Laboratório Delboni vai ter que trocar de nome Laboratório Delboni vai ter que trocar de nome
O Antagonista

Laboratório Delboni vai ter que trocar de nome

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.04.2024 10:41 comentários
Brasil

Laboratório Delboni vai ter que trocar de nome

Decisão judicial obriga a Dasa a cessar o uso da marca Delboni, acirrando disputas contratuais e impactando o setor médico

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.04.2024 10:41 comentários 0
Laboratório Delboni vai ter que trocar de nome
Fonte: divulgação / delboni

A Justiça de São Paulo emitiu uma decisão obrigando a Dasa (Diagnósticos da América S.A) a cessar o uso da marca Delboni nos seus laboratórios de diagnósticos médicos. O veredito é resultado de uma ação movida por Amanda Delboni, viúva de Humberto Delboni Filho, cofundador da rede de laboratórios Delboni Auriemo.

Entenda o Caso Delboni vs. Dasa

Segundo os autos, Humberto Delboni Filho vendeu sua parte na empresa para o médico Caio Roberto Auriemo em 1999, incluindo uma cláusula que determinava a descontinuação do nome “Delboni” após duas décadas. Apesar do término do prazo em 2019, a Dasa continuou utilizando a marca. A família Auriemo havia negociado suas ações em 2009.

O que Dizem as Partes Envolvidas

Marcelo Vilar dos Santos, advogado da viúva Delboni, argumenta que a Dasa está violando o acordo estabelecido entre as partes. Enquanto isso, a Dasa contesta as alegações, afirmando que a reclamação perdeu sua validade legal e que a associação do nome Delboni ao Dr. Humberto foi desvinculada há anos, sendo agora associada ao prestígio dos serviços oferecidos pela empresa.

Decisão Judicial

A juíza Marina Dubois Fava rejeitou os argumentos da Dasa, afirmando que não existe autorização para o uso da marca e destacando a violação do acordo contratual. Com essa sentença, a Dasa enfrenta a obrigação de remover o nome Delboni, tendo, contudo, a possibilidade de apelar da decisão.

    • A viúva Amanda Delboni move ação contra a Dasa.
    • Justiça determina a Dasa a parar de usar a marca Delboni.
    • Dasa pode recorrer da decisão.

A determinação da Justiça paulista evidencia a importância de cláusulas contratuais e a preservação de acordos entre as partes. O caso também reflete sobre a relação entre marcas e identidades pessoais no setor empresarial. Ainda resta ver os próximos capítulos desta disputa e possíveis implicações para ambas as partes envolvidas.

Esportes

Onde assistir Fluminense x Alianza Lima: confira detalhes da partida

29.05.2024 14:30 2 minutos de leitura
Visualizar

Zubeldía pode deixar o São Paulo rumo a seleção argentina

Visualizar

Daniel Alves consegue primeiro cliente em sua nova empresa

Visualizar

Pessoa morre sugada por turbina de avião em Amsterdã

Visualizar

Flamengo negocia com Thiago Alcântara, ex-Liverpool

Visualizar

Crusoé: Toffoli, o ministro mais mal avaliado do STF

Visualizar

< Notícia Anterior

Concurso Lins Saúde 2024: salário de até R$ 7 mil, veja detalhes

12.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Toffoli exporta impunidade

12.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Crusoé: Toffoli, o ministro mais mal avaliado do STF

Crusoé: Toffoli, o ministro mais mal avaliado do STF

29.05.2024 13:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Senado aprova reajustes salariais para servidores

Senado aprova reajustes salariais para servidores

29.05.2024 13:03 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bebê nasce com dentes em Campo Grande e surpreende médicos

Bebê nasce com dentes em Campo Grande e surpreende médicos

29.05.2024 12:58 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Governo libera R$ 15 bilhões em linhas de financiamento para empresas do RS

Governo libera R$ 15 bilhões em linhas de financiamento para empresas do RS

Wesley Oliveira
29.05.2024 12:46 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.