O Antagonista

Haddad desconversa sobre Lira: “Vai dar tudo certo”

avatar
Júlia Schiaffarino
2 minutos de leitura 06.02.2024 14:42 comentários
Brasil

Haddad desconversa sobre Lira: “Vai dar tudo certo”

Fala de Haddad vem após discurso do presidente da Câmara cheio de recados ao Palácio

avatar
Júlia Schiaffarino
2 minutos de leitura 06.02.2024 14:42 comentários 0
Haddad desconversa sobre Lira: “Vai dar tudo certo”
Fernando Haddad - Foto: Washington Costa/MF

Ao comentar o contundente discurso do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), na abertura dos trabalhos legislativos na segunda-feira, 5, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, se limitou a dizer: “Está tudo bem. Vai dar tudo certo”. Haddad falou com jornalistas na chegada à Fazenda na tarde desta terça-feira, 6.

O ministro também negou que tenha partido dele a decisão de cancelar a reunião com líderes da Câmara também prevista para esta terça. De acordo com Haddad, o líder do governo na Casa, deputado José Guimarães (PT-CE), pediu para adiar para uma outra data o encontro.

Ficou mantido, apenas, a reunião com líderes da base no Senado.

O encontro seria para tratar de pautas de interesse do governo que tramitam no Congresso. Entre elas está o destino da medida provisória que retoma a oneração da folha de pagamento de 17 setores da economia.

O texto foi enviado pelo governo ao Congresso no ano passado. Dias antes, os parlamentares haviam derrubado o veto do presidente Lula ao projeto que estendeu o benefício até 2017, além de ter incluído prefeituras de pequeno e médio porte.

O recado de Lira

No discurso de reabertura do ano legislativo, na segunda-feira, 5, o presidente da Câmara, Arthur Lira, enviou recados diretos ao Palácio do Planalto, sinalizando que a relação entre o Legislativo e o Executivo estava mal.

Afirmou que “o Orçamento é de todas e todos brasileiros”. Usou o termo “nossas bases” para afirmar que os parlamentares é que seriam a voz do povo e declarou: “Não admitimos que sejamos criticados por isso”.

O presidente da Câmara dos Deputados ainda rebateu acusações de inércia da Casa em decorrência de disputas políticas e avisou: “Não subestime esta Mesa Diretora”.

Também no discurso, Lira cobrou publicamente pelo apoio dado ao governo para aprovação de projetos e cobrou respeito e compromisso com palavra dada.

O acirramento de ânimos vem após vetos do presidente Lula ao orçamento. Um deles corta o repasse de R$ 5,6 bilhões para emendas parlamentares de comissões.

Esportes

Alexandre Pato fala sobre os bastidores da sua saída do São Paulo

28.02.2024 23:00 2 minutos de leitura
Visualizar

Estátua de Daniel Alves é vandalizada em Juazeiro, sua cidade natal

Visualizar

A "epidemia geral" de Barroso

Visualizar

Flamengo considera vender Gabigol para lucrar com o atacante

Visualizar

Lula continua a ecoar o Hamas: “Genocídio”

Visualizar

Atacante Yuri Alberto visita crianças com câncer no GACC

Visualizar

< Notícia Anterior

Lula aplica ‘estratégia Tarcísio’ contra Cláudio Castro

06.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

"É um benefício que tem trazido problemas", diz Moro sobre PL das 'saidinhas'

06.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Júlia Schiaffarino

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

A "epidemia geral" de Barroso

A "epidemia geral" de Barroso

28.02.2024 21:15 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lula continua a ecoar o Hamas: “Genocídio”

Lula continua a ecoar o Hamas: “Genocídio”

28.02.2024 20:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Shows de arrecadação eleitoral com artistas, determina TSE

Shows de arrecadação eleitoral com artistas, determina TSE

28.02.2024 20:16 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
STF vai decidir futuro da Uber no Brasil

STF vai decidir futuro da Uber no Brasil

28.02.2024 19:52 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.