O fim das ondas de calor no Brasil O fim das ondas de calor no Brasil
O Antagonista

O fim das ondas de calor no Brasil

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 19.04.2024 12:04 comentários
Brasil

O fim das ondas de calor no Brasil

Especialistas alertam para a chegada de outro fenômeno climático, o La Niña; entre os impactos, chuvas acima da média

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 19.04.2024 12:04 comentários 0
O fim das ondas de calor no Brasil
Foto: Reprodução/Fotos Públicas

O El Niño está chegando ao fim e entrando em um período de neutralidade, no qual as águas do Pacífico não estão tão quentes quanto antes. Porém, os especialistas alertam para a chegada de outro fenômeno climático, o La Niña, que é o oposto do El Niño.

Em vez das ondas de calor intensas, a tendência para o inverno de 2024 é de um clima mais frio, devido ao resfriamento das águas do Pacífico tropical central e oriental causado pelo La Niña.

De acordo com análises do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), há uma probabilidade de que o Brasil já esteja sob os efeitos do fenômeno no trimestre compreendido entre junho, julho e agosto deste ano.

Chuvas acima da média

A intensidade do La Niña ainda não pode ser afirmada com certeza, mas normalmente os impactos desse fenômeno incluem chuvas acima da média nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. Por outro lado, na região Sul e parte do Centro-Oeste e Sudeste, as chuvas ocorrem de forma irregular, aumentando os riscos de seca ou estiagem, principalmente durante a primavera e o verão, conforme informações do Inmet em seu site oficial.

Os efeitos do El Niño são justamente o oposto: diminuição das chuvas no Norte e Nordeste, calor e aumento das chuvas nas demais regiões.

Segundo as análises divulgadas pelo Inmet, desde o início de abril foi registrado um resfriamento das Temperaturas da Superfície do Mar (TSMs), que nos últimos cinco dias chegaram a valores próximos a 0,5ºC acima da média. Esse valor é considerado o limite para o início da fase neutra do oceano. Além disso, as TSMs já vinham em constante esfriamento no Pacífico Equatorial, com as temperaturas caindo de 1,5ºC para 1,2ºC acima da média entre fevereiro e março de 2024.

Transição entre os fenômenos

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, um ponto que tem chamado a atenção dos especialistas é a rápida transição entre os dois fenômenos. Enquanto um ainda está se encerrando, o outro já está demonstrando sinais de chegada. Isso se deve às constantes mudanças climáticas que estamos enfrentando.

De acordo com a Organização Meteorológica Mundial, tanto o El Niño quanto a La Niña têm duração de nove a 12 meses e ocorrem a cada dois a sete anos, embora não sigam um calendário regular e possam praticamente se sobrepor, como está acontecendo este ano.

Há apenas um ano, saímos de uma La Niña e em março já tínhamos sinais de El Niño. Agora, em março e abril, estamos novamente com sinais de La Niña. Essas rápidas mudanças climáticas dificultam a recuperação dos impactos causados pelos fenômenos, como destaca Yolanda González, diretora do Centro Internacional de Pesquisa para o Fenômeno El Niño.

Essas oscilações climáticas têm impactado diretamente a produção agrícola na América Latina como um todo, especialmente nas culturas de trigo, arroz e milho. Isso acarreta efeitos significativos na economia dos países que dependem dessas commodities.

Chuvas no Sudeste

Em um boletim divulgado pelo Inmet em março, a previsão para os próximos três meses na região Sudeste do país era de chuvas levemente acima da média. No entanto, essa previsão pode ser alterada agora no final de abril, quando um novo levantamento será realizado.

As mudanças abruptas que as espécies estão enfrentando e o fato de que esses ciclos estão quase se sobrepondo reduzem significativamente a capacidade de resiliência para se adaptar a essas mudanças. Portanto, estamos diante de um cenário que representa um enorme desafio, como aponta Marion Khamis, especialista em Gestão de Riscos e Resiliência para a América Latina da FAO, organização intergovernamental da ONU responsável por negociar acordos e discutir políticas para combater a fome mundial.

Mundo

Turista é feita “refém” em hospital turco por não pagar a conta

28.05.2024 22:43 3 minutos de leitura
Visualizar

Luciano Camargo confirma nova fase gospel e revela motivo

Visualizar

Câmara aprova 'PL das blusinhas da Shein' e taxa importados de até US$ 50 em 20%

Visualizar

Série baseada no filme Cidade de Deus estreia em agosto

Visualizar

Até Maria do Rosário e Tabata votaram contra Lula por fim das saidinhas

Visualizar

Acabou a festa das blusinhas e das "bugigangas"

Carlos Graieb Visualizar

Tags relacionadas

chuvas El Niño Inmet La Niña OMM onda de calor Previsão do tempo
< Notícia Anterior

Onde assistir Genoa x Lazio: confira detalhes da partida

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Vaca morre ao cair em poço desativado em Presidente Prudente

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Luciano Camargo confirma nova fase gospel e revela motivo

Luciano Camargo confirma nova fase gospel e revela motivo

28.05.2024 22:07 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Série baseada no filme Cidade de Deus estreia em agosto

Série baseada no filme Cidade de Deus estreia em agosto

28.05.2024 21:41 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Até Maria do Rosário e Tabata votaram contra Lula por fim das saidinhas

Até Maria do Rosário e Tabata votaram contra Lula por fim das saidinhas

28.05.2024 21:32 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Governo Lula sofre derrotas em série e é atropelado pelo Congresso

Governo Lula sofre derrotas em série e é atropelado pelo Congresso

Wesley Oliveira, Wilson Lima
28.05.2024 20:56 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.