"Jornalistas" da Al Jazeera eram terroristas, diz Israel "Jornalistas" da Al Jazeera eram terroristas, diz Israel
O Antagonista

“Jornalistas” da Al Jazeera eram terroristas, diz Israel

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 11.01.2024 19:50 comentários
Mundo

“Jornalistas” da Al Jazeera eram terroristas, diz Israel

As Forças de Defesa de Israel apresentaram documentos que alegadamente comprovam que dois “jornalistas” de Gaza, mortos em um ataque aéreo israelense, eram membros de grupos terroristas.

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 11.01.2024 19:50 comentários 0
“Jornalistas” da Al Jazeera eram terroristas, diz Israel
Foto: Reprodução, IDF/X

As Forças de Defesa de Israel apresentaram documentos que alegadamente comprovam que dois “jornalistas” de Gaza, mortos em um ataque aéreo israelense, eram membros de grupos terroristas.

Segundo as FDI, Hamza Al-Dahdouh e Mustafa Thuraya estavam envolvidos em atividades terroristas, incluindo o uso de drones contra forças israelenses.

Nesta quarta, 10, o porta-voz das FDI, Daniel Hagari, revelou documentos em árabe, afirmando que Hamza Al-Dahdouh, filho do chefe correspondente da Al Jazeera em Gaza, fazia parte do grupo terrorista Jihad Islâmica. Os documentos indicam que Hamza trabalhava na unidade de engenharia elétrica do grupo e tinha um histórico como líder de batalhão terrorista na área de Zeitoun, no norte de Gaza, responsável pelo lançamento de foguetes.

Sobre Mustafa Thuraya, Hagari afirmou ter encontrado documentos em centros de comando do Hamas que o ligavam ao grupo. Ele atuaria como vice-chefe de uma célula terrorista e estava envolvido na operação de drones que atacavam forças israelenses, levando ao bombardeio aéreo que resultou na sua morte.

O contra-ataque de Al Jazeera

A emissora estatal do Qatar, país que abriga os líderes do Hamas, negou as acusações, defendendo que os dois eram jornalistas. Até o momento, a rede não respondeu às alegações específicas de Israel, incluindo os documentos apresentados.

Entidades internacionais pedem uma investigação independente do incidente. As alegações de Israel podem ter implicações profundas, ainda mais com a falta de respostas claras da Al Jazeera.

Este caso mostra a delicada linha não apenas entre jornalismo e guerra, mas entre verdade e mentira.

Brasileiro desconstrói acusações de genocídio contra Israel em Haia

BBC se desculpa por errar contra Israel (de novo)

 

Brasil

Dengue em São Paulo: dois distritos escapam da epidemia

22.04.2024 19:09 3 minutos de leitura
Visualizar

Fifa fecha contrato bilionário

Visualizar

Você trocaria um Jair Bolsonaro por um Elon Musk?

Madeleine Lacsko Visualizar

Galvão vai a record

Visualizar

13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

Visualizar

Crusoé: PT escolhe ex-PDT para concorrer à prefeitura em Fortaleza

Visualizar

< Notícia Anterior

PSDB de São Paulo marca reunião em meio a crise interna

11.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Piloto da British Airways é sequestrado e torturado durante escala na África do Sul

11.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Fifa fecha contrato bilionário

Fifa fecha contrato bilionário

22.04.2024 19:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

13 guardas italianos presos por tortura á jovens detidos

22.04.2024 18:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Equador recaptura líder de facção que desencadeou crise de segurança

Crusoé: Equador recaptura líder de facção que desencadeou crise de segurança

22.04.2024 18:10 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Aumenta o número de casos de abuso infantil usando Inteligência Artificial nos EUA

Aumenta o número de casos de abuso infantil usando Inteligência Artificial nos EUA

22.04.2024 17:52 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.