Google proíbe anúncios políticos nas eleições do Brasil Google proíbe anúncios políticos nas eleições do Brasil
O Antagonista

Google proíbe anúncios políticos nas eleições do Brasil

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 25.04.2024 10:28 comentários
Brasil

Google proíbe anúncios políticos nas eleições do Brasil

Google bane anúncios políticos para eleições 2024 no Brasil, visando integridade eleitoral e transparência.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 25.04.2024 10:28 comentários 0
Google proíbe anúncios políticos nas eleições do Brasil
Foto: Reprodução/Gogle

O gigante das buscas, Google, anunciou recentemente uma medida significativa que afetará o cenário publicitário das eleições municipais no Brasil em 2024. A empresa decidiu proibir por completo a veiculação de anúncios políticos em sua plataforma Google Ads durante o período eleitoral.

A Nova Resolução do TSE e Seus Impactos

A decisão da Google baseia-se nas recentes atualizações das resoluções do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que visam a transparência e a integridade do processo eleitoral. Segundo a resolução, plataformas digitais como o Google são obrigadas a garantir maior controle sobre o conteúdo político disseminado durante as eleições.

Detalhes da Proibição dos Anúncios Políticos

A partir de maio de 2024, nenhuma publicidade que envolva candidatos ou partidos políticos poderá ser exibida em serviços do Google, incluindo a pesquisa Google, YouTube e websites parceiros que utilizam o Google Ads como parte de seu sistema de publicidade online.

Responsabilidades e Obligações das Plataformas Digitais Segundo o TSE

A resolução do TSE não apenas restringe a publicidade eleitoral, ela também impõe obrigações mais rigorosas para as plataformas digitais. As empresas devem fornecer acesso a um repositório de anúncios que permite à Corte eleitoral monitorar em tempo real a origem, custo e audiência de cada anúncio político. Parte desta transparência envolve a divulgação de dados que facilitem o avanço das buscas e a fiscalização por partes interessadas.

Medidas Contra a Desinformação

Além das restrições de publicidade, o TSE destina-se a combater a disseminação de notícias falsas e conteúdo prejudicial durante o período eleitoral. As plataformas terão a responsabilidade de filtrar e interromper a circulação de conteúdos falsos ou enganosos que possam comprometer a integridade das eleições.

Há uma Luz no Fim do Túnel para a Integridade Eleitoral?

Estas novas regulamentações são parte de um esforço maior para garantir eleições livres e justas, protegendo o direito à informação verídica e relevante dos eleitores. O compromisso do Google e outras plataformas com o cumprimento dessas normas será crucial para moldar um ambiente eleitoral saudável e transparente no Brasil.

Consequências Legais para o Não Cumprimento

Em casos de não conformidade, as empresas que falharem em remover conteúdo ou contas que comprometam a segurança do processo eleitoral podem enfrentar sanções civis e administrativas. Isto mostra um movimento claro do TSE no sentido de fortalecer o seu poder de supervisão e garantir que as plataformas de mídia digital desempenhem um papel responsável nas eleições.

Brasil

Porto Alegre enfrenta lixo e entulho após Guaíba baixar

20.05.2024 11:53 3 minutos de leitura
Visualizar

“Ultrajante”, diz presidente de Israel sobre pedido de prisão de Netanyahu

Visualizar

Detentos do RS criam móveis para auxiliar vítimas de enchentes

Visualizar

Onde assistir Fluminense x Palmeiras: confira detalhes do Campeonato Feminino

Visualizar

Abacaxi Rubyglow: Uma "fruta premium" por 2 mil reais

Visualizar

De mal a pior: veja como estão as perspectivas econômicas

Visualizar

Tags relacionadas

anúncios políticos eleições Google
< Notícia Anterior

Juiz derruba provas contra salão de depilação de Marcola

25.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Distribuição de lucros no Simples Nacional: guia com dívidas

25.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Porto Alegre enfrenta lixo e entulho após Guaíba baixar

Porto Alegre enfrenta lixo e entulho após Guaíba baixar

20.05.2024 11:53 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Detentos do RS criam móveis para auxiliar vítimas de enchentes

Detentos do RS criam móveis para auxiliar vítimas de enchentes

20.05.2024 11:51 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Concurso MinC: analistas tem prova avaliatória adiada

Concurso MinC: analistas tem prova avaliatória adiada

20.05.2024 11:37 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Um juiz de garantias para o STF?

Um juiz de garantias para o STF?

20.05.2024 11:33 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.