Alerta em Noronha com branqueamento de corais Alerta em Noronha com branqueamento de corais
O Antagonista

Alerta em Noronha com branqueamento de corais

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 22.04.2024 21:28 comentários
Brasil

Alerta em Noronha com branqueamento de corais

Descubra como o branqueamento dos corais em Fernando de Noronha pode ser revertido e os impactos climáticos enfrentados.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 22.04.2024 21:28 comentários 0
Alerta em Noronha com branqueamento de corais
Fonte: divulgação / prefeitura

O aquecimento global está deixando marcas profundas nos ecossistemas marinhos, principalmente nos recifes de coral, que são essenciais para a biodiversidade oceânica. O recente estudo realizado em Fernando de Noronha revela um cenário preocupante com o branqueamento dos corais na região.

Qual é a causa do branqueamento dos corais em Fernando de Noronha?

Segundo a pesquisadora Marina Sissini da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o aumento constante da temperatura da água é o principal fator por trás do branqueamento dos corais observado. “Monitoramos a temperatura da água, que se manteve em torno dos 30 graus por várias semanas, um indicativo claro das condições favoráveis ao branqueamento”, explica Sissini.

O que foi observado durante os mergulhos de pesquisa?

No primeiro mergulho na área da Sapata, pesquisadores identificaram uma grande quantidade de corais pálidos e doentes. Marina Sissini detalha: “Em profundidades de até 22 metros, encontramos corais visivelmente afetados. Nas áreas mais rasas, o índice de branqueamento chegou a 100% em algumas espécies.”

Existe alguma esperança para a recuperação dos corais?

Apesar da situação alarmante, a pesquisadora menciona que em regiões rasas, os corais podem se recuperar do branqueamento. “Observamos que, apesar do forte impacto, há potencial de recuperação nas áreas menos profundas, onde o impacto da luz solar é mais intensivo”, analisa Sissini.

Como as mudanças climáticas estão afetando a saúde dos oceanos?

O professor Paulo Hora, também da UFSC, ressalta a importância de ações globais para a mitigação das mudanças climáticas, essenciais para a preservação do ambiente marinho. “Precisamos abordar a questão das mudanças climáticas com urgência. A solução passa por interromper o desmatamento, reduzir emissões de gases estufa e combater a poluição marinha”, propõe.

    • Monitoramento de temperatura no local
    • Identificação de áreas afetadas e grau de impacto
    • Estratégias e medidas para mitigação dos efeitos do aquecimento global

Esse cenário no arquipélago de Fernando de Noronha serve como um alarme para o mundo sobre a necessidade de ações conjuntas para a preservação dos recifes de coral, vitais para o equilíbrio dos oceanos. A comunidade científica e ambiental se une em busca de soluções que possam mitigar esses fenômenos cada vez mais frequentes e intensos.

Qual papel de documentaristas e cientistas na conscientização sobre esses fenômenos?

Fábio Borges, documentarista envolvido no projeto, destaca a importância da visualização desses impactos através de documentários. “Levar as imagens que captamos para o público, mostra a urgência das ações necessárias para proteger esses ecossistemas,” conclui Borges.

O compromisso com a sustentabilidade e a preservação ambiental nunca foi tão crucial. As informações e imagens vindas de Fernando de Noronha reforçam o quão vital é nossa atuação imediata perante a crise climática global.

Mundo

BMW deve anunciar pelo menos 14 novos modelos até 2025

19.05.2024 13:45 3 minutos de leitura
Visualizar

EUA acompanham incidente com helicóptero de Raisi

Visualizar

Profissões antigas que a tecnologia ajudou a tirar do mercado

Visualizar

Porto Alegre reabre escolas pós-enchente: Esperança e recuperação

Visualizar

Blue Origin volta a lançar turistas ao espaço

Visualizar

Portugal confirma novo Aeroporto de Lisboa

Visualizar

Tags relacionadas

fernando de noronha
< Notícia Anterior

A testosterona fake de Bolsonaro

22.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Crusoé: Milei anuncia 3º mês de superávit

22.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Porto Alegre reabre escolas pós-enchente: Esperança e recuperação

Porto Alegre reabre escolas pós-enchente: Esperança e recuperação

19.05.2024 13:06 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Sol começa a aparecer no Rio Grande do Sul

Sol começa a aparecer no Rio Grande do Sul

19.05.2024 12:41 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Guia de declaração de IR para MEIs e MEs: Tudo que você precisa saber

Guia de declaração de IR para MEIs e MEs: Tudo que você precisa saber

19.05.2024 12:32 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Stédile encontra papa Francisco e pede bênção ao MST

Stédile encontra papa Francisco e pede bênção ao MST

19.05.2024 11:52 1 minuto de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.