Cunha aponta “gol de mão” na tabelinha de Lula com Zanin Cunha aponta “gol de mão” na tabelinha de Lula com Zanin
O Antagonista

Cunha aponta “gol de mão” na tabelinha de Lula com Zanin

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 28.04.2024 10:39 comentários
Brasil

Cunha aponta “gol de mão” na tabelinha de Lula com Zanin

O deputado cassado reclamou da estratégia do Palácio do Planalto de apelar ao STF contra o Congresso e deu uma dica de como os senadores podem reverter a questão

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 28.04.2024 10:39 comentários 0
Cunha aponta “gol de mão” na tabelinha de Lula com Zanin
Foto: Reprodução/ CNN

O deputado cassado Eduardo Cunha (foto) voltou ao noticiário político por conta de articulações na Câmara e na Prefeitura do Rio de Janeiro. Neste domingo, 28, ele deu seu pitaco sobre a estratégia do governo Lula de apelar ao Supremo Tribunal Federal (STF) para barrar a desoneração da folha de pagamento prorrogada pelo Congresso Nacional.

“Um verdadeiro absurdo, o gol de mão do governo em provocar a justiça, para acabar com a desoneração da folha de pagamentos. Eu até acho errada a desoneração da forma que está, mas foi a aprovada pelo Congresso, vetada pelo governo e teve o seu veto derrubado”, analisou o ex-presidente da Câmara.

O Palácio do Planalto não apenas recorreu ao STF para se impor no embate com o Congresso, como a Advocacia Geral da União (AGU) escolheu o ministro Cristiano Zanin, ex-advogado de Lula e indicado pelo petista para o tribunal, para ser o relator do caso.

Uma dica de Cunha

“O mais importante é que a desoneração estava prevista na lei orçamentária aprovada, sendo o argumento do governo na ação uma falácia”, disse Cunha em seu perfil no X, reforçando o que já havia dito o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), ao anunciar recurso contra a liminar de Zanin, que já foi referendada por cinco colegas de STF — o julgamento em plenário virtual foi interrompido por pedido de vista do ministro Luiz Fux.

O deputado cassado finaliza a sequência de postagens com uma dica para os senadores: “Agora o Senado tem uma oportunidade de consertar isso, bastando na votação do PLP 233, que trata do DPVAT, onde o governo colocou um jabuti para aliviar o arcabouço fiscal, amarrar esse jabuti com a despesa da desoneração da folha. Se fizer isso, ou o jabuti morrerá ou o governo terá de rever essa posição”.

Cunha não conseguiu se eleger deputado em 2022, quando se arriscou a concorrer a uma cadeira na Câmara por São Paulo. A vaga do Rio de Janeiro ele deixou para a filha Dani Cunha (União-RJ), cujo mandato serve de pretexto para o deputado cassado frequentar a Câmara com assiduidade próxima daqueles que foram eleitos.

Brasil

Bebê é atingida por bala perdida em Hospital do Recife

27.05.2024 12:19 2 minutos de leitura
Visualizar

"Não consigo enxergar ninguém vendendo nada pelo Instagram"

Rodrigo Oliveira Visualizar

ICQ: O adeus de um gigante das mensagens instantâneas

Visualizar

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

Visualizar

Endrick faz nesta semana último jogo pelo Palmeiras

Visualizar

Encargos trabalhistas no Brasil: impacto na economia e informalidade

Visualizar

Tags relacionadas

Congresso Nacional Cristiano Zanin desoneração da folha de pagamento Eduardo Cunha Rodrigo Pacheco Senado STF
< Notícia Anterior

Lula escala Alckmin para confronto com Bolsonaro

28.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Esposa de Daniel Alves desmistifica rumores: "Não tem nada contra mim, muito pelo contrário"

28.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Bebê é atingida por bala perdida em Hospital do Recife

Bebê é atingida por bala perdida em Hospital do Recife

27.05.2024 12:19 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Encargos trabalhistas no Brasil: impacto na economia e informalidade

Encargos trabalhistas no Brasil: impacto na economia e informalidade

27.05.2024 12:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Romário e Marcos Braz em delação sobre desvio de dinheiro no Rio

Romário e Marcos Braz em delação sobre desvio de dinheiro no Rio

27.05.2024 11:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
MEC homologa fim de licenciatura 100% EAD

MEC homologa fim de licenciatura 100% EAD

27.05.2024 11:47 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.