Santos reconhece o próprio tamanho para liderar o Paulistão Santos reconhece o próprio tamanho para liderar o Paulistão
O Antagonista

Santos reconhece o próprio tamanho para liderar o Paulistão

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 15.02.2024 11:16 comentários
Análise

Santos reconhece o próprio tamanho para liderar o Paulistão

Postura adotada dentro e fora de campo deve ser determinante para o retorno à Série A, mas a nota sobre Edina escancarou o atual tamanho do clube

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 15.02.2024 11:16 comentários 0
Santos reconhece o próprio tamanho para liderar o Paulistão
Fotos: Raul Baretta/ Santos FC

Nenhum clube entre os maiores do Brasil começou 2024 tão bem quanto o Santos, que havia terminado 2023 entre os piores. Após ter sido rebaixado pela primeira vez em sua história, no Campeonato Brasileiro, o time da Vila Belmiro lidera o Campeonato Paulista na classificação geral (só pode ser ultrapassado pelo Palmeiras, que tem jogos a menos) e garantiu na noite de quarta-feira, 14, a passagem para a próxima fase da competição, ao vencer o São Paulo fora de casa por 1×0.

O clássico expôs um time sereno, apesar das limitações e das chances oferecidas aos donos da casa, que, desfalcados, tiveram dois gols anulados por detalhes e, apesar de dominarem as ações da partida, não foram capazes de aproveitar as oportunidades criadas.

À moda Carille

Consistente defensivamente, bem à moda do treinador Fábio Carille, o Santos conta apenas uma derrota no ano, para a favorito Palmeiras, e está entre as melhores defesas do Paulistão, com apenas cinco gols sofridos, ao lado de Novorizontino e do rival alviverde.

A dupla de meio Pituca e João Schmidt é fundamental para esse equilíbrio defensivo do time, que conta ainda com Gil, descartado prematuramente pelo Corinthians, para proteger a meta de Rafael Cabral.

Precavido, o time demonstra que sabe exatamente seu lugar no momento e, a continuar na mesma toada, voltará para a Série A do Brasileirão com tranquilidade neste ano.

A comparação com o Corinthians, que se safou por pouco no ano passado e começou 2024 capengando, vítima de uma postura bem menos humilde que a do Santos, destaca ainda mais os acertos do Peixe.

Edina

Nada deixou mais claro o atual tamanho do Santos, contudo, quanto a nota publicada para pressionar a árbitra Edina Alves antes da partida contra o São Paulo.

“Sobre a escolha da árbitra Edina Alves para apitar o clássico São Paulo e Santos no Morumbis, o Santos FC respeita a decisão da Comissão de Arbitragem da Federação Paulista de Futebol, espera que graves erros cometidos pela árbitra no passado tenham servido de reflexão e aprimoramento em seu nível técnico para que possa conduzir junto com seus auxiliares um jogo tão importante da primeira fase do Campeonato, sem prejuízo ao espetáculo, para que os protagonistas da partida sejam os atletas”, diz a nota divulgada às vésperas da partida.

A mensagem termina assim: “O Santos FC está em fase de reconstrução de sua história, não precisa ser beneficiado, mas exige retidão e imparcialidade para que nada o prejudique nesta retomada”.

Sombra

A nota do Santos, baseada em partida de 2022 contra o próprio São Paulo, na qual Edina não marcou dois pênaltis reclamados pelos alvinegros, jogou uma sombra sobre a arbitragem da partida, que acabou decidida por um pênalti convertido pelo colombiano Morelos (foto).

A marcação da penalidade ocorreu após intervenção do VAR, que interveio também para anular o gol de empate do São Paulo ao fim da partida, por um toque na mão de Erick. As interpretações sobre as decisões foram inevitavelmente condicionadas pela nota da diretoria santista.

As duas marcações — em especial a do pênalti — foram contestadas pelos são-paulinos. O presidente tricolor, Júlio Casares, reclamou da arbitragem “insegura” de Edina, que “picotou o jogo” e teria beneficiado o Santos na marcação de faltas.

O tamanho

Casares também criticou o Santos pela publicação da nota. “A gente lamenta, acho que uma nota antes do jogo remete ao futebol antigo. A federação precisa preparar os árbitros psicologicamente. Se isso vira moda, todos os clubes fazem nota na imprensa e desestabilizam o árbitro”, comentou.

A postura adotada pelo Santos — dentro e fora de campo — deve ser determinante para que o time volte à época de glórias, mas a nota divulgada antes da partida falou bem mais sobre o atual tamanho do clube do que seus dirigentes devem ter calculado.

Mundo

EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

Alexandre Borges
25.04.2024 04:46 2 minutos de leitura
Visualizar

Estrangeiros em protestos antissemitas podem ser deportados

Alexandre Borges Visualizar

Musk em guerra judicial por super pacote de remuneração

Alexandre Borges Visualizar

Athletico-PR vence o Danubio pela Sul-Americana e segue 100%

Visualizar

Botafogo vence o Universitario pela Libertadores com golaço de Luiz Henrique

Visualizar

Flamengo na Libertadores: Tite faz mudanças de última hora na escalação

Visualizar

Tags relacionadas

Campeonato Brasileiro campeonato paulista Fábio Carille futebol Santos Futebol Clube
< Notícia Anterior

Investigações apontam fuga pelo teto: Primeira fuga da história de sistema penitenciário federal em Mossoró

15.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Projeção da inflação em 2024 aumenta para 3,82%

15.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodolfo Borges

Rodolfo Borges é jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Trabalhou em veículos como Correio Braziliense, Istoé Dinheiro, portal R7 e El País Brasil.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Athletico-PR vence o Danubio pela Sul-Americana e segue 100%

Athletico-PR vence o Danubio pela Sul-Americana e segue 100%

24.04.2024 23:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Botafogo vence o Universitario pela Libertadores com golaço de Luiz Henrique

Botafogo vence o Universitario pela Libertadores com golaço de Luiz Henrique

24.04.2024 22:15 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Flamengo na Libertadores: Tite faz mudanças de última hora na escalação

Flamengo na Libertadores: Tite faz mudanças de última hora na escalação

24.04.2024 21:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Botafogo na Libertadores: com lesão, Tiquinho deixa o campo com apenas 7 minutos

Botafogo na Libertadores: com lesão, Tiquinho deixa o campo com apenas 7 minutos

24.04.2024 20:47 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.