O Antagonista

MTST aparece para tumultuar na crise das enchentes do RS

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.06.2024 10:23 comentários
Brasil

MTST aparece para tumultuar na crise das enchentes do RS

O Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto invadiu o antigo prédio do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no centro histórico de Porto Alegre

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.06.2024 10:23 comentários 0
MTST aparece para tumultuar na crise das enchentes do RS
Foto: Reprodução

Em meio a mais de 2,3 milhões de pessoas afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul, das quais 422 mil estão desalojadas, o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) invadiu o antigo prédio do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no centro histórico de Porto Alegre.

Com 25 andares, o prédio, que não abriga mais operações de atendimento presencial do INSS, teve o térreo inundado pela cheia do lago Guaíba.

Na terça-feira, 11, representantes do movimento social e do instituto estiveram reunidos para discutir a invasão, registrou a Folha de S.Paulo.

Segundo a assessoria do órgão, o objetivo era “deixar claro e transparente a nossa preocupação com a segurança das pessoas, tendo visto situação atual do prédio”.

“Vamos aguardar os próximos passos, porque envolve outras instituições como SPU (Superintendência do Patrimônio da União no Rio Grande do Sul), Ministério das Cidades e Ministério da Reconstrução”, diz o INSS.

O que o MTST deseja com a invasão?

O MTST reclama da iniciativa da prefeitura de Porto Alegre e do governo do Rio Grande do Sul de construir “cidades provisórias” para as vítimas das enchentes.

Em comunicado, a coordenadora nacional do movimento, Cláudia Ávila, afirmou ter ocupado o prédio para “demonstrar que a adaptação desses imóveis para moradia popular é possível”.

“O MTST, assim como demais organizações políticas da classe trabalhadora, demonstraram potencial de organização coletiva que foi fundamental para as ações de resgate, alimentação e acolhimento de diferentes demandas da população em tempos de eventos climáticos extremos”, acrescentou.

Cidades provisórias

O governo do Rio Grande do Sul iniciou um projeto a construção de “cidades provisórias” em quatro municípios que abarcam mais de 65% da população desabrigada.

Essas áreas temporárias devem fornecer refúgio aos desalojados enquanto medidas de longo prazo estão sendo planejadas.

Cada cidade provisória será equipada com cômodos individuais para famílias, banheiros com chuveiros, cozinhas, lavanderias e áreas destinadas para crianças e animais de estimação. Esta infraestrutura visa respeitar a privacidade e as necessidades básicas dos desabrigados durante sua permanência temporária.

Mais Lidas

1

Celso Amorim toma invertidas, nos EUA, ao relativizar ditaduras

Visualizar notícia
2

Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann

Visualizar notícia
3

Israel bombardeia porto no Iêmen após ataque em Tel Aviv

Visualizar notícia
4

Memes sobre Haddad e intolerância ao contraditório

Visualizar notícia
5

Lula tenta ajustar discurso após fala machista

Visualizar notícia
6

Ataque a porto no Iêmen mostra alcance de Israel, diz Netanyahu

Visualizar notícia
7

Zelensky convida Trump para visitar a Ucrânia

Visualizar notícia
8

Crusoé: o assunto que ainda é tabu para os republicanos nos EUA

Visualizar notícia
9

Apagão cibernético: mais de 1,6 mil voos cancelados neste sábado

Visualizar notícia
10

Trump: “Levei um tiro pela democracia”

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Chuvas no Rio Grande do Sul INSS MTST Porto Alegre
< Notícia Anterior

Inverno preocupante: Estações de esqui estão armazenando neve

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Bolsa Família 2024: entenda os novos benefícios e mude sua vida

12.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Veranico: Temperaturas elevadas no Brasil durante o inverno

Veranico: Temperaturas elevadas no Brasil durante o inverno

20.07.2024 22:18 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Frio Extremo: Porto Alegre tem um dos invernos mais frios da história

Frio Extremo: Porto Alegre tem um dos invernos mais frios da história

20.07.2024 21:23 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
SUV-Cupê Tata Curvv 2025 chegará ao mercado indiano em 2024

SUV-Cupê Tata Curvv 2025 chegará ao mercado indiano em 2024

20.07.2024 20:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Renault Duster 2025: Inovações e desempenho do SUV compacto

Renault Duster 2025: Inovações e desempenho do SUV compacto

20.07.2024 19:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.