Eleições 2022: janela partidária se abrirá em março Eleições 2022: janela partidária se abrirá em março
O Antagonista

Eleições 2022: janela partidária se abrirá em março

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 07.02.2022 06:30 comentários
Brasil

Eleições 2022: janela partidária se abrirá em março

Entre 3 de março a 1º de abril ocorrerá a chamada “janela partidária”, período em que deputados federais, estaduais e distritais poderão trocar de partido para concorrer ao pleito deste ano sem perder o mandato. A informação foi divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 07.02.2022 06:30 comentários 0
Eleições 2022: janela partidária se abrirá em março
Abdias Pinheiro/ASCOM/TSE.

Entre 3 de março a 1º de abril ocorrerá a chamada “janela partidária”, período em que deputados federais, estaduais e distritais poderão trocar de partido para concorrer ao pleito deste ano sem perder o mandato. A informação foi divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral.

A janela partidária ocorre todo ano em que há eleições. Trata-se de um prazo de 30 dias para que parlamentares possam mudar de legenda sem perder o mandato vigente. Esse período acontece seis meses antes do pleito.

Fora do período da janela partidária, existem algumas situações consideradas como justas causas para a mudança de partido. São elas: criação de uma sigla; fim ou fusão do partido; desvio do programa partidário; ou grave discriminação pessoal. Trocas de legenda que não se enquadrem nesses motivos podem levar à perda do mandato.

Como mostramos, líderes partidários calculam que pelo menos 40 deputados federais devem mudar de partido na janela partidária. Com a filiação de Jair Bolsonaro ao PL, aproximadamente 20 deputados do PSL devem acompanhar o presidente da República e seguir para o partido de Valdemar Costa Neto.

Também mostramos que o vice-presidente nacional do PL e líder da bancada da bala, deputado Capitão Augusto (SP), acredita que, na janela partidária de março, a sigla pode atrair em torno de 25 parlamentares.

O Antagonista apurou ainda que integrantes da executiva nacional do PT defendem que a aliança com o PSB, tanto para a disputa ao Palácio do Planalto quanto para uma eventual formação de federação, deve ser formalizada antes da janela partidária.

Mundo

Nova York vai permitir o adultério

14.04.2024 13:45 4 minutos de leitura
Visualizar

Biden diz a Netanyahu que EUA não vão participar de contra-ofensiva

Visualizar

Como as mudanças climáticas aumentam casos de AVC

Visualizar

Ocidente livre condena o Irã. O Brasil torna-se cúmplice

Catarina Rochamonte Visualizar

Conor McGregor volta ao UFC

Visualizar

Onde assistir Vitória x Palmeiras: confira detalhes da partida

Visualizar

Tags relacionadas

eleições janela partidária TSE
< Notícia Anterior

Senado deve votar em 15 de fevereiro projeto que cria fundo de estabilização para combustíveis

07.02.2022 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

A confissão do golpe contra Moro

07.02.2022 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Crusoé: Para o Itamaraty, a vítima é o Irã

Crusoé: Para o Itamaraty, a vítima é o Irã

14.04.2024 12:37 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Receba Antes: Dicas para acelerar sua restituição do IRPF 2024

Receba Antes: Dicas para acelerar sua restituição do IRPF 2024

14.04.2024 12:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
IR 2024: simplifique com declaração Pré-preenchida e receba restituição via PIX

IR 2024: simplifique com declaração Pré-preenchida e receba restituição via PIX

14.04.2024 12:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Aeroporto de Brasília: a interligação do país

Aeroporto de Brasília: a interligação do país

14.04.2024 12:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.