O Antagonista

Adolescente morre afogado na Grande Florianópolis após temporal

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 29.01.2024 13:47 comentários
Brasil

Adolescente morre afogado na Grande Florianópolis após temporal

O jovem de 17 anos andava de bicicleta quando começou o temporal, ele foi arrastado pela correnteza e morreu afogado

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 29.01.2024 13:47 comentários 0
Adolescente morre afogado na Grande Florianópolis após temporal
Adolescente morre afogado na Grande Florianópolis após temporal

Um adolescente de 17 anos morreu afogado em São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis (SC), por causa das fortes chuvas que atingiram a região, neste domingo, 28.

João Gustavo Barbosa Cândido andava de bicicleta quando um temporal causou o transbordamento do Rio Imaruí, que corta a cidade. Ele foi arrastado pela enxurrada.

A prefeitura de São Pedro de Alcântara manifestou profundo pesar pelo falecimento de João Gustavo Barbosa Cândido e estendeu suas mais sinceras condolências às famílias enlutadas. Em solidariedade, o município decretou três dias de luto municipal.

Além da morte de João, as intensas chuvas também destruíram parte do município de São Pedro de Alcântara.

O fornecimento de energia elétrica foi interrompido e só foi restabelecido nesta manhã, segundo informações da prefeitura.

Deslizamento de terra deixa parte de rodovia interditada

Na altura do quilômetro 14 da rodovia SC-281, no bairro de Santa Teresa, um deslizamento de encosta afetou o tráfego de veículos, restringindo a passagem para veículos de pequeno porte pelo acostamento.

Ruas ficaram alagadas, o sistema de telefonia está instável e uma casa de madeira foi atingida por um deslizamento de terra. Apesar da destruição do imóvel, os moradores já haviam deixado o local.

Em Jaraguá do Sul, localizada cerca de 200 quilômetros ao norte de São Pedro de Alcântara, a chuva também causou transtornos, incluindo alagamentos em algumas regiões da cidade.

Segundo a prefeitura, choveu aproximadamente 50 milímetros em apenas uma hora, um volume significativo em um curto período de tempo. Até o momento, não há registros de feridos, desabrigados ou desalojados.

Alerta da Defesa Civil

O diretor da Defesa Civil municipal, Hideraldo Colle, emitiu um comunicado solicitando que a população esteja atenta a possíveis sinais de alerta que indiquem riscos de deslizamentos. Mesmo com a diminuição das chuvas na região pela manhã, o solo permanece encharcado e instável.

Colle ressaltou a importância de observar rachaduras nas paredes das casas, depressões no terreno e inclinação de árvores e postes, pois esses são sinais de possíveis deslizamentos na área.

As pessoas devem observar possíveis rachaduras nas paredes das casas, depressões nos terrenos ou inclinação de troncos de árvores e postes. Estes são sinais de que poderá ocorrer um deslizamento na área”, disse o diretor.

De acordo com a Defesa Civil estadual, as fortes chuvas que atingiram a Grande Florianópolis foram resultado da influência de um fenômeno meteorológico chamado Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (Vcan), que se combinou com um sistema de alta pressão em superfície e afetou as condições climáticas no centro-sul do país.

Ainda segundo o órgão, o Vcan já está se afastando, mas são esperadas pancadas de chuva e temporais isolados em algumas localidades durante a tarde desta segunda-feira, 29, especialmente nas regiões litorâneas e no Vale do Itajaí. Existe o risco de alagamentos, enxurradas, danos na rede elétrica e destelhamentos.

Com informações da Agência Brasil

Esportes

Corinthians é eliminado do Paulistão após vitória da Inter de Limeira

02.03.2024 23:06 2 minutos de leitura
Visualizar

Navalny: o sopro de liberdade que desafia Putin

Catarina Rochamonte Visualizar

Confira os adversários de Grêmio e Inter nas quartas de final do Gauchão

Visualizar

Augusto Melo confirma que dívida do Corinthians com Rojas é de R$ 8 milhões

Visualizar

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Visualizar

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

Visualizar

Tags relacionadas

Defesa Civil Florianópolis fortes chuvas morte Santa Catarina
< Notícia Anterior

Restos a pagar em 2024 alcançam R$ 284,8 bilhões, diz Fazenda

29.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Crusoé: "'Não há plano B', adverte presidente argentino Javier Milei"

29.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

02.03.2024 21:41 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

02.03.2024 21:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

02.03.2024 21:09 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

02.03.2024 19:56 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.