Após ameaça de bloqueio, Telegram aceita reunião com TSE Após ameaça de bloqueio, Telegram aceita reunião com TSE
O Antagonista

Após ameaça de bloqueio, Telegram aceita reunião com TSE

avatar
Redação O Antagonista
1 minuto de leitura 23.03.2022 20:15 comentários
Brasil

Após ameaça de bloqueio, Telegram aceita reunião com TSE

O Telegram aceitou a proposta do presidente do TSE, Edson Fachin, para uma reunião virtual com integrantes da Assessoria Especial de Combate à Desinformação...

avatar
Redação O Antagonista
1 minuto de leitura 23.03.2022 20:15 comentários 0
Após ameaça de bloqueio, Telegram aceita reunião com TSE
Foto: Divulgação/Telegram

O Telegram aceitou a proposta do presidente do TSE, Edson Fachin, para uma reunião virtual com integrantes da Assessoria Especial de Combate à Desinformação.

A videoconferência, que pode pavimentar o caminho para que a plataforma se torne uma parceira da corte no combate a fake news, está marcada para esta quinta (24), às 11h.

Fachin endereçou o convite à empresa na última segunda, 21, após uma decisão de Alexandre de Moraes ordenar o bloqueio do aplicativo por descumprimento de ordens judiciais —a decisão foi revogada pelo próprio ministro do STF após as ordens serem acatadas.

O Telegram passou a ser um dos principais canais utilizados por Jair Bolsonaro e apoiadores depois que outras redes sociais derrubaram conteúdos classificados como fake news.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Análise

Lula continua sendo humilhado por Maduro 

Carlos Graieb
21.05.2024 13:46 3 minutos de leitura
Visualizar

Opositor critica Netanyahu, mas repudia pedido de prisão e comparação com Hamas

Visualizar

Leilão: A bíblia de 1 milhão de Elvis Presley

Visualizar

Crusoé: Após crise diplomática, Milei vai sair para cantar

Visualizar

PF combate fraudes no Enem em Marabá

Visualizar

O "novo cangaço" na mira da polícia em SP

Visualizar

Tags relacionadas

Alexandre de Moraes desinformação Edson Fachin eleições 2022 Telegram TSE< bloqueio
< Notícia Anterior

Rússia restringe acesso ao Google Notícias

23.03.2022 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Covid: Brasil registra 294 mortes em 24 horas, diz consórcio

23.03.2022 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

PF combate fraudes no Enem em Marabá

PF combate fraudes no Enem em Marabá

21.05.2024 13:29 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
O "novo cangaço" na mira da polícia em SP

O "novo cangaço" na mira da polícia em SP

21.05.2024 13:07 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Presidente da FFMS Francisco Cezário é preso por desvio milionário

Presidente da FFMS Francisco Cezário é preso por desvio milionário

21.05.2024 13:04 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Moraes defende "regulamentação internacional" da IA para eleições

Moraes defende "regulamentação internacional" da IA para eleições

21.05.2024 12:46 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.