Apple multada em 1,8 bilhão de euros pela UE Apple multada em 1,8 bilhão de euros pela UE
O Antagonista

Apple multada em 1,8 bilhão de euros pela UE

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 04.03.2024 09:58 comentários
Tecnologia

Apple multada em 1,8 bilhão de euros pela UE

A UE tem também investigado e multado outras gigantes como Google, Amazon, Microsoft e Meta

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 04.03.2024 09:58 comentários 0
Apple multada em 1,8 bilhão de euros pela UE
Foto: Pixabay

A União Europeia impôs uma multa recorde de 1,8 bilhão de euros (aproximadamente R$ 10 bilhões) à Apple nesta segunda-feira, 4. A UE tem também investigado e multado outras gigantes como Google, Amazon, Microsoft e Meta.

A penalidade, resultado de uma investigação de cinco anos desencadeada por uma queixa do Spotify, é uma das mais severas já aplicadas pela UE contra a empresa norte-americana, acusada de usar seu domínio na App Store para limitar a concorrência entre serviços de streaming de música.

Margrethe Vestager, vice-presidente executiva da Comissão Europeia responsável pela política de concorrência, afirmou que a Apple “abusou de sua posição dominante no mercado de distribuição de aplicativos de streaming de música através da App Store por uma década.”

A Apple exigiu que aplicativos utilizassem seu sistema de pagamento interno, cobrando até 30% de comissão em cada transação. Essa política tem sido criticada por desenvolvedores, que consideram a taxa excessiva. Reguladores na Holanda e na Coreia do Sul já emitiram leis ou ordens para obrigar a Apple a permitir serviços de pagamento alternativos.

A Apple anunciou que vai recorrer da decisão. Em sua defesa, a gigante californiana destacou o crescimento do Spotify, que adicionou mais de 100 milhões de assinantes fora do aplicativo nos últimos oito anos, como evidência de que os usuários possuem alternativas fora da App Store.

Em resposta à nova legislação da UE, o Digital Markets Act, que exige que a Apple abra o iPhone para lojas de aplicativos concorrentes e permita que criadores de aplicativos aceitem pagamentos diretamente, a Apple propôs três opções para desenvolvedores, tentando compatibilizar sua política com a lei, ao mesmo tempo em que, segundo ela, “mantém a segurança dos usuários do iPhone contra malware, spam ou fraude”.

Brasil

Virgínia dá 26 presentes para Zé Felipe

22.04.2024 20:08 3 minutos de leitura
Visualizar

Sala Antagonista #10: Manoel Horácio

Visualizar

Coreia do Norte escala tensão com testes de Mísseis

Visualizar

Elogiar o VAR brasileiro já é demais, Textor

Rodolfo Borges Visualizar

Dengue em São Paulo: dois distritos escapam da epidemia

Visualizar

Fifa fecha contrato bilionário

Visualizar

< Notícia Anterior

Crusoé: Milei, mais determinado que Bolsonaro

04.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Imposto de Renda para aposentados: dicas para evitar erros e multas

04.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Lei que pode banir TikTok dos EUA aprovada na Câmara

Lei que pode banir TikTok dos EUA aprovada na Câmara

Alexandre Borges
22.04.2024 05:35 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Microsoft amplia parceria para investir em tecnologia no Oriente Médio

Microsoft amplia parceria para investir em tecnologia no Oriente Médio

21.04.2024 08:30 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Como a IA está sendo usada para criar playlists

Como a IA está sendo usada para criar playlists

21.04.2024 08:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Em um dia Mark Zuckerberg enriquece 3 bilhões com IA

Em um dia Mark Zuckerberg enriquece 3 bilhões com IA

20.04.2024 07:33 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.