O Antagonista

Rudy Giuliani perde licença para advogar

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 03.07.2024 07:30 comentários
Mundo

Rudy Giuliani perde licença para advogar

Ex-prefeito de Nova York e ex-advogado pessoal de Donald Trump foi condenado devido a ações relacionadas às eleições presidenciais de 2020

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 03.07.2024 07:30 comentários 0
Rudy Giuliani perde licença para advogar
Foto: Alan Santos/PR

O Tribunal de Nova York cassou a licença de advocacia de Giuliani, com efeito imediato. A decisão foi baseada em várias acusações, incluindo a de que ele “flagrantemente abusou de sua posição de destaque” como advogado de Trump.

Ele fez repetidamente declarações falsas sobre a eleição de 2020, algumas consideradas perjúrios, e o tribunal concluiu que Giuliani “atacou e minou sem fundamento a integridade do processo eleitoral”.

Entre as alegações infundadas de fraude eleitoral, Giuliani afirmou que um voto havia sido lançado em nome do falecido boxeador Joe Frazier na Filadélfia, alegou que as máquinas de votação da Dominion Voting Systems haviam sido programadas para alterar votos de Trump para Biden, e declarou que 300.000 votos “ilegais” haviam sido lançados em Michigan. Ele também afirmou que funcionários eleitorais em Atlanta haviam processado “cédulas secretas” escondidas em “malas”, o que foi desmentido por investigações oficiais.

O tribunal afirmou que Giuliani “contribuiu ativamente para o conflito nacional que se seguiu à eleição presidencial de 2020” e observou que ele não demonstrou arrependimento por suas ações. Giuliani também foi condenado a pagar uma indenização de 148 milhões de dólares por difamar trabalhadores eleitorais da Geórgia e entrou com pedido de falência após essa condenação, relatando dívidas estimadas em 152 milhões de dólares. Além disso, ele enfrenta acusações criminais no Arizona por um esquema de eleitores falsos.

Quem é Rudy Giuliani?

Rudy Giuliani ganhou destaque nacional como prefeito de Nova York, especialmente por sua liderança durante os ataques de 11 de setembro de 2001.

Conhecido por suas políticas de “tolerância zero” ao crime, Giuliani ajudou a transformar Nova York em uma das cidades mais seguras dos Estados Unidos durante seu mandato de 1994 a 2001. Após deixar a prefeitura, ele se tornou uma figura influente na política americana, atuando como advogado pessoal de Donald Trump.

Nos últimos anos, sua carreira foi marcada por controvérsias e investigações legais, culminando na recente cassação de sua licença para advogar.

Mais Lidas

1

Foi para isso que Boulos salvou Janones da rachadinha?

Visualizar notícia
2

Atentado a Trump: os ataques cretinos e as críticas legítimas à imprensa

Visualizar notícia
3

Homem morto em comício de Trump protegeu família de tiros

Visualizar notícia
4

Atirador que tentou matar Trump tinha material explosivo em carro

Visualizar notícia
5

Atirador que tentou matar Trump trabalhava em casa de repouso

Visualizar notícia
6

Melania Trump descreve atirador como “monstro” e pede união

Visualizar notícia
7

Barroso, após atentado a Trump: “Violência é derrota de espírito”

Visualizar notícia
8

Biden anuncia investigação independente de atentado contra Trump

Visualizar notícia
9

Dino critica “esquisito direito constitucional” a porte de armas

Visualizar notícia

< Notícia Anterior

Você pode ajudar a encontrar Fabrício, um dos desaparecidos do Brasil

03.07.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Concurso Público em Vitória da Conquista: Ótimas oportunidades com salários de R$ 6.700

03.07.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Londres tenta diminuir violência de jovens no Reino Unido

Londres tenta diminuir violência de jovens no Reino Unido

14.07.2024 17:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Estados Unidos vê aumento de contratações de brasileiros

Estados Unidos vê aumento de contratações de brasileiros

14.07.2024 17:10 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
FBI investiga falhas de identificação no atentado contra Trump

FBI investiga falhas de identificação no atentado contra Trump

14.07.2024 17:03 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Atirador que tentou matar Trump trabalhava em casa de repouso

Atirador que tentou matar Trump trabalhava em casa de repouso

14.07.2024 16:51 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.