas, dirigentes de estatais, chefes de centrais sindicais e confederações empresariais, bem como dos dirigentes de agências reguladoras e organizações sociais.

8 governadores não devem aparecer

Oito líderes estaduais optarão por não participar do evento. Dentre eles, encontra-se o governador do estado brasileiro mais densamente povoado: Tarcísio de Freitas (Republicanos). Os líderes do governo no Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), e em Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), ainda não confirmaram presença. Os três mantêm ligação com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Evento marca rara aparição de Rosa Weber

O encontro referente ao 8 de janeiro representará uma das poucas aparições públicas de Rosa Weber desde sua aposentadoria. Conhecida por sua discrição, a juíza sempre se esquivou de conceder entrevistas ou participar de atividades que não estivessem vinculadas à sua atuação no Judiciário.

Em 8 de janeiro de 2023, a magistrada ocupava a presidência do STF. Na noite dos eventos, ela visitou o edifício principal da Corte, que sofreu os maiores danos. No dia seguinte, liderou uma delegação composta pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), membros do governo, parlamentares e governadores até o plenário, que havia sido vandalizado.

Rosa Weber denominou o 8 de janeiro como o “dia da infâmia”. A ministra assumiu a responsabilidade e cumpriu a promessa de reconstruir o plenário em menos de um mês, garantindo que estivesse pronto a tempo da sessão de abertura do ano judiciário em fevereiro de 2023.

Esportes

Caminho do Sport é virar SAF, diz Yuri Romão, presidente do clube

13.04.2024 07:40 3 minutos de leitura
Visualizar

Imposto de Renda 2024: confira calendário de restituição

Visualizar

Convocados do Concurso de Maracanaú: verifique edital e garanta sua vaga

Visualizar

Representante do X no Brasil deixa cargo

Visualizar

Novas datas para Concurso de assistente social em Bauru: Prepare-se

Visualizar

John Textor entrega a polícia civil supostas provas de manipulação no futebol

Visualizar

Tags relacionadas

08 de Janeiro governo Lula
< Notícia Anterior

Você pode ajudar a encontrar Douglas, um dos desaparecidos do Brasil

08.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Nicarágua intensifica repressão contra a Igreja Católica

08.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (3)

Nelson Pereira Cacheta

2024-01-08 10:19:13

Somente fumaça em palha molhada. Esse governo tem que arranjar narrativa pra justificar seu insucesso na administração do país. Vão culpar o Bolsonaro e o 8 de janeiro pelo país não progredir.


Marcia Elizabeth Brunetti

2024-01-08 08:29:28

A ideia é manter a rivalidade acesa. Sem a polarização Lula e Bozo não se sustentam. Precisamos por um fim nisso. Está mais do que na hora de colocar novos nomes para ventilar entre o público . Os eleitores precisam ter opções para abandonar o conceito de nós contra eles.


Neia De Lazzari

2024-01-08 07:49:19

VERGONHOSO comemorar esse teatro do 8 de janeiro 🖤🖤🖤


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Imposto de Renda 2024: confira calendário de restituição

Imposto de Renda 2024: confira calendário de restituição

13.04.2024 07:35 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Convocados do Concurso de Maracanaú: verifique edital e garanta sua vaga

Convocados do Concurso de Maracanaú: verifique edital e garanta sua vaga

13.04.2024 07:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Representante do X no Brasil deixa cargo

Representante do X no Brasil deixa cargo

13.04.2024 07:13 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Novas datas para Concurso de assistente social em Bauru: Prepare-se

Novas datas para Concurso de assistente social em Bauru: Prepare-se

13.04.2024 07:07 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.