O Antagonista

Partido Marciano dos Trabalhadores

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 14.06.2024 14:06 comentários
Análise

Partido Marciano dos Trabalhadores

O discurso de Lula na 112ª Conferência Internacional do Trabalho não vai entrar para os anais da história, mas disse muito sobre seu governo e a lamentável situação do Brasil

avatar
Rodolfo Borges
4 minutos de leitura 14.06.2024 14:06 comentários 0
Partido Marciano dos Trabalhadores
Foto: Ricardo Stuckert / PR

Lula fez na 112ª Conferência Internacional do Trabalho, na quinta-feira, 13, mais um discurso que não vai entrar para os anais da história, mas que disse muito sobre seu governo e a lamentável situação do Brasil.

O petista disse, entre outras coisas, que “a mão invisível do mercado só agrava a desigualdade”, enquanto a mão invisível de seu governo tenta tirar mais alguns trocados do bolso dos brasileiros. O presidente brasileiro defendeu também um “nova globalização de face humana” e a famigerada “taxação dos super-ricos”, para os aplausos da platéia amiga.

Outro trecho indigno de nota foi sua definição sobre inteligência artificial: “É a esperteza de algumas empresas que acumulam todos os dados de todo ser humano e, com a acumulação desses dados, sem pagar um único centavo de dólar para o povo, eles conseguem fazer o que estão fazendo hoje no mundo”. Segundo ele, “é uma tarefa revolucionária a gente tentar mudar esse quadro”.

“Massacre”

Natural e lamentavelmente, Lula não deixou de lembrar a todos sobre seu inexplicável posicionamento em relação aos conflitos na Ucrânia e em Gaza, finalizando o discurso com a seguinte frase: “Não à guerra entre a Rússia e a Ucrânia e não ao massacre da Faixa de Gaza, em que as grandes vítimas são mulheres e crianças”.

Não há guerra em Gaza? E não há massacre na Ucrânia, onde as grandes vítimas também são mulheres e crianças? O ditador Vladimir Putin não tem um mandado de prisão expedido por tribunal internacional por crime de guerra contra crianças?

Para além de tudo isso, chamou a atenção sua indicação de que o Partido dos Trabalhadores pode abrir um diretório em Marte — os entregadores por aplicativo do planeta vermelho que se cuidem. Em mais uma provocação ao bilionário Elon Musk, o petista disse o seguinte:

“A concentração de renda é tão absurda que alguns indivíduos possuem seus próprios programas espaciais, certamente tentando encontrar um planeta melhor do que a Terra, para não ficar no meio dos trabalhadores que são responsáveis pela riqueza deles.”

Corram para Marte

Lula seguiu: “Não precisamos buscar saída em Marte. É a Terra que precisa do nosso cuidado. Ela é a nossa casa, As enchentes que levaram destruição Sul do Brasil, ao Quênia e à China, e as secas na Amazônia, na Europa e no continente africano mostram que o planeta já não aguenta mais”.

Sérgio Sacani, geofísico e divulgador científico, levou Lula a sério e escreveu uma resposta em seu perfil no X: “Eu nunca vi na minha vida tanta coisa errada numa fala só, e isso ainda dita por um Presidente da República. A falta de conhecimento é um problema muito sério!!! @LulaOficial vamos conversar sobre exploração espacial, infelizmente tudo que você disse aí está errado.

Ninguém quer encontrar planeta algum

O fundador do canal de YouTube Space Today, o maior de astronomia do Brasil, enumerou dois erros conceituais de Lula:

1 – Bilionários possuem empresas espaciais e não agências, eles fazem isso, pois é algo extremamente caro e porque nos EUA a NASA fomenta isso desde 2010, ou antes até.

2 – Ninguém quer encontrar planeta algum, mesmo porque não existe nenhum outro planeta capaz de abrigar a vida humana, as empresas foram criadas para prestar serviço para outras empresas, como acontece em qualquer tipo de negócio.”

Sacani só errou ao levar Lula a sério.

Mais Lidas

1

Haddad descobre uma das únicas coisas que funcionam no Brasil, o meme

Visualizar notícia
2

Biden ironiza diagnóstico de covid-19 para criticar Musk

Visualizar notícia
3

Atirador avisou: "13 de julho será minha estreia"

Visualizar notícia
4

Crusoé: Líderes democratas no Congresso pediram a Biden que desistisse, diz imprensa

Visualizar notícia
5

ONG anti-Israel admite crimes de guerra do Hamas

Visualizar notícia
6

Corina acusa Maduro de raptar chefe de segurança

Visualizar notícia
7

Bruninho Samudio, filho de Bruno e Eliza, assina com o Botafogo

Visualizar notícia
8

Em discurso emocional, JD Vance defende trabalhadores americanos

Visualizar notícia
9

"Israel deve focar em túneis e quebrar espinha dorsal do Hamas"

Visualizar notícia
10

Segundo 7 de Setembro de Lula poderá custar até R$ 7,4 milhões

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Elon Musk guerra na Ucrânia Inteligência Artificial Lula OIT Sergio Sacani Vladimir Putin
< Notícia Anterior

Falso policial civil é preso em Monte Alegre de Minas

14.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Enchentes no RS causam prejuízo de R$ 3,32 bi ao varejo

14.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodolfo Borges

Rodolfo Borges é jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Trabalhou em veículos como Correio Braziliense, Istoé Dinheiro, portal R7 e El País Brasil.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Blindagem de Flávio é mais um pum de Bolsonaro que ele não soltou

Blindagem de Flávio é mais um pum de Bolsonaro que ele não soltou

Ricardo Kertzman
17.07.2024 17:01 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lula e as idiolulices sem fim

Lula e as idiolulices sem fim

Rodrigo Oliveira
17.07.2024 16:09 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A receita para denunciar desafetos do STF

A receita para denunciar desafetos do STF

Felipe Moura Brasil
17.07.2024 11:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
O desafio da Audi na Fórmula 1

O desafio da Audi na Fórmula 1

José Inácio Pilar
16.07.2024 11:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.