O Antagonista

Marta retorna ao PT fingindo que não saiu

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 02.02.2024 20:49 comentários
Brasil

Marta retorna ao PT fingindo que não saiu

Cerimônia de filiação ocorre nesta sexta, 2 de fevereiro, Marta ignorou o motivo de seu rompimento com o partido em 2015 durante seu discurso

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 02.02.2024 20:49 comentários 0
Marta retorna ao PT fingindo que não saiu
Reprodução/ TV PT

Marta Suplicy (PT; foto) voltou a ser filiada do PT em cerimônia na cidade de São Paulo nesta sexta-feira, 2 de fevereiro, após quase dez anos de deixar o partido.

Colega de chapa do deputado Guilherme Boulos (PSOL) para as eleições municipais da capital paulista, a ex-prefeita retornou ao PT fingindo nunca ter saído.

Ela ignorou o motivo de seu rompimento com o partido, em 2015, em meio à Lava Jato, durante seu discurso nesta sexta.

Também não houve menção, claro, ao seu voto a favor no Senado pelo impeachment de Dilma Rousseff, em 2016.

“Aqui estou de volta ao meu aconchego, ao partido que nunca saiu de mim: o Partido dos Trabalhadores e das trabalhadoras”, disse Marta nesta sexta.

“Participei e assisti ao PT nascer, e crescer, nas ruas do Brasil e dentro da minha casa”, acrescentou.

Sobre voltar ao partido, ela apenas afirmou: “Regresso com toda a coragem e ousadia que marcaram minha vida e história” e que retorna ao partido “mais madura e mais experiente”.

“Entendo que unir e somar é o nosso grande desafio”, acrescentou.

Marta pode ter filiação impugnada?

Valter Pomar, membro do Diretório Nacional do PT e secretário-executivo do Foro de São Paulo de 2005 a 2013, promete seguir em sua batalha contra o retorno de Marta ao partido. Em texto publicado em seu blog na quarta-feira, 31, Pomar rebate declaração do ex-deputado Adriano Diogo, também petista, que ele descreve como “grande militante, dos que combateram contra a ditadura e seguiram pela esquerda desde então”.

Diogo propôs, em entrevista a um blog petista, erguer uma estátua para Marta. “Na minha opinião, a entrevista de Adriano chega a ser sóbria, quando comparada a um vídeo onde Marta é apresentada ao som da clássica ‘De volta para o aconchego’”, analisa Pomar.

“Outra coisa”

O dirigente petista pondera: “Sem dúvida, a gestão da então petista Marta como prefeita de São Paulo tem enormes méritos. E quem a defende como vice de Boulos, a começar pelo próprio, tem a expectativa de que estes méritos passados movam moinho. Da minha parte, espero que tenham razão”.

“Mas, como já disse noutras oportunidades, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Uma coisa é aceitar a Marta como vice, outra coisa é recebê-la de volta no PT, como se fossemos uma legenda eleitoral, não um Partido”, reclama o dirigente partidário, que segue na análise:

“Adriano Diogo, óbvio, sabe a diferença entre legenda e Partido. Talvez por isso mesmo ele opte por contar uma história um pouco diferente daquela que realmente aconteceu.

Para não cansar ninguém, me limito ao seguinte trecho: segundo Adriano Diogo, Marta ‘foi uma das molas propulsoras da eleição da Dilma Rousseff. Depois, lá no governo, houve um desentendimento em que ela errou naquele simbolismo de levar flores para Janaina Paschoal perto daquela senadora do Rio Grande do Sul. Ela errou. Mas a gente precisa ver na política os antecedentes. É uma maravilhosa notícia que a Marta volte ao PT’.

Brasil

Bolsa Família: antecipa repasse para municípios em estado de calamidade pública

23.02.2024 06:00 2 minutos de leitura
Visualizar

Bolsa Família: confira o cronograma de pagamento para Março de 2024

Visualizar

Bolsa Família: pagamento liberado para 23 de fevereiro

Visualizar

Flamengo aprova patrocínio da Kwai e camisa chega a R$ 214,6 milhões

Visualizar

Os crimes da agressora antissemita

Visualizar

Atlético-MG enfrenta denúncia de homofobia e pode ser excluído do estadual

Visualizar

Tags relacionadas

Marta Suplicy Partido dos Trabalhadores (PT)
< Notícia Anterior

Lula e Tarcísio: alguém caiu no jogo de cena?

02.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Concurso público para prefeitura de Guarapuava-PR: 198 vagas

02.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Bolsa Família: antecipa repasse para municípios em estado de calamidade pública

Bolsa Família: antecipa repasse para municípios em estado de calamidade pública

23.02.2024 06:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bolsa Família: confira o cronograma de pagamento para Março de 2024

Bolsa Família: confira o cronograma de pagamento para Março de 2024

23.02.2024 05:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bolsa Família: pagamento liberado para 23 de fevereiro

Bolsa Família: pagamento liberado para 23 de fevereiro

23.02.2024 05:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Os crimes da agressora antissemita

Os crimes da agressora antissemita

22.02.2024 22:44 1 minuto de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.