Tribunal de NY anula uma das condenações de Harvey Weinstein Tribunal de NY anula uma das condenações de Harvey Weinstein
O Antagonista

Tribunal de NY anula uma das condenações de Harvey Weinstein

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 25.04.2024 11:25 comentários
Mundo

Tribunal de NY anula uma das condenações de Harvey Weinstein

O ex-produtor de Hollywood, contudo, continuará preso por uma condenação por estupro em Los Angeles

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 25.04.2024 11:25 comentários 0
Tribunal de NY anula uma das condenações de Harvey Weinstein
Foto: Peabody Awards/Wikimedia Commons

O Tribunal de Apelações do estado de Nova York anulou nesta quinta-feira, 25, uma das condenações por estupro de Harvey Weinstein (foto), ex-produtor de cinema de Hollywood.

Por quatro votos a três, o tribunal concluiu que o juiz de primeira instância cometeu, em 2020, um erro ao permitir que os promotores apresentassem depoimentos de mulheres que alegaram que o ex-produtor as agrediu, embora elas não fizessem parte das acusações enfrentadas por ele.

Segundo o tribunal, o erro foi agravado quando o juiz permitiu que Weinstein fosse interrogado de uma maneira que o retratou de modo “altamente prejudicial”.

“A solução para estes erros flagrantes é um novo julgamento”, determinou o Tribunal de Apelações.

Harvey Weinstein, contudo, continuará preso por uma condenação por estupro em Los Angeles.

A condenação anulada

O ex-produtor de cinema Harvey Weinstein foi condenado, em 24 de fevereiro de 2020, no estado de Nova York, por ter atacado sexualmente a ex-assistente de produção Mimi Haleyi e estuprado Jessica Mann, que foi aspirante a atriz.

Na ocasião, Weinstein era acusado de cinco crimes, mas foi considerado inocente em três deles.

Segundo Haleyi, o ex-produtor a convidou para sua casa no Soho, onde a empurrou para um quarto e fez sexo oral nela.

Condenado também em Los Angeles

Em dezembro de 2022, Harvey Weinstein foi declarado culpado por estupro e agressão sexual também em Los Angeles. Ele foi processado por quatro mulheres.

Os membros do júri declararam Weinstein culpado de todas as acusações apresentadas pela primeira das quatro mulheres, inocente das acusações apresentadas por uma segunda mulher, e não chegaram a um veredicto sobre as imputações apresentadas pelas outras duas.

A condenação rendeu a ele uma pena de mais 16 anos de prisão.

O ex-produtor se tornou o principal alvo das denúncias de violência sexual em Hollywood em 2017, no fenômeno chamado movimento Me Too.

Mais de 100 mulheres na indústria afirmaram terem sido vítimas de violência sexual de Weinstein, e 20 o acusaram de estupro.

Brasil

Seif é flagrado em jantar de ministros e ex-integrantes do TSE

Wilson Lima
23.05.2024 15:03 2 minutos de leitura
Visualizar

Senado aprova PL que cria espaço para comunidade LGBTQIA+ nos presídios

Visualizar

Um dos epicentros da tragédia no RS é alvo de disputa entre Lula e Bolsonaro

Visualizar

Lula sinaliza veto ao fim da isenção das blusinhas da Shein

Wesley Oliveira Visualizar

Sasha Meneghel lança sua própria marca de roupas: Mondepars

Visualizar

Cuca faz convite a Gabigol para jogar pelo Athletico-PR

Visualizar

Tags relacionadas

estupro Harvey Weinstein Justiça dos EUA violência sexual
< Notícia Anterior

Ministros correm no Congresso depois da bronca de Lula

25.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Onde assistir aos jogos de hoje, 25/04, na TV e streaming

25.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

A carta da irmã de uma refém do Hamas após o vídeo do sequestro

A carta da irmã de uma refém do Hamas após o vídeo do sequestro

Felipe Moura Brasil
23.05.2024 13:50 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Taylor Swift faz Governo dos EUA abrir processo contra a Live Nation

Taylor Swift faz Governo dos EUA abrir processo contra a Live Nation

23.05.2024 12:57 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Mileipalooza

Crusoé: Mileipalooza

23.05.2024 12:09 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Obra de Bacon de €5 Milhões roubada em Madrid é recuperada

Obra de Bacon de €5 Milhões roubada em Madrid é recuperada

23.05.2024 10:53 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.