Macron propõe 'plano de luta' contra queda de natalidade na França, gerando polêmica Macron propõe 'plano de luta' contra queda de natalidade na França, gerando polêmica
O Antagonista

Macron propõe ‘plano de luta’ contra queda de natalidade na França, gerando polêmica

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.01.2024 16:06 comentários
Mundo

Macron propõe ‘plano de luta’ contra queda de natalidade na França, gerando polêmica

Uma crescente questão demográfica assombra a França: a queda constante da taxa de natalidade...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.01.2024 16:06 comentários 0
Macron propõe ‘plano de luta’ contra queda de natalidade na França, gerando polêmica
Fonte: Divulgação

Uma crescente questão demográfica assombra a França: a queda constante da taxa de natalidade. No esforço de enfrentar tal situação, o presidente Emmanuel Macron apresentou na terça-feira (16) um “grande plano de luta” contra o problema, com o objetivo de permitir um “rearmamento demográfico” no país.

Natalidade na França: panorama atual

Segundo o balanço demográfico anual do Insee, a taxa de natalidade na França diminuiu 6,6% entre 2022 e 2023. Pela primeira vez, a taxa de fecundidade caiu em todas as faixas etárias, inclusive entre mulheres de 30 a 34 anos, período em que as francesas mais têm filhos.

Detalhes do plano proposto por Macron

Um dos pontos-chave da proposta de Macron é a substituição da atual licença parental, que pode se estender até os 3 anos da criança, por uma “licença nascimento”. Esta teria um período máximo de seis meses, mas ofereceria uma melhor remuneração.

Respostas negativas à proposta

No entanto, o plano não foi bem recebido por todos. A utilização do termo “rearmamento demográfico” causou indignação, com várias parlamentares francesas criticando a expressão por sua semelhança com o lema “Trabalho, Família, Pátria” do regime de Vichy, na Segunda Guerra Mundial.

Organizações feministas também denunciaram uma política natalista contrária à autonomia das mulheres. Já o jornal Libération publicou uma extensa edição especial criticando as medidas e listando fatores que desencorajam a população francesa a ter filhos.

Vista de especialistas

Para especialistas em demografia, a queda da taxa de natalidade na França não é alarmante e deve ser encarada mais como um fenômeno do que como um problema. Propõem abordagens alternativas, como políticas públicas focadas no emprego de sêniors, mulheres ou recorrendo à imigração.

Conclusão

Enquanto o plano de Macron busca incitar o desejo de procriar existente, questão fundamental parece ser facilitar para as famílias a criação e a educação dos filhos e proporcionar melhor qualidade de vida para mães e pais. Tais mudanças poderiam efetivamente encarar o desafio demográfico que assola a França.

Esportes

Oficial: Vincent Kompany é o novo técnico do Bayern de Munique

29.05.2024 14:51 3 minutos de leitura
Visualizar

Onde assistir São Paulo x Talleres: confira detalhes da partida

Visualizar

Onde assistir Fluminense x Alianza Lima: confira detalhes da partida

Visualizar

Zubeldía pode deixar o São Paulo rumo a seleção argentina

Visualizar

Daniel Alves consegue primeiro cliente em sua nova empresa

Visualizar

Pessoa morre sugada por turbina de avião em Amsterdã

Visualizar

Tags relacionadas

Emannuel Macron França taxa de natalidade
< Notícia Anterior

Justiça bloqueia bens de Padilha por dívida de campanha

20.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Homem confessa ter ferimento por disparo acidental e pode responder por porte ilegal de arma

20.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Pessoa morre sugada por turbina de avião em Amsterdã

Pessoa morre sugada por turbina de avião em Amsterdã

29.05.2024 13:32 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Itamaraty "saúda" países europeus por reconhecimento do Estado palestino

Crusoé: Itamaraty "saúda" países europeus por reconhecimento do Estado palestino

29.05.2024 12:31 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Relatório detalha turbulência severa em voo para Singapura

Relatório detalha turbulência severa em voo para Singapura

29.05.2024 12:25 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A "Diplomacia do Panda" chinesa tem EUA como novo alvo

A "Diplomacia do Panda" chinesa tem EUA como novo alvo

29.05.2024 12:22 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.