A ilusória disparada de Boulos em São Paulo A ilusória disparada de Boulos em São Paulo
O Antagonista

A ilusória disparada de Boulos em São Paulo

avatar
Rodolfo Borges
3 minutos de leitura 28.05.2024 16:29 comentários
Análise

A ilusória disparada de Boulos em São Paulo

Pesquisa indica que entrada de Pablo Marçal e José Luiz Datena na corrida pela Prefeitura de SP afeta intenções de voto de Ricardo Nunes, mas o prefeito fica à frente do candidato de Lula na projeção de segundo turno

avatar
Rodolfo Borges
3 minutos de leitura 28.05.2024 16:29 comentários 1
A ilusória disparada de Boulos em São Paulo
Foto: Roberto Parizotti/ Fotos Públicas

O deputado federal Guilherme Boulos (PSOL-SP, foto) celebrou os dados da pesquisa AtlasIntel divulgada nesta terça-feira, 28. “São Paulo quer mudança! A pesquisa Atlas/CNN divulgada hoje mostra que seguimos à frente na intenção de votos dos paulistanos. Vamos pra cima!”, postou o pré-candidato à Prefeitura da São Paulo, mencionando os números de intenção de voto do cenário com mais candidatos.

Boulos destacou seus 37,2% de intenções de voto contra os 20,5% do prefeito Ricardo Nunes (MDB) na simulação de disputa em que foram incluídos o coach Pablo Marçal (PRTB, 10,4%) e o apresentador José Luiz Datena (PSDB, 9,9%). Junto com eles estão os deputados federais Tabata Amaral (PSB, 9,9%) e Kim Kataguiri (União, 7,9%), além de Marina Helena (Novo, 3,5%) e Altino Prazeres JR. (PSTU, 0,5%).

Votos diluídos

O instituto responsável pela pesquisa publicou a seguinte análise sobre esses números: “As entradas de Pablo Marçal (10%) e Datena (9%) impactam principalmente o desempenho de Nunes, que passa a ter 21% nesse cenário. Boulos continua na liderança e amplia sua vantagem, mesmo mantendo seus 37%. Tabata (10%) e Kim (8%) são pouco afetados”.

As pré-candidaturas de Marçal e Datena estão longe da solidez das dos outros aspirantes à Prefeitura de São Paulo, por isso o AtlasIntel privilegiou o cenário sem os dois nomes. Nele, Boulos aparece com 37,2% das intenções de voto, contra 32,6% de Nunes — Tabata tem 11,1%, Kim, 9,3%, Marina Helena, 3,7%, e Altino, 1,2%.

Pesquisa AtlasIntel/CNN sobre a corrida pela Prefeitura de São Paulo
Foto: Reprodução/AtlasIntel

Mas o dado que vale mesmo, pelo que se projeta em todos os cenários, é o do segundo turno entre Boulos e Nunes. E, nesse caso, a vantagem é do prefeito da capital paulista, de 46% a 43,5%, ainda que em empate técnico. “Nunes lidera nos três cenários de 2º turno em que foi testado. A vantagem contra Boulos é de 2,5pp”, diz o instituto.

Popularidade de Nunes

A margem de erro da pesquisa, cujos dados foram coletados de 22 a 27 de maio, é de dois pontos percentuais para mais ou menos. Os dados mostram que, no cenário sem Marçal e Datena, que é comparável à última pesquisa do instituto, feita em abril, Boulos oscilou positivamente, de 35,6% para 37,2%, enquanto Nunes oscilou negativamente, de 33,7% para 32,6%. As boas notícias para Boulos acabam aí.

A aprovação da gestão de Nunes subiu de 36% para 40% desde abril, assim como a aprovação e um de seus principais cabos eleitorais, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), que oscilou de 50% para 52%. Já a aprovação do presidente Lula, principal cabo eleitoral de Boulos, caiu de 46% para 42%.

Enfim, Boulos segue longe do favoritismo que se pintou no ano passado, quando ele lançou a pré-candidatura.

Mundo

Valor do ouro despenca em comparação ao dólar

23.06.2024 15:20 3 minutos de leitura
Visualizar

Dalai Lama em Nova York para tratamento médico

Visualizar

Internacional sofre 2 desfalques após clássico Gre-Nal

Visualizar

Descoberto segredo de naufrágio de 3.000 anos

Visualizar

Brasil é derrotado pela França na Liga das Nações de Vôlei

Visualizar

Putin avisa que Rússia vai mudar doutrina nuclear

Visualizar

Tags relacionadas

Atlas Intel eleições 2024 Guilherme Boulos José Luiz Datena Pablo Marçal Ricardo Nunes
< Notícia Anterior

Vinicius Jr. fora da seleção de melhores de LaLiga

28.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Crusoé: MP do Peru denuncia presidente por Rolexgate

28.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodolfo Borges

Rodolfo Borges é jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Trabalhou em veículos como Correio Braziliense, Istoé Dinheiro, portal R7 e El País Brasil.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Curitibano

2024-06-03 18:58:04

Eleger o boulos fecal seria mais um golpe na esperança de um país menos indecente.


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Quem acredita no Lula evangélico?

Quem acredita no Lula evangélico?

Rodolfo Borges
23.06.2024 12:17 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lula enjoa

Lula enjoa

Carlos Graieb
21.06.2024 18:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A visão aquém do alcance de Gleisi

A visão aquém do alcance de Gleisi

Rodrigo Oliveira
21.06.2024 16:40 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ato 2 do ilusionismo matemágico terá pente-fino nos gastos

Ato 2 do ilusionismo matemágico terá pente-fino nos gastos

Rodrigo Oliveira
21.06.2024 08:58 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.