Terremoto no Japão: mais de 200 pessoas seguem desaparecidas Terremoto no Japão: mais de 200 pessoas seguem desaparecidas
O Antagonista

Terremoto no Japão: mais de 200 pessoas seguem desaparecidas

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 05.01.2024 11:00 comentários
Mundo

Terremoto no Japão: mais de 200 pessoas seguem desaparecidas

Mais de 200 pessoas estão desaparecidas no Japão em decorrência do terremoto que atingiu a região central do país na segunda-feira, 1º...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 05.01.2024 11:00 comentários 0
Terremoto no Japão: mais de 200 pessoas seguem desaparecidas
Reprodução

Mais de 200 pessoas estão desaparecidas no Japão em decorrência do terremoto que atingiu a região central do país na segunda-feira, 1º.

As equipes de resgate correm contra o tempo para encontrar sobreviventes, já que as chances de localizar pessoas com vida caem de forma significativa após 72 horas.

A prefeitura de Ishikawa informou nesta sexta-feira, 5, que o terremoto causou pelo menos 94 mortes. Outras 222 pessoas são consideradas desaparecidas.

“Estamos fazendo todo o possível para realizar operações de resgate nos vilarejos isolados […]. No entanto, a realidade é que o problema do isolamento não foi resolvido tanto quanto gostaríamos”, disse o governador de Ishikawa, Hiroshi Hase.

As buscas são dificultadas pelas chuvas e pelo frio intenso, com temperaturas abaixo de zero. Segundo as agências de meteorologia japonesas, há risco de nevasca no domingo, 7.

Terremoto de magnitude 7,6

Com magnitude 7,6, o tremor chegou a ser sentido em Tóquio, a 300 quilômetros de distância do epicentro. O terremoto sacudiu a península de Noto, fina faixa de terra a cerca de cem quilômetros no mar.

Mais de 33 mil pessoas ficaram desabrigadas e foram levadas para centros de evacuação com acesso limitado a eletricidade e água.

Ao menos 26 mil residências continuam sem eletricidade em Ishikawa e 90 mil continuam sem água potável em duas regiões vizinhas.

Pelo menos 460 pessoas ficaram feridas no forte terremoto que atingiu o Japão no Ano Novo e nas centenas de tremores secundários dos dias seguintes.

Um tsunami, com ondas de mais de um metro de altura, atingiu a costa, danificando casas e estradas ao longo da orla marítima.

Na quinta-feira, 4, o primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, classificou o terremoto como o “desastre mais grave” de Reiwa, era que começou com a ascensão ao trono do imperador japonês Naruhito, em 2019.

Cinturão de fogo

O Japão é um dos países do mundo com maior frequência de terremotos por estar localizado no chamado “cinturão de fogo” do Pacífico.

Brasil

Bolsa Família 2024: Evite suspensões atualizando seu cadastro

24.05.2024 19:30 3 minutos de leitura
Visualizar

Megaoperação em SP apreende 85 mil vapes

Visualizar

John Textor planeja vender o time Crystal Palace

Visualizar

Prefeitura de Porto Alegre arranca comporta e usa sacos de areia para barrar enchente

Visualizar

INSS e sindicato unem forças: Novas mudanças para bancários

Visualizar

Deslizamento catastrófico em Papua-Nova Guiné

Visualizar

Tags relacionadas

Japão terremoto
< Notícia Anterior

Crusoé: "Todos os países que pagaram a Trump durante seu mandato"

05.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Reforma da Previdência provoca mudanças na aposentadoria a partir de 2024

05.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Deslizamento catastrófico em Papua-Nova Guiné

Deslizamento catastrófico em Papua-Nova Guiné

24.05.2024 18:59 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
EUA restringem importação da Austrália por gripe aviária

EUA restringem importação da Austrália por gripe aviária

24.05.2024 18:39 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Coreia do Sul e Japão sancionam Rússia e Coreia do Norte

Coreia do Sul e Japão sancionam Rússia e Coreia do Norte

24.05.2024 18:33 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Entenda a exclusão de Taiwan na reunião da OMS

Entenda a exclusão de Taiwan na reunião da OMS

24.05.2024 18:23 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.